INFERNO NUMA BELA MANHÃ DE DOMINGO

Fotos: Autor

Domingo, 16 de janeiro. Em São Paulo, majestosa manhã de sol. Resolvi dar uma chegada à Rodovia dos Bandeirantes (SP-348) com o Honda City EXL manual, carro que solicitei à fábrica para avaliá-lo melhor, já que só o tinha dirigido no lançamento há um ano e meio, num percurso extremamente curto oferecido pela Honda. Além de saber como era o sedã do Fit em autoestrada, um amigo tinha-me dito que o sedã não era lá muito estável direcionalmente a velocidades praticadas nesse tipo de rodovia, e resolvi verficar se era isso mesmo

Logo no começo, após a armadilha de 90 km/h no quilômetro inicial, entrei no trecho de 120 km/h. Mas logo adiante o tráfego parou. Se fosse na Alemanha um placar num pórtico avisaria "Stau x km", engarrafamento a x quilômetos na lingua de Goethe. Mas aqui no patropi, só mesmo chegando à causa para saber. "Obras? Acidente? Tomara que ninguém tenha se machucado! Que não seja um motociclista em uma dessa velozes motos," tentei adivinhar, enquanto essa motos iam passando - devagar, não à motoboy inconsciente - entre os carros parados.

Tudo parado. Por que seria?
O tráfego mal marchava. Dali a pouco começaram a aparecer cones tirando os carros das faixas 3 e 4, as mais à esquerda (que aqui e na Califórnia chamam de 1 e 2, doideira). Mais adiante, bem longe, notei um carro da polícia rodoviária estatacionado atravessado nas duas faixas agora mortas. "Será o que estou pensando, estreitamento nas imediações do posto da polícia rodoviária? Não pode ser!"

Assim ficamos andando, lentamente, ora parando, nas duas faixas da formidável autoestrada. Até que veio a verdade: era estreitmento diante do posto policial. Como mostra a foto de abertura deste post.

Entre os carros, de pé, em pose imponente, a figura ridícula de um policial rodoviário, agindo como se a estrada fosse dele. Ia tirar a foto do infeliz, mas estava sozinho no carro e ele poderia ficar nervoso e me "tungar" com uma multa por dirigir com somente uma das mãos, fora outro possível aborrecimento.

Passei pelo ponto e a rodovia passou à normalidade, claro. Vi o que tinha que ver no City e retornei. Ao passar pelo posto da polícia rodoviária, mas na pista contrária, tudo parado, evidentemente, por quilômetros e quilômetros. Talvez a Rádio Sulamérica Trânsito avisasse que era "excesso de veículos".

A turma que nem imagina  por que o engarrafamento...
Eu não disse alguns posts atrás que eles não sossegam enquanto não tornarem a vida do cidadão - que os sustenta - um inferno? Está aí mais uma prova do que eu afirmei. Esse policial tornou a vida de centenas, ou milhares, um inferno nesta manhã.  Ele desrespeitou os cidadãos que utilizavam aquela rodovia. Considero o  fato tão grave que vou registrar queixa  junto à corregedoria da Polícia Millitar.

Seria admissível até um bloqueio em razão de um delito qualquer, mas nesse caso seria notada a presença de vários policiais, alguns portando armas de longo alcance, como se vê às vezes. Mas nesse caso era apenas um xerife apeado e certamente se sentindo o máximo.

E o Honda City? Nada de instablidade direcional, garanto. O câmbio, que não citei em Entendendo a Alavanca, também é referência hoje, espetacular de usar. E a ré sob a quinta não tem trava de ré externa.

Em compensação, como é curto! Um excelente motor 1.496-cm³ de 116 cv a 6.000 rpm (etanol), corte a 6.800 rpm, com tecnologia i-VTEC de comando variável em tempos e levantamento de válvulas, com uma resposta em baixa rotação magnífica, não deveria jamais ter uma quinta de 30 km/h/1.000 rpm, que o leva a berrar a 4.000 rpm - 2/3 do giro de potência máxima - a 120 km/h. É motor que aceita um "4+E" sem o menor problema. Mas como brasileiro quer ter muitas marchas mas detesta trocá-las, é pouco provável que os japoneses de Sumaré façam alguma coisa. Nós merecemos.

