GRID CHEIO, FINALMENTE!


De uns tempos para cá, os grids de largada das categorias nacionais vem sendo cada vez menores, por diversos motivos, geralmente de ordem financeira. Categorias surgem e desaparecem ano após ano.

Ontem vi um dos maiores grids dos últimos tempos, no Campeonato Paulista de Carros Antigos, a Super Classic. Nada menos que 41 carros alinhados no grid, isso mesmo, 41, fora outros que largaram dos boxes. Mesmo com umas complicações e enrolações aqui e ali no regulamento, é a categoria que mais cresce no estado, e provavelmente no país.

A Stock Car V8, que é a maior categoria do país, tem um grid de 30 carros. A Copa Vicar (antiga Stock Light) tem 31 carros, a Pick Up Racing 23 e a Stock Jr. 17 carros. A Fórmula Truck tem 23 caminhões correndo, e as demais como Copa Clio, F-3 e a GT3 em total decadência, nem chegam a 25 carros.

A Classic parece ter a fórmula mais bem equilibrada de custo/benefício para quem participa, pois os custos não são absurdos, já que os carros são relativamente baratos, simples, com peças de reposição fáceis de conseguir, pneus radiais de rua, motores nacionais limitados na configuração quatro cilindros de duas válvulas por cilindro, carburados. E o desempenho não é de fazer feio, pois andam na casa dos dois minutos em Interlagos, um ou outro baixando dos dois minutos.


As corridas são muito interessantes de ver, o pessoal acelera mesmo, mas todos se respeitando, uma corrida (geralmente) limpa e divertida de assistir. Claro, não é um sucesso de público nas arquibancadas, como nenhuma corrida aqui é, mas para quem está no autódromo assistindo, é diversão garantida, assim como para quem está correndo.

As demais categorias deviam seguir o exemplo da Classic, com regulamento simples, custos controlados e baixos se comparados às demais categorias, e com cada vez mais inscritos.


Para o próximo ano, mais categorias vão surgir no país, outras vão desaparecer e algumas vão mesclar-se entre si para formar um grid mínimo. Espero que um dia os organizadores entendam que um monte de categoria por ai não resolve o problema de interessados e número de participantes, mas sim uma continuidade de evolução do regulamento e controle de gastos de acordo com a realidade e vontade dos participantes. Nisso, a Classic faz muito bem, pois é uma categoria relativamente barata e divertida para quem corre e quem assiste.

24 comentários :

  1. A unica regra sobre limites nos motores é no maximo 4 cilindros, duas valvulas por cilindro e alimentaçao por carburação ? Não tem limite de tamanho de motor ? Combustivel ?

    ResponderExcluir
  2. Leonardo, tem as sub-categorias, até 1000cc, 1300cc, 1500c e 2000cc se não me engano.
    Combustivel acho que é somente álcool. Preciso ver o regulamento para ter certeza. Pesquisarei e postarei os detalhes.
    abs,

    ResponderExcluir
  3. Francisco Neto13/12/09 17:28

    Vontade de ir ate Interlagos... :D

    ResponderExcluir
  4. Leonardo, dei uma olhada nos regulamentos, é um pouco mais complexo a questão do tamanho do motor. Cada Divisão (1, 2 e 3) tem sub-divisões relacionadas ao motor.

    Veja os regulamentos aqui:
    Divisão 1 = http://www.faspnet.com.br/upload_cat_reg/reg_tec_69.doc
    Divisão 2 = http://www.faspnet.com.br/upload_cat_reg/reg_tec_70.doc
    Divisão 3 = http://www.faspnet.com.br/upload_cat_reg/reg_tec_71.doc

    abs,

    ResponderExcluir
  5. Francisco, vá! Vale a pena.
    abs,

    ResponderExcluir
  6. podiam criar uma categoria de carros modernos, limitados a 2000cc, monobloco original, motor e caixa da mesma marca e preparação aspirada livre.
    não tem graça ver corrida de carros iguais ou então corrida de bolhas...
    a graça da classic é a variedade de carros.

    ResponderExcluir
  7. Sem duvida a grande sacada dessa categoria é a variedade dos carros.
    Nesta etapa o grid foi "engordado" tambem, por um bom numero de Fuscas que vieram do Paraná, para prestigiar a festa.
    46 carros largaram no total.
    (Alguns largaram dos boxes).
    É muito legal ver esss Fuscas, ainda com o motor boxer a ar, andando bem e proporcionando um belo espetaculo.
    Muito interessante mesmo essa categoria, principalmente para quem não aguenta mais ver as corridas de monomarcas e as bolhas.
    Romeu.

    ResponderExcluir
  8. Francisco Neto13/12/09 21:09

    Vontade não falta Milton. Só me faltam as passagens!! Moro em Recife a restauração do meu GOL BX LS 1982 não deixa ;P. Quem sabe em 2010?

    Abraços!

    FN

    ResponderExcluir
  9. Aqui no RS o regional de turismo tem colocado em torno de 40 carros no grid por etapa e as disputas são selvagens e interessantíssimas pra quem assiste.

