VISTORIA, DE NOVO



Andei tentando agendar uma data para a vistoria anual obrigatória no Detran-RJ, sem sucesso. Na verdade um posto tinha vaga, o de Magé, mas me recuso a ter que viajar a outro município para me submeter a tal vistoria. E as datas disponíveis já eram para o mês de abril, donde concluo que como só tenho até 30 de abril para vistoriar meu carro (placa final 0) segundo o calendário divulgado, provavelmente não conseguirei cumprir a exigência, mesmo tentando o agendamento com dois meses de antecedência.

Outro dia, por conta de algum apagão, o sistema do Detran-RJ ficou fora do ar e as pessoas que tiveram seus carros vistoriados nesse dia não conseguiram levar o documento (CRLV) de 2011 para casa. Em nota, o Detran-RJ comunicava que as pessoas que lá estavam não precisariam fazer novo agendamento (seria o fim da picada!), bastando retornar aos postos nos 5 dias seguintes. Ora, qualquer morador do Rio sabe o caos que são os postos de vistoria em dias normais, imaginem nesses dias com movimento extra. E o pobre do cidadão que já perdeu o dia de trabalho para cumprir com essa obrigatoriedade, corre o risco de perder mais um dia dentro de um contêiner entupido de gente, rezando para uma boa alma gritar o seu nome e entregar o documento verdinho que lhe permitirá rodar o resto do ano.

Tirei visto no consulado dos EUA ano passado, e fiquei sabendo que não voltaria mais lá para buscar o passaporte com o visto, o mesmo seria entregue em casa por um serviço de courier, tipo DHL. Ora, se o Detran-RJ nos cobra absurdos R$ 36,12 apenas para imprimir o tal CRLV, por que não entregá-lo em domicílio, diminuindo o tumulto nos postos de vistoria e a perda de tempo da população motorizada? Por que não liberar carros com até 12 meses do primeiro emplacamento da tal vistoria? Volto a repetir, é cretino obrigar o cidadão que adquiriu um veículo 0-km a, poucos meses depois, submeter o tal veículo que, na esmagadora maioria dos casos, se encontrará praticamente no mesmo estado de quando ainda estava na loja. Isso também resultaria em postos de vistoria menos cheios e agendamento mais fácil para quem possui carro mais antigo.

Me lembro bem quando o atual esquema começou, com postos de vistoria nos bairros e todo um aparato tecnológico implantado. No primeiro ano, além da vistoria tradicional de luzes, pneus, equipamentos de segurança e medição de emissões, o carro era fotografado. Mas o melhor foi que a máfia instalada na sede da Av.Francisco Bicalho tinha ficado para trás, a partir daquele ano qualquer um poderia resolver suas demandas sem ter que recorrer a um despachante, a maioria deles instalados nos arredores da Francisco Bicalho. Foi uma grande virada, um grande avanço no serviço prestado à população do Rio, mas que depois desses anos todos está entrando em colapso.

Espero que as autoridades competentes olhem com menos descaso para o problema e efetuem uma correção de rumo. Tenho certeza que a grande maioria não se incomoda de ter seu carro vistoriado uma vez por ano, mas todos esperam que seja um serviço organizado, onde a hora marcada funcione de verdade e que o cidadão não seja prejudicado ao cumprir seu dever.


AC

18 comentários :

  1. Caro Alexandre. Por favor não reclame do ESTADO. Ele é maior que você e sempre está certo. Obedeça o que ele manda e fique quieto.

    ResponderExcluir
  2. A forma como são feitas estas vistorias é o fim da picada. Tem carro novo sendo reprovado por estarem fazendo de forma errada. A inspeção é necessária, mas em veículos com mais de 5 anos pelo menos.

    ResponderExcluir
  3. É uma forma de se arrecadar mais dinheiro. Vistoria é necessária, sim. Mas vá a um posto da baixada fluminense, por exemplo. Carros inacreditavelmente acabados são aprovados...

    ResponderExcluir
  4. Alexandre
    Tudo isso chega a ser surreal! Como pode? Fim da picada.
    Abraco!

    ResponderExcluir
  5. Caio Cavalcante28/02/11 19:44

    Alexandre,
    Pelo visto esse "apagão" técnico é frequente, já passei por isso.
    Realmente a desorganização impera. Não há o mínimo controle sobre os horários, você marca hora e aguarda quase uma hora para ter o carro vistoriado, como se todos nós fossemos uns desocupados. Alguns postos disponibilizam agendamento para sábado, mas aí e lidar com o mal humor e letargia dos funcionários.
    Grande abraço

    ResponderExcluir
  6. Que está um caos pra vistoriar, eu concordo. Tá impossível! Mas estranho essa vistoria em carros 0km. Já tive dois e não as fiz. Desconheço.
    Meu final de placa tb é zero.