BS

58 comentários :

  1. Bob, isso porque você não viu os engarrafamentos na entrada de Belo Horizonte na BR 381 devido ao Posto da PRF em Sabará, cuja extensão atinge os 30 a 40 quilômetros nos feriados, repletos de motoristas mal-educados.

    Nela se morre por acidentes de motoristas imprudentes, mas de infarto causado por motoristas sem o mínimo senso de educação e sociedade.

    ResponderExcluir
  2. Marcelo Augusto16/01/11 17:16

    Essa raça de funcionários públicos só fazem cagada, se acham o dono do cargo, e não servidores da população.

    Faz muito bem em denunciar na corregedoria. Pra quem não sabe, é muito simples, é via internet, é só entrar no site da Polícia de seu Estado.

    Quanto ao Honda, e seu comportamento de estrada, dá até raiva comentar. O que tem de "jornalista", "piloto", "palpiteiro" que diz bobagem não esta no gibi. Pior é aqueles que vem dizer que tal carro "sai de frente", ou que "sai de traseira quando tira o pé na curva". O que um babaca desses está avaliando? Um carro esporte um um sedã familiar? Quanto um carro de rua vai ser usado assim e por quantos motoristas? Acho que nem em 0,099% das situações o carro vai passar por isso, e por 0,099% dos motoristas, em 0,099% da vida útil do veículo. É ou não pra dar raiva?

    ResponderExcluir
  3. Espantoso.

    Qual o ente " superior " deu a ordem para tamanho delito praticado contra o cidadão de bem ?

    Que, se não me engano, ainda PAGA para trafegar nessa via,

    Parabéns por vir denunciar o absurdo,

    ResponderExcluir
  4. Bob

    Com relação ao "Xerife", como pego a Bandeirantes constantemente, vejo muito esse tipo de atitude arbitrária e irresponsável.

    Sobre o cambio do City, é exatamente a mesma opinião que tenho. Tenho quase certeza que utiliza a mesma relação de marchas e par final do Civic. Nitidamente estas relações de transmissão foram feitas para priorizar o uso do veículo em trafego de cidade. Uma pena, porque prejudica o consumo e o nível de ruido do veículo a troco de nada. Está mais do que na hora da Honda rever isso.

    ResponderExcluir
  5. Eduardo Martins16/01/11 17:46

    Boa Bob, tem que reclamar mesmo...........provavelmente não vai dar em nada mas ao menos está dado o recado (e devidamente registrado).

    abraço

    ResponderExcluir
  6. Errata.
    No comentário anterior eu escrevi que "Tenho quase certeza que utiliza a mesma relação de marchas e par final do Civic". Queria me referir ao Fit.

    ResponderExcluir
  7. Isto é patético em uma rodovia movimentada daqui e que passo eventualmente em horário de pico é o mesmo, engarrafamentos próximos aos dois postos, porque das 3 pistas reduzem para apenas um carro por vez com cones.

    ResponderExcluir
  8. Acerca das relações da transmissão, temos em Casa um Fit 07 1.35, cuja 5ª é extremamente curta em uso rodoviário. Entretanto, se tal uso é feito com carro carregado, o mesmo torna-se mais lerdo do que já é!

    Embora seja fã de câmbio 4+E, que por sinal faz falta imensa no meu Clio 1.6, o escalonamento no caso do Fit torna-se uma faca de dois gumes.

    ResponderExcluir
  9. Desculpem o sarcasmo, mas não entendí... a população de São Paulo não acha que está tudo perfeito no estado? A polícia (sob mesmo comando há uns 16 anos, já que o chefe máximo é o governador) não está perfeita? Para que mudar, não é mesmo? Que se pague um dos pedágios mais caros do país e que aproveite, eleitor de São Paulo, vocês concordaram com tudo isso...
    Cometário sarcástico à parte, é uma prática comum às "autoridades" policiais desde que acabou aquela velha instituição do tempo do regime militar de a estrada ter um limite e, em frente ao posto da Polícia Rodoviária, o limite abaixar para a metade disso. Como isso acabou, eles fazem essas barreiras com cones pelo simples prazer de espezinhar a vida dos outros.