    Por falar em assistir, tem muita diversão no link abaixo:

    http://automobilismogaucho.com.br/site/videos.htm

    ResponderExcluir
  10. Será que os burrocratas da CBA não enxergam um palmo adiante do nariz??????É aí que mora o sucesso,essa turma pode ser chamados de "heróis da resistencia" ..... imaginem essa categoria com uma boa divulgação e televisionamento,era só juntar com uma " Copa 2.0" multimarcas tb com bastante restrição na preparação para não encarecer e apoio das montadoras ,duvido não ser sucesso total,mesmo no país do futebol.......

    ResponderExcluir
  11. Uma coisa que ajuda muito a engordar o grid da classic, é a possibilidade do cara colocar para correr um carro da marca/modelo que mais simpatiza. Por exemplo o Marcelo Giordano que é um fã das marcas italianas e coloquei o 147 para correr, e assim vai tb com fas de Dodginho, etc.

    ResponderExcluir
  12. Bom que ainda exista entusiasmo no automobilismo nacional.
    Pena que falte incentivo ao automobilismo amador no Brasil...

    Muito legal essa foto do Puma, muito bonito na cor branca, dividindo a curva com o 147, bonitinho com as rodas do Stilo Schumacher...

    ResponderExcluir
  13. Aqui no Rio já podíamos ter essa categoria correndo, os custos da Turismo carioca são altos, até 2004 tínhamos Fuscas correndo junto com os outros carros na Copa Speed, gastávamos 1/3 do que normalmente se gastava e andávamos ali pela metade do pelotão, uma categoria Classica ia ser bem interessante, e nem precisaria ser com carros tão antigos, ainda tem muito Voyage e Passat de competição jogados por aí, outro dia fotografei uma Fiat Uno de corrida, prontinha pra pista.
    independente do autódromo de Jacarepaguá continuar a funcionar ou não, seria importante temos uma categoria de mais fácil acesso, ou então uma Força Livre, pois ainda temos os Mavericks da MegaMarcas, geralmente alinham dois carros só para treinar, mas com certeza se tivéssemos um grids outros carros viriam.

    ResponderExcluir
  14. Concordo,esse tipo de evento mexe com tudo,inclusive gerando trabalho/emprego.....

    ResponderExcluir
  15. Classicos é bem legal e bonito de ver! Ainda mais com um grid deste tamanho.
    Mas acho que Interlagos é muito grande para estes carros, uma volta de 2 minutos é bem demorado e se não tiver um grid deste tamanho em poucas voltas fica um carro em cada canto do circuito.
    Lembro que a ultima vez que vi uma corrida de Classicos (acho que foi 2005)não tinham muitos carros alinhados, deviam ter uns 15, e olha foi muito chato assistir.

    ResponderExcluir
  16. É a grande praga do Brasil a tal da politica aonde eles metem a mão a coisa só anda em proveito deles mesmos ..

    ResponderExcluir
  17. O grande problema das categorias de turismo é que o regulamento sempre favorece o gol, não tem um regulamento de turismo que os carros estão em condições de igualdade.

    ResponderExcluir
  18. Paula Dentro14/12/09 15:45

    Carlão, explique-se! isso tá cheirando a desculpa de 147 perdedor

    ResponderExcluir
  19. Muito bom ver isso, mas....esqueceram de avisar o público!
    Incrível, mas parece que as corridas e suas etapas parecem Segredo de Estado...só quem é aficionado sabe do calendário.
    É necessário atingir o publico geral, o leigo ou aquele que gosta de automobilismo e não sabe por onde começar. Estes novos espectadores só é atingida com a mídia mais massificada.

    ResponderExcluir
  20. Anônimo, não há divulgação nenhuma do Campeonato Paulista. Só sabe mesmo quem conhece e acompanha.

    Uma pena...

    abs,

    ResponderExcluir
  21. Tuba, não acontece mais. Sempre tem um grupinho com uns 5 ou mais carros disputando posição bem de perto.

    No pior dos casos, os grupos se separam uns dos outros, mas sempre tem disputa acontecendo.

    abs,

    ResponderExcluir
  22. Esse grid cheio de Fuscas me lembrou um campeonato que existe na Europa onde só tem bezouros correndo, muito legal.

    ResponderExcluir
  23. Nunca divulgam nada, o Jornal O Globo de Merda daqui do RJ não fala nada nem da Stock que a própria TV GLOBO de Merda transmite , agora , futebol, novelinha que todos comem todos e Big Bosta é uma festa , se for para emburrecer o povo melhor,difícil isso....

    ResponderExcluir
  24. Carlos Galto16/12/09 13:36

    Admiro muito a "Classícos". Mas uma coisa que não engulo, mas aceito por conta da contenção de custos, é a quase generalização dos motores VW AP no grid... De Zé do Caixão a Chevette, de Puma a BMW(!!!!), quase todo mundo corre de AP, com diversos níves de preparação.
    De qualquer forma é a categoria mais interessante de turismos no país, junto com a sensacional e insana turismo gaúcha, como disse o Italo aí em cima. Quem tem Speed Channel tenta assistir uma corrida apenas...
    E não tem essa de Golzinho mandando não, a mairia dos ponteiros corre de UNO!!!!!!!

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.