O BARÃO


Lord Vader, your car is ready.

Deveria ser o slogan de propaganda do novo Brabus E V-12 Black Baron. Novamente, a preparadora alemã Brabus partiu para a ignorância em um modelo Mercedes, agora no novo Classe E reestilizado.


Com um upgrade no motor V-12 de 6,3-litros sobrealimentado que a Brabus vem utilizando nos seus modelos topo de linha, o feliz proprietário de uma das dez unidades que serão fabricadas poderá tentar virar o mundo ao contrário com 810 cv e nada menos que 110 m.kgf de torque. Para que tudo isso? Para acelerar de zero a 100 km/h em 3,7 segundos e a 300 km/h em 24 segundos. Se isso ainda for pouco, a máxima é de 350 km/h. Limitados eletronicamente. Sem o limitador, a Brabus afirma ser possível atingir mais de 370 km/h.


Sempre fui um grande fã dessa preparadora, pois grandes sedãs de alta performance sempre me atraíram. O Black Baron pode ter saído um pouco exagerado no visual, com a cobertura de fibra de carbono nas rodas traseiras, semelhantes às tampas usadas em muitos carros dos ano 30 a 50, mas não chega a ser um pênalti. Faz parte do visual (exagerado) que a Brabus adotou para o Barão. O preço começa em US$ 875.000,00.

No dia do Juízo Final, os Quatro Cavaleiros do Apocalipse não estarão montados em cavalos negros com olhos de fogo, mas em sedãs pretos com um B estampado na grade dianteira e fogo saindo pelos escapes.

18 comentários :

  1. Minha nossa, o carro tem essas luzes like "Fast n Furious"? Horroroso!

    Será que esse motor cabe num Chevette? hehehe.

    ResponderExcluir
  2. Kit 3M do entusiasta moderninho resolve teu problema, Raphael.

    Quanto ao Brabus, muito emperiquitado pro meu gosto. Mas não há como negar: mesmo para um BMW-maníaco como eu, bambeia as pernas... 300km/h em 24 segundos ? Deve ser melhor que muito esportivo !

    ResponderExcluir
  3. Literalmente sinistro.
    Parece que há uma aura negra em volta do carro.

    ResponderExcluir
  4. Já não acho o Classe E atual muito bonito. Essa alteração, então, ficou bastante esquisita.

    Mas uma vez dentro do carro, com certeza eu não me lembraria dos detalhes externos.

    Só ficam faltando o Sabre de Luz e a Marcha Imperial...

    Sds,

    Der Wolff

    ResponderExcluir
  5. Se forem lançar outro batman nos cinemas, o batmóvel já esta pronto.
    Afinal um carro desses com tanta potência assim consegue subir parede, pular de pontes e tal. E o melhor, não precisa mexer no design porque esse carro ja em aquela cara "bad mother fucker!"

    abrcs

    ResponderExcluir
  6. Mister Fórmula Finesse16/09/09 08:51

    Me preocupo com essas escaladas insanas de potência, realmente acho muito excessivo visto que até as autobahns atualmente estão lotadas....o cara sai pisando do acostamento e em um par de segundos está á 200 ou 250 km/h, mas quem está a frente conseguirá perceber essa aproximação se até a um espaço muito breve de tempo no espelho não havia nada?

    Tudo bem que são civilizados e acostumados com altas velocidades na Alemanha, mas esses surtos de potência podem surpreender mesmo assim.

    Acho que deveria haver um fim por essa corrida pelos cavalos, daqui há pouco 800 ou 900 cavalos serão o padrão dos sedans mais encapetados....há até bem pouco tempo, os 377 do Omega Lotus já assombravam o mundo, para quê tanto? Querem rivalizar com os esporte protótipos? Aí de-lhe colocar 36 tipos de controle de tração para o carro andar ao menos em linha reta sem derrapar no próprio eixo...tudo muito excessivo, muito pesado, muita demanda de energia, espaços cada vez menores...a equação não fecha!

    ResponderExcluir
  7. Carlos Galto16/09/09 11:13

    Eu tiraria o cobre-rodas. Só!!

    Lord Vader está orgulhoso com uma dessas na garagem da Estrela da morte...

    Leio atualmente um livro sobre vampiros que rodam em carros de alto desempenho. Eis o carro perfeito pra eles!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Mister Formula,

    Concordo plenamente com sua afirmação, e isso me recordou de recentemente ter assistido um episodio do Top Gear (talvez nem tao recente).