    ResponderExcluir
  10. Bob,
    apesar do óbvio absurdo que você relatou, São Paulo tem uma vantagem em suas rodovias estaduais: não há redução do limite de velocidade diante dos postos policiais.

    Eu sempre passo raiva em outros estados ou rodovias federais nas quais há placas de 60 ou 40 km/h diante de um posto da polícia rodoviária (antigamente havia até lombadas). Não sei dizer com certeza o motivo, mas algo me leva a crer que é um resquício da época em que os militares estavam no poder.

    ResponderExcluir
  11. Bianchini,
    Tudo bem, com o outro partido no poder estadual seria tudo diferente...sei.. de ilusão também se vive, caro leitor.

    ResponderExcluir
  12. Rodolfo Milet16/01/11 20:12

    Bob, aqui em Brasília, embora não estreitem a pista, eles colocam cones em TODOS os lugares onde tem posto policial, inclusive nos bairros; chega a ser ridículo colocar cones em frente a um posto policial e à frente deste ter uma faixa de pedestre e mais à frente uma parada de ônibus! Tudo isso em menos de 1 km!
    Cones para avisar que ali tem um posto policial, é isso? Ridículo mesmo.
    Tenho uma sugestão: devia ter uma seção no blog dedicada somente aos absurdos do nosso trânsito cometidos pelos nossos governantes, aposto que material não ia faltar, tanto da parte de quem faz o blog como de quem acessa, com fotos e até mesmo vídeos.

    ResponderExcluir
  13. O Bob, na boa....muda desse lugar cara!

    A cada dia q passa eu escuto + e + absurdos das "otoridades" de SP, pois tenho vários amigos aí, além de um irmão q está a trabalho na capital tbm.

    Eu tenho ctz q onde vivo não é perfeito - longe disso - mas aki temos uma qualidade de vida excelente, custo de vida infinitamente menor q SP e uma alternância de poder sadia q faz com q os governantes não abusem da população, sob pena de perder o poder na eleição seguinte.

    Tenha pena de vcs, sinceramente.

    ResponderExcluir
  14. Além do curioso caso dos cones em todos os lados aqui no DF (alguém comprou mais cones do que deveria talvez?) tem o caso de uma rotatória em especial, em frente ao Parque olhos D´agua, onde a policia vem, nos últimos 30/40 dias, aplicando multas sistematicamente em quem estaciona de forma irregular. Não estou apoiando quem estaciona em lugares proibidos mas, "helouuu".. Será que já deram uma passadinha no setor bancário sul ou na esplanada dos ministérios durante o dia? O que tem de tão especial nessa rotatória para merecer tanta atenção??

    ResponderExcluir
  15. Aproveitando o tópico, é bom alertar que além dos radares fixos, na região da Anhanguera/Bandeirantes a polícia rodoviária também está multando com radares móveis. Outro dia eu vi um policial com uma atitude "muito sorrateira" agachado atrás de uma mureta "guard-rail", visível à um quilômetro de distância, com o radar na mão. Como se todo mundo não diminuisse 20 km/h ao ver o carro da polícia de longe...
    Infelizmente, nossos partidos hoje em dia se parecem mais com pastéis, e votar em um ou em outro não adianta nada. O brasileiro adora jogar a culpa das coisas nas costas dos outros, e a coisa só vai melhorar mesmo quando todos deixarem de votar de 4 em 4 anos e depois só ficar reclamando, para arregaçar as mangas e fazer nós mesmos.

    ResponderExcluir
  16. Guilherme M.16/01/11 21:17

    Provavelmente o tal xerife estava la para arrecadar uns trocos pra ele. O cara estava la afim de pegar alguns infratores e levar aquele por fora pra não apreender o carro do ta "fora da lei". Legítima pa-lha-ça-da.

    Quanto ao cambio do City, nem precisava ser um 4+E, um cinco marchas com as relações mais longas ja estaria ótimo. Mas os tais apaixonados por carro gostam de fazer ultrapassagens em 5ª marcha, fazer o que...

