TORNEIO INTERLAGOS DE REGULARIDADE

Fotos: Paulo Keller


O Escort Zetec 1,8 16V ano 1998 da minha filha estava para ser vendido. Fui enrolando, porque gosto muito do carro e estou pensando em ficar com ele pra rodar tranquilo em São Paulo no meio da motoboyzada maluca e buzuns assassinos. Além do mais ele foi comprado do Bob Sharp, então ele veio bem cuidado, tudo certinho.

Mas, fazer o quê se ela cismou de comprar um Alfa Romeo 145? Fizemos uma vaquinha, juntamos R$ 16.500,00 e compramos um Alfa de 1996 com 55 mil km, zerado, perfeito, e ela está feliz, curtinho seu carro.


E aí me avisaram que neste último fim de semana haveria a 2ª etapa do Torneio de Regularidade em Interlagos organizado pelo Jan Balder, piloto das antigas e experiente organizador de ralis.
Entrei no site: Regularidade-Interlagos e fui verificar as condições.

Sábado seria para os carros antigos fabricados até 1986, ou seja, acima de 25 anos, e domingo seria o dia dos fabricados de 1986 para cá.

Pensei em inscrever minha filha com o Alfa, para ela, com a segurança que a pista oferece, conhecer melhor o seu carro, e eu iria de navegador, assim eu poderia orientá-la. Mas aí vi que nos carros só iriam os pilotos, sem navegador, e aí afinei, tive medo de pintarem uns fominhas forçando ultrapassagens nas curvas e ela se atrapalhar, ficar nervosa... coisa de pai. Então desisti.

Porém até aí já tinha me dado a febre e resolvi ir eu mesmo, de Escort mesmo.

Esse lance de rali de regularidade acho meio enjoativo, não é muito meu estilo, mas daí vi que eu poderia escolher um tempo que para o Escort é considerado baixo 2:32. Vi num vídeo que eu havia feito andando num Ferrari 308 GTS, meio que passeando na pista mas andando rápido, e medi o tempo. Dava coisa de 2:25. Então 2:32 num Escort era cacete. Beleza! E eu não estava nem aí pra ganhar taça nem nada. Iria pra me divertir e boa. Pilotar em Interlagos é sempre gostoso, tanto fazendo o carro, até pedalando um velocípede é legal, pelo menos pra mim.

A inscrição de R$ 330,00 dava pra encarar.

A regra é a seguinte: você, de capacete, CNH em dia e carro vistoriado (pneus e luzes de freio em ordem), anda 15 minutos pela pista. Nesse período é para você ter um cronômetro dentro do carro (ou alguém nos boxes te cronometrando) e aí achar um tempo que considera confortável para manter durante os próximos 45 minutos – a prova toda dura uma hora.

Passados esses 15 minutos os boxes se abrem e você entra, e aí diz a um organizador o tempo que você deseja cumprir. Eles te dão três opções: 2:32, 2:44 ou 2:51.

E daí você volta pra pista e toca o bonde.

Ao final da prova serão computadas só as suas 10 melhores voltas, ou seja, as 10 mais próximas do tempo escolhido, e essas dez é que definirão sua colocação.

Antes da largada são colocados dois sensores em seu carro, além de um plástico colante com o seu número. O plástico não afeta a pintura nem nada, mas é mais prático colocá-lo no vidro da janela lateral traseira esquerda.

Ao longo da pista ficam 4 ou 5 PCs, Postos de Controle, então, não adianta descer a lenha a volta inteira e frear só antes da linha de chegada pra passar por ali com o tempo escolhido. Os que foram pra ganhar sacaram onde estavam esses vários PCs e um pouco antes freavam ou aceleravam. Ou seja, o tempo escolhido valia para cada vez que você passava por aquele PC.

O melhor jeito de cumprir uma regularidade sem ter um navegador nem nada é descer a lenha o máximo que puder, pois assim, mantendo-se sempre no limite, a variação de tempo é muito menor do que andando na maciota.

Esse era o meu plano, andar no cacete o tempo todo, o que convinha pra diversão. Pensava em tocar a 2:32, que estimava ser o limite do Escort sem maltratar o motor ou os freios acabassem.

Antes eu convencera o meu amigo Elio a ir com seu Mercedes CSL, um carro espetacular, excelente de chão e tudo, e com um bom motor V-6 de 270 cv. Ele nunca pilotara em Interlagos ou em pista alguma e dirige muito bem, só não tem experiência de pista. O amigo Bam-Bam iria com o tal Mercedes SLK 1998 do post que fiz há uns meses, que recém comprou, mas de última hora afinou alegando uma paixão avassaladora nova lá, mas acho que era xilique com o carro novo, frescura.