    ResponderExcluir
  7. Essa coisa de ter que vistoriar é o fim da picada. Não tem que vistoriar nada... tem é que colocar fiscalização efetiva e, de vez em quando, pegar alguns aleatoriamente e realizar a vistoria "on the road", se estiver fora = pátio.

    Mas a fiscalização é uma droga, só sabem e só podem dar multas a ver com velocidade ou estacionamento ou algumas infrações leves...

    Se você até agenda uma vistoria, está abrindo caminho para a máfia do aluguel de equipamentos, só pra passar. É tapar o sol com a peneira.

    ResponderExcluir
  8. Tive que fazer vistoria no meu carro 0-km, na época com cerca de 300 km. Isso mesmo, trezentos quilômetros apenas. É mais do que óbvio que isso está bastante errado. Vistoria deveria ser feita somente a partir do 5º ano de idade do veículo e, a partir daí, de 3 em 3 anos, até completar 20 anos de idade. Depois disso, aí sim anualmente.

    ResponderExcluir
  9. O posto que opera aqui perto(não é tão perto, mas é o mais) é o da Haddock Lobo, perto da cidade nova.

    É o posto mais tecnologico do estado, agora me pergunta se eu já vi os rolos que tem lá funcionando? NUNCA!

    É ate uma dica para quem ta fazendo vistoria de Okm ou ate mesmo com 1/2 anos de uso, marquem nesse posto, pois aqui a vistoria não existe!

    Vc vem, eles conferem o ano, se tiver vazio ele manda ver as luzes e pronto, acabou... 10 minutos NO MAX!

    E o Brazola vai, empurrando com a barriga, mas vai...

    ResponderExcluir
  10. Luís, os rolos do dinamometro estão lá, mas os computadores foram roubados ainda no governo Rosinha. Lá era pra fazer uma inspeção completa a gratuita, mas...

    ResponderExcluir
  11. Se você for advogado pode entrar com um mandado de segurança para continuar rodando, já que é a ineficiência do estado que o está impedindo de se locomover. Talvez caiba até um habeas corpus preventivo, já que estaria sendo impedido de seu direito de ir e vir (de carro, mas é a mesma coisa né)..
    É absurdo isso... mas enfim, estamos no Brasil!

    ResponderExcluir
  12. Carioca revoltado01/03/11 10:33

    Essa putaria é a corrupção legalizada. Para marcar a vistoria como um cidadão comum você tem que esperar dois meses.

    Aí é só ligar num despachante, pagar 200 reais que ele marca para essa semana em que estamos. No máximo, para daqui a 10-14 dias. Nunca mais do que isso.

    E se tiver alguma característica fora do padrão, é só pagar 50 reais por cada coisa que "não deve ser vista".

    Isso é uma PUTARIA.

    ResponderExcluir
  13. Caro Alexandre.
    O comentário de "GOVERNO" só pode ser irônico; continue reclamando e gritando; temos obrigação de reclamar contra o que nos incomoda, seja lá da parte de quem venha o incômodo, e principalmente, se vier do Governo; todos nós sabemos que governos existem e foram criados para servir à sociedade, mesmo que hoje o Governo entenda que a sociedade existe para serví-lo. Mas, continuemos praticando, pelo menos ,o "jus esperneandi", não nos deixemos, simplesmente, conduzir ao matadouro sem, ao menos, berrarmos e espernearmos.
    Abs.
    Oskrmarinho

    ResponderExcluir
  14. Caro AC,

    Fico mt feliz por vc ser do Rio e criticar as maluquices que ocorrem somente aqui!

    Cheguei tem 45 minutos do posto do Detran la da Barra, mais precisamente na alvorada! La existem filas malditas, na entrada um cidadao te indica qual fila vc deve ir, mas na verdade nao tem padrao pois qd chego na fila a pessoa pergunta qual procedimento e pelo que vi essa mesma fila atendia carro 0km, atendia mudanca de cor, transferencia e vistoria anual.

    MArquei 12:45 ... fui atendido para averiguacao de luzes e gazes as 14:50 e liberaram o documento as 16:25. Diante desses numeros, nao ha o que argumentar ou falar, eh simplsmente patetico e desorganizado, fora que os atendentes sao grossos, ficam brigando entre si, ouvindo funk e falando palavrao na frente de qualquer um.