    ResponderExcluir
  17. É Bob, muito triste. Como um auto-entusiasta acho que foi bom voce gostar do City. Mas esse não é o motivo da resposta, pois nunca compraria esse carro em um valor acima do que eu penso que seria justo. Mas nossos governantes, nem importa o partido, são péssimos. De novo digo, se pudesse estaria em Paris, NYC ou Londres. Talvez se os recursos fossem menores em algum litoral do Nordeste. Aí comprava um buggy e estava tudo certo. Abração, Luiz

    ResponderExcluir
  18. Caro Bob, minha mãe, tucana de coração me dá as mesmas respostas que você deu ao Bianchini. Darei a réplica igual, portanto: De alguma maneira temos que demonstrar nossa insatisfação. Para eles, só chama atenção quando o protesto chega às urnas.

    É um livre mercado. Se eu lhe vendo um produto que lhe desagrada, mas você continua a comprar, eu não irei mudá-lo (assim é mais simples, convenhamos). Só o farei quando começar a perder clientes para o concorrente. Ainda que ele sofra de problemas também.

    ResponderExcluir
  19. Bob

    Quando estou dirigindo em rodovias e vejo os cones de estreitamento de faixa procuro olhar se não tem placas de redução de velocidade.Sem as placas apenas diminuo um pouco a velocidade e isto nunca causou lentidão no transito.O maior problema que vejo nas rodovias são os motoristas ao passar pelo posto policial com estreitamento de pista.
    Dirijo quase todos os dias pelas Rov.Anhanguera e Dom Gabriel (Jundiaí`a Itu)e o maior absurdo que vejo são os motoristas não respeitarem a redução de velocidade quando o estreitamento de faixa são para manutenção ou obras.Não adianta ter um sinalizador, placas de redução, cones, etc sempre tem um esperto querendo levar vantagem não reduzindo a velocidade atropelando cones, equipamentos e muitas vezes trabalhadores.
    Resumindo, quando passa pelo posto policial caga de medo e quando passa pelo pessoal de manutenção faz cagada.



    Telsi

    ResponderExcluir
  20. Ao Bianchini, que como muitos outros, aproveita qualquer oportunidade para uma alfinetada partidária, gostaria de comunicar que no meu estado Pernambuco, que tem um governador do PSB (coligado ao PT) que derrotou o candidadato do PMDB (coligado ao PT também), na BR428 em frente ao posto da polícia rodoviária tem placa de 40km/h, chicane de cones e também lombada.

    ResponderExcluir
  21. Imperatriz-MA - sentido Porto Franco. Rod BR-010 (rodovia federal), uns 3 km depois da cidade existe um posto da PM do Maranhão, que fiscaliza os carros. Verificam documentos, revistam carros. E querem aplicar multas! Mas tem um detalhe: a rodovia é federal, e sob jurisdição da PRF. Um abusurdo!

    ResponderExcluir
  22. Ronaldo Esper17/01/11 02:09

    Bianchini, tô contigo e não abro!

    às viúvas do partidão, não tem essa de alfinetada, é tudo verdade, e a verdade deve ser dita!

    Simples.

    ResponderExcluir
  23. Sim! Os governos estaduais do PT são tão bons que a cada eleição eles tem menos...

    ResponderExcluir
  24. Pisca,

    onde você vive ? nos Estados Unidos ? Canadá ?

    ResponderExcluir
  25. Este tipo de bloqueio ja me pegou por duas vezes em dezembro,na rod dos Bandeirantes, sempre aos domingos pela manhã, perdi uns 50 minutos em cada vez, um absurdo,um abuso de autoridade com certeza!

    ResponderExcluir
  26. Agora que deram para os policiais rodoviários aquele radar que identifica se o veículo está em ordem, em relação a documentação, esse tipode atitude ficou comum.
    Bob, você reparou se o mesmo "xerife" estava com um palm na mão? Aqueles radares antes do posto, na curva perto da passarela devem pegar a placa e identificar a situação do veículo. Na imigrantes tem sentido baixada (no planalto), e na mesma bandeirantes tem, no sentido contrário, mas mais para o lado de campinas.

    ResponderExcluir
  27. Essas coisas não acontecem só em São Paulo, já presenciei situação semelhante várias vezes aqui em Minas.