    Foi testado um Brabus S Bi-Turbo: um Conversivel de 2 portas com um singelo V12 de 6.3L, Bi-Turbo que gera absurdos 730hp - e o carro era simplesmente "indirigível"

    Segundo palavras do próprio Jeremy Clarkson: ''A thousand torque is what you'd use for.. restarting a dead planet'' =D

    Video aqui: http://www.youtube.com/watch?v=_dfff-s2OMc

    Sempre vai ter um boçal com mais dinheiro do que juízo e pronto pra abraçar uma maquina do juizo final como essa!

    Pode soar esquisito afirmar isso, mas o amigo há de concordar que FELIZMENTE são carros para poucos.. Ufa! =)

    []'s

    ResponderExcluir
  9. Mecanicamente é impressionante, mas eu só sairia com uma dessas na rua com aquele tradicional saco de papel na cabeça.

    Não da pra colocar essa mecânica naquelas Mercedes quadradinhas com lanternas "de Brasilia" ? :-)

    ResponderExcluir
  10. Mister e Transeunte,
    Não acho que o problema maior seja o excesso de potência pelo risoc que representa. Pode-se fazer bobagem séria com menos de 100cv, basta olhar nossas rodovias.

    A potência não é a culpada por acidentes. A estupidez, a falta de capacidade e bom senso, sim.

    Esse Brabus, assim como muitos outros carros (Veyron incluso) são perfeitamente usáveis no dia a dia, em termos da potência e dirigibilidade. Não falham, têm marcha lenta normal e podem ir de A a B ao gosto do motorista. É tudo uma questão de bom senso.

    abs,

    ResponderExcluir
  11. Mister Fórmula Finesse16/09/09 13:58

    Belli, o que escreveu está correto, mas quando as forças envolvidas começam a ficar exageradas demais, as vezes o bom senso pode ser iludido pois a pessoa mesmo tendo a cabeça no lugar, pode estar cometendo excesso mesmo sem perceber...carros com menos de 100 cavalos você tem que forçar um pouco para se colocar em perigo e aos outros; inconscientemente - em um demônio de 800 - vc pode fazer o mesmo sem ter a exata noção da coisa, pode em um momento de simples distração colocar tudo a perder (coisa que em um sub motorizado só faria a nível proposital mesmo)...

    São utilizáveis no dia a dia sim, mas com 800 cavalos, a margem para corrigir erros ficará a cargo sempre do carro, e até os softwares têm um limite para lidar com a física.

    ResponderExcluir
  12. estupidez pura, mas gostei. Assim como o amigo acima, tiraria essas horrorosas coberturas das rodas.

    Finesse, dirigir esse carango deve ser como pilotar as motos esportivas atuais. Ou seja, pede MUITA consciência e habilidade para se extrair parte de seu potencial. Mas com a cabeça no lugar, é possível boas doses de adrenalina sem colocar os outros em risco, certo?

    Abraço

    Lucas

    ResponderExcluir
  13. Não fosse o exagero visual, ficaria impossível resistir ao lado negro da Força...

    ResponderExcluir
  14. Apesar de ser um pouco carnavalesco e exagerado eu gostei.
    Eles informaram o cx? As rodas traseiras cobertas devem ter melhorado alguma coisa na aerodinâmica.

    ResponderExcluir
  15. Marlos, não achei informação de Cx. Com certeza as rodas cobertas melhoram a aerodinâmica, reduzindo o arrasto total do carro.
    abs,

    ResponderExcluir
  16. Quando eu vi as fotos do "One of Ten" pela 1ª vez, eu fiquei assim: O_o !!
    Sem dúvida é um dos carros mais agressivos que a Brabus já fez. E concordo que o apêndice na traseira, cobrindo as rodas, não é bonito. MAAS, se ele está lá, não é à toa, então...não me importo rsrsrs
    800 cv, mas pesa pouquinho menos de 2 toneladas :/
    Se pesasse um pouco menos...
    PS: Não disse que não teria, apesar do preço altíssimo, mesmo pra um Brabus com 800 cv (po, é quase o preço que custava uma McLaren F1 na época que ainda era fabricada !!!). Não é à toa que serão feitos apenas 10 unidades...

    ResponderExcluir
  17. Babei...
    Imagine colando o pe no assoalho, trezentos.
    A estrada afunilando, ficando como um tunel.

    A vida comeca a 100 milhas por hora...

    Ahhh, em tempo, tenho 11 bundas...

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.