    Tenho outra otima historia para contar ... vistoria do ano passado, mas essa, daqui a pouco eu conto!

    Abracos

    ResponderExcluir
  15. Ih Rafael, ainda ta assim lá??

    Por conta desses prazos absurdo que o AC enfrentou uma vez fomos nesse posto na Barra, além de esperar umas 4~5 horas por tudo o cara marcou que a placa estava ilegível, olha a máfia dos caras lá(não sei se ainda tem, faz bem uns 6 anos isso).

    Ele disse que nem precisava fazer tudo, tinha um cara que pintava ali mesmo os número e vc era liberado, blz vamos falar com o cara, 400 contos pra pintar as 2 placas... HÁ!

    Voltamos pra casa, pintamos as placas(20 reais da tinta e uns 30 minutos de trabalho). Realmente os números tinham marcas de pedra normal de estrada, fomos a Bahia nas férias(numa época onde a estrada ainda tinha esse nome, mas isso é outro papo).

    Voltamos lá, mais 2 horas e pronto...

    Mas 400 reais pra pintar as placas foi realmente uma prova de como é a máfia do Detran...

    Anon: Nem sabia disso, realmente vergonhoso, sendo que se vc busca uma info lá, eles não sabem dizem pra ligar pro Detran... ridículo!

    Outra, não emplacam mais carro aos sábados, que lindo ne? Obriga o trabalhador a faltar um dia de trabalho...

    ResponderExcluir
  16. Mauro R.V.02/03/11 16:01

    Prezado AC.
    Discordo quanto a ter sido bom acabar com a "Mafia" dos despachantes.

    Antigamente voce podia resolver qualquer problema com eles e era rapido e BARATO.

    Agora ficou moralizado e é trabalhoso e CARO.

    Que raio de moralização é essa que o serviço correto ficou pior e mais caro que o corrupto?
    Viva a corrupção então! Quero Detran corrupto de novo!!

    ResponderExcluir
  17. Daniel San03/03/11 09:24

    Não tem de ter vistoria nenhuma. Ela é inócua,pois estou cansado de sair de um posto de vistoria e contemplar carcaças ambulantes andando sabe-se lá como,o que demonstra que o problema é fiscalização e não vistoria.Bastava mandar a Guarda Municipal parar um pouco de aplicar multas e tirar os cacarecos das ruas.Ela é principalmente uma fonte fenomenal de arrecadação para o Estado,com a famigerada taxa de vistoria,é uma fonte de corrupção,pois o Estado,ao dificultar tanto a vida do cidadão,passa a buscar "outros meios" pra se livrar da "Bendita" vistoria. Sem falar nas exigências que o Estado vive inventando de tempos em tempos.Quem não se lembra do famoso kit de primeiros socorros,do qual os motoristas foram liberados de adquirir depois que um monte deles (eu incluso) comprou raio do kit. Sinto-me um perfeito idiota ao levar meu carro para o exame de poluentes e topar com um sem número de ônibus soltando fumaça preta pelo escapamento.Justamente os ônibus,que por serem movido a Diesel poluem mais do que o etanol e a gasolina. Por fim ela é inútil,uma vez que o trânsito vive cada vez mais caótico e não vejo nada desse trabalho ser revertido em manutenção das ruas,que dispensam comentários.

    ResponderExcluir
  18. TANTO DINHEIRO ARRECARDADO PELO DETRAN E NADA REPASSADO AS RUAS MINTO É SIM "COMO MAIS RADARES" PARA ARRECARDAR MAIS DINHEIRO DO CONTRIBUINTE, COM DESCULPA DE NAO TEREM VERBA PARA AS ESTRADAS PRIVATIZAM TUDO. GOSTARIA MUITO DE SABER PRA ONDE VAI O DINHEIRO DO IPVA PAGO TODO ANO E AINDA ASSIM TEMOS DE PAGAR PEDÁGIO ISSO, COMO DIZ "BORES CAZOI" É UMA VERGONHA."ESTADO :Caro Alexandre. Por favor não reclame do ESTADO. Ele é maior que você e sempre está certo. Obedeça o que ele manda e fique quieto." REALMENTE O ESTADO É MAIOR MAS SEM O POVO O ESTADO NAO É NADA. QUEM É O ESTADO É O POVO NAO QUEM O GOVERNA DE FOMA ERRADA.

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.