    Como disse o Renato Passos, na BR-381 no trecho BH-Ipatinga, o trânsito na proximidade do posto policial de Santa Luzia quase pára (30~40 km/h) por cerca de 10 km nos dois sentidos, só porque as "otoridadas" colocam barreiras na pista central forçando o trânsito a fazer uma "chicane" em frente ao escritório da polícia rodoviária federal, onde lá dentro os agentes estão com as nádegas confortavelmente instaladas em suas cadeiras.

    O que dá ainda mais raiva é ouvir as rádios e TVs dizerem que o transito está lento por causa do "excesso de veículos".

    O raciocínio serve para qualquer outro problema que as "otoridades" não conseguem solucionar: falta hospitais? que nada é excesso de doentes. Tragédia das chuvas? que nada é excesso de moradias em áreas de risco. Justiça lenta? que nada é excesso de processos judiciais e pessoas querendo justiça. Falta de segurança pública? Que nada é excesso de criminosos.

    ResponderExcluir
  28. Mano Brown17/01/11 09:26

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  29. Sérgio Brito17/01/11 09:34

    Dizem que ela existe pra ajudar
    Dizem que ela existe pra proteger
    Eu sei que ela pode te parar
    Eu sei que ela pode te prender

    Polícia! Para quem precisa?
    Polícia! Para quem precisa de polícia?


    Dizem pra você obedecer
    Dizem pra você responder
    Dizem pra você cooperar
    Dizem pra você respeitar

    Polícia! Para quem precisa?
    Polícia! Para quem precisa de polícia?

    ResponderExcluir
  30. Marcelo Maldonado Peixoto17/01/11 09:38

    Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  31. o saudoso bezerra da silva17/01/11 10:08

    "...você com o revólver na mão é um bicho feroz, sem ele anda rebolando e até muda de voz..."

    ResponderExcluir
  32. Já vivi a mesma situação... Na Rod Regis Bittencourt, sentido SP-Curitiba. Véspera de feriadão, todo mundo na estrada, e logo na saída de SP, um mega congestinamento, de aproximadamente 2 horas. Tudo porque uma das duas pistas estava bloqueada com cones, em frente ao posto da PRF. Dentro do posto, um único policial, que lia o jornal calmamente, alheio ao inferno que os pobres pagadores do salário dele estava vivendo...

    ResponderExcluir
  33. Anônimo 17/01 10:08
    Que coisa mais doida, não? Chega a ser surreal. São uns incompetentes e safados mesmo.

    ResponderExcluir
  34. E um câmbio 6 marchas? teria as 5 para o uso normal como está, com bom escalonamento e desempenho e uma 6ª para uso rodoviário.

    Obs.: gosto de fazer marchas, mas tb gosto de um bom torque em baixas rotações (principalmente na cidade).

    ResponderExcluir
  35. Freddy
    Seis marchas funcionaria, claro, mas para que encarecer o carro e aumentar seu peso se cinco 4+E resolve perfeitamente?

    ResponderExcluir
  36. PietroCF
    Esse policial estava com as duas mãos na cintura, acho que sem palm na não.

    ResponderExcluir
  37. Bob,

    Tudo que é bom pode ser melhorado.
    4+e funciona, mas 5+e funciona melhor.
    Isso tanto é verdade que o Civic SI é assim e é ótimo. Pena que o painel é intragável (pra mim, claro) e o porta-malas é pífio.

    ResponderExcluir
  38. Grande Bob
    Isso não é privilégio de São Paulo. No Rio de Janeiro, na BR 101, por volta do km 300 tem um posto onde a velocidade cai repentinamente para 40, e eles ainda colocam os malditos cones. Na via lagos acontece o mesmo. Vamos denunciar isso aos jornais!

    ResponderExcluir
  39. Rafael Ruivo e todos
    Já fiz queixa à Polícia Militar e enviei carta para o Fórum de Leitores do Estado de S. Paulo.

    ResponderExcluir
  40. Bussoranga
    O número de marchas de qualquer câmbio só tem um objetivo: atender às necessidades do motor. Um fato que sempre relato foi o Opala 4100 com quatro marchas, exagero total. Com três andava perfeitamente, mais agradável até. O Honda Civic Si precisa de seis porque é um motor bicudo quando em operação de alta pelo VTEC.

    ResponderExcluir
  41. Esse era o Opalão!

    ResponderExcluir
  42. Bob,

    Pra mim Opala bom é Diplomata 4.1 ano 91 e 92, justamente por terem 5 marchas. Anda mais e gasta menos.

    Corvette, Camaro/TransAm/Firebird, Pontiac GTO/Holden Monaro/Pontiac G8 usam cambio de 6 marchas com double overdrive e realmente precisam. Viajam tranquilamente em 6a com baixo consumo, e não precisa jogar a 4a pra enfrentar subida acelerando, basta jogar a 5a, o que justifica a dupla overdrive. E o mais legal de tudo é que conseguem máxima em 5a.

    Isso mostra que cambio de 6 marchas não serve só para atender "motor agudo" e sim também para motores com muito torque amplamente distribuidos. Afinal, um carro com cambio close-ratio vai acelerar melhor do que o mesmo com wide-ratio. Daí a consequência em número de marchas é imediata.

    ResponderExcluir
  43. Bussoranga,
    Não vá atrás dessa de "duplo overdrive", isso é apenas jogada marketeira. O que interessa é o desenvolvimento do câmbio em termos de km/h/1.000 rpm. Acredite. Overdrive era um recurso de adicionar uma redução extra, externa a caixa, para alongar a última ou mais marchas. Isso era overdrive, não uma relação mais baixa que 1:1 que carros têm há décadas. A quarta do seu carro é overdrive, e daí? Mas é complicado falar tudo isso aqui neste espaço de comentários. Vou providenciar um post para explicar tudo isso. Inclusive um câmbio de quatro marchas que a GM pôs no Opala em 1976 que era genial. A velocidade máxima era em terceira, ficando a quarta como marcha de repouso. E saiba que marcha demais atrapalha a aceleração.

    ResponderExcluir
  44. Rodrigo Laranjo17/01/11 19:07

    Meu irmão passou por lá de moto e foi parado. A informação que ele teve é que só naquela manhã houveram 5 roubos de motos grandes. O pessoal das esportivas vai "brincar" na Imigrantes no domingo e os bandidos estão se aproveitando desse comportamento.

    E por favor, parem com a discussão política.

    ResponderExcluir
  45. Francisco V.G.18/01/11 10:47

    RL
    Por essas e outras que eu desisti de voltar a ter moto. Triste realidade.

    ResponderExcluir
  46. Bob,

    Não é apenas jogada marketeira, eu já dirigi os carros que mencionei com double overdrive, e achei simplesmente excelente o fato de não ter que utilizar uma "marcha de potência" para ter um desempenho satisfatório com ótimo consumo e rotação baixa (aliado a baixo ruído).

    Eu viajei com um Camaro V8 LS1 de 6 marchas, e usava a 6a direto. Quando precisava de mais força, usava a 5a, que ainda é uma overdrive, sendo que a máxima velocidade era obtida em 4a. Porque tenho que usar a marcha de full-speed para se ter força quando uma "overdrive intermediária" me atende a necessidade plenamente?

    Por mim, todo carro deveria ter dupla overdrive.

    Porque marchas demais atrapalha a aceleração? Só consigo imaginar que isso pode ocorrer quando o cambio tem relações de marcha mal dimensionadas. Supondo que são bem dimensionadas, mais marchas sempre se aproximam do CVT, que é a configuração que resulta na aceleração mais rápida.

    ResponderExcluir
  47. bussoranga, acho que você não entendeu. O bob não critica o carro ter duas marchas mais longas que a marcha de potência e sim chamá-las de overdrive. A quinta e a sexta do camaro não são overdrive no seu sentido pleno.

    Muitas marchas atrapalham na aceleração pois durante a troca, o motor não está acoplado às trocas do carro.
    Imagine uma situação extrema (eu disse extrema!) de um carro que precise de 8 trocas de marcha para atingir os 100km/h e agora o mesmo carro precisando de apenas 3. Qual você desconfia que será mais rápido?

    ResponderExcluir
  48. Bussoranga.
    O assunto é extenso e vou escrever post a respeito. Mas respondendo à sua pergunta sobre aceleração, perde-se tempo trocando marcha. Se o carro tem mais marchas do que necessita haverá essa perda.

    ResponderExcluir
  49. Um carro 1.0 com esse câmbio "duplo overdrive" não faria sentido algum. Mas em carros com maior potência e torque abunante em baixas rotações acredito que seja uma solução bem interessante.

    ResponderExcluir
  50. CF,

    Agora sim entendi a questão. Tudo bem, então qual é o nome que se dá às marchas mais longas que a marcha de potência? Não tem nome?

    BS,

    Tudo bem, realmente há perda de tempo em trocar de marchas, mas não necessariamente será mais lento. Aí é questão de projeto (e de fato, concordo que, dependendo do carro e do motor, há o numero ideal de marchas para máximo desempenho).

    Freddy,

    Verdade, em motor com pouca reserva de potência não se aplica marchas longas, mas o Siena 6 marchas tinha uma solução bem adequada.

    ResponderExcluir
  51. Franklin
    Também há redução do limite de velocidade nas imediações dos postos da polícia rodoviária nas rodovias paulistas. O motivo até se entende, é um ponto em que eventualmente há tráfego de pedestres, até dos próprios policiais. Mas entre isso é bloquear 50% das faixas de rolamento há enorme distância. De qualquer maneira, os policiais-rodoviários tinham de ser os primeiros a evitar que qualquer medida nesse sentido acabasse por provocar congestionamento.

    ResponderExcluir
  52. Rodolfo Milet
    Isso de colocar cones é apenas uma maneira primária de mostrar autoridade. Sua sugestão de seção no blog para mostrar abusos do nosso trânsito por autoridades é boa, vamos pensar nisso.

    ResponderExcluir
  53. Pisca
    Entre me mudar ou mudar o país, ficou com a segunda hipótese. Mas é para ter pena de nós, realmente.

    ResponderExcluir
  54. BS,

    Neste mesmo domingo, em direção a Campinas, verifiquei in loco o que ocorreu. Realmente lamentável!
    Mais a frente me desloquei para Anhanguera e Dom Pedro I...e surpresas não faltaram com o rodar do hodômetro.
    Escrevi tópico humilde lá no nosso blog. Acesse em http://santacruz761.wordpress.com
    Dá uma lida quando quiser.
    Abração!
    MRA

    ResponderExcluir
  55. MRA
    São mesmo fatos surreais os que você conta. A Anhanguera não passou para 110 km/h? Acho que sim.

    ResponderExcluir
  56. BS,
    Passou sim, obrigado por lembrar. Já está corrigido.
    Abraço
    MRA

    ResponderExcluir
  57. Impagável Bob, não poderia descrever melhor a cena!
    "...em pose imponente, a figura ridícula de um policial rodoviário, agindo como se a estrada fosse dele."

    Marcelo Augusto, obrigado pela dica. Agora quanto ao seu comentário sobre as avaliações, um carro mesmo sendo de passeio para uso da família "e talz" deve ofecerer boa segurança ativa. Não recrimino este tipo de abordagem.

    Prof. Colucci, digo que estes escalonamentos "mal resolvidos" interferem até mesmo no desempenho. O Civic (1.8) mesmo, que o senhor comentou por engano, é muito fraco em velocidade final, tendo em vista as especificações dos carro vs "na prática".

    Biachini, mas vai agitar de novo? Mudamos então logo o AE pra PoliticoEntusiastas, assim nos dividimos de uma vez!

    Fernando, mandou benzaço!
    "Para que o mal triunfe, basta que os homens de bem não façam nada"

    Caio Ferrari, eu sigo na idéia que sempre é bom trocar, 8 anos é o limite! Mas dá medo quando um partido "faz de tudo para não largar o osso", independente de quanto imoral isso seja.

    Bussoranga, vc é o primeiro que fala bem deste Siena 6 marchas.

    Abs

    ResponderExcluir
  58. Isso costuma acontecer na Av. Sumaré aqui na Z/O, o transito ja é ruim por si só, mas de vez em quando a policia resolve fechar duas faixas.
    Outra coisa que não entendo é o porque de deslocar tantas viaturas para uma blitz, ultima vez que eu vi tinha umas 6 Pajeros e mais dois carros que não me lembro.

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.