O Elio, com seu Mercedes CSL, e eu
Falei então para o Elio para colar na minha traseira pra ir vendo o caminho, pra ele evitar sair do trilho porque fora do trilho estava com uma areinha escorregadia, e ir sacando as tomadas etc. E depois que ele me passasse, já que o carro dele é um canhão perto do Escortinho.

E foi dada a largada em movimento e em fila indiana!

Parece que é um tipo de largada besta, mas logo sai um pega pra capar nervoso, piloto é bicho besta, eu incluído, e todo mundo sai dando o que pode, caçando e sendo caçado.

Bom, esqueci do Elio e ele sumiu lá para trás. Olhei uma ou duas vezes pelo retrovisor e não vi mais o cara, então ele que se virasse que eu já estava com bastante trabalho por aqui porque o pau tava comendo.

Ele fez o certo. Maneirou e foi sacando a jogada.

E o pau comendo. Tinha Fox com motor V-6 central-traseiro feito pelo Fabio Birolini e Alaor Espósito (farei um post da oficina-ateliê deles, fantástica), tinha Porsche Boxster S, tinha Porsche GT3 novo, Mustang Boss novo, Fiesta novo, Voyage novo, Voyage véio mexido, Peugeot 207, Kadet GSI, Fiat Stilo, Alfa Romeo 155 e outro Escort igualzinho ao meu, com uma moça guiando, e mais uma tantada de carros totalizando 32.

Tinha coisa boa no Torneio de Regularidade

E o pau comendo. Na 2a ou 3a volta, fui frear no fim da Reta Oposta para fazer a Curva do Lago e o coitadinho do Escort começou até que freando bem, mas aí senti que estava dando fading. O pedal não afundara, estava firme no lugar dele, mas as pastilhas dos freios é que escorregavam, não agarravam, coitadas.

Se o pedal afundasse seria sintoma de que o fluido estaria fervendo, borbulhando. Mas não – era fading mesmo.

Caceta! O jeito seria maneirar, senão eu não iria aguentar uma hora sem passar reto numa curva. Maneirei um pouco, poupando os freios, passando a frear mais cedo e menos forte.

Tentei cronometrar com o relógio digital de pulso vagabundo, mas nada. Não conseguia me entender com aquele desgraçado. O meu cronômetro legal de pendurar no pescoço alguém pedira e não devolvera, sei lá quem, o fiadamãe, e eu com aquela joça no pulso que me dizia em que ano eu estava, como o mar estava de onda, como estava novela das 8, mas cronometrar que é bom, nada.

Os pneus foi outro erro meu. O primeiro foi não ter colocado pastilhas novas e boas mesmo. Dias antes eu mandara o mecânico verificar as pastilhas dianteiras e lonas traseiras, e ele disse que estavam boas e tudo bem, mas eu deveria é ter colocado novas e sondado quais seriam as boas mesmo, dizem que a Bendix está fazendo pastilhas boas de novo.

Os pneus: em São Paulo costumo rodar com 28 libras na frente e 26 atrás, pro Escort rodar mais macio na buraqueira, e um dia antes, no sábado, eu coloquei 38 libras nos dianteiros e 34 nos traseiros e saí para rodar por São Paulo. Achei que o carro patinava muito, que perdia muito grip, mas é que o chão estava um pouquinho úmido de uma garoa que caíra. Mesmo assim avaliei que 38 na frente seria demais.

Baixei pra 34 na frente e 30 atrás, já que a traseira é mais leve e força menos nas curvas, já que o carro tem coisa de 63% do peso na frente e, nas entradas de curvas, com a freada, recai sobre a frente ainda mais peso.

E errei nessa também, pois os pneus dianteiros estavam dobrando nas curvas. O lance é, para entrar na pista tem que colocar 30% a mais que o recomendado para se andar na rua. Isso no seco. Se estiver chovendo o melhor é deixar a pressão recomendada pelo fabricante, já que com a menor aderência os pneus não chegam a dobrar. Eles estando muito duros, na chuva, têm menor aderência.

Abriram a entrada dos boxes. Entrei, chutei 2:44 e voltei pra pista, que estava linda, uma tarde ensolarada e fresca.

Lá pela metade da prova o Elio me passou na Reta dos Boxes, o CSL passou babando, liso, e acompanhando-o o quanto pude, verifiquei que o Elio já estava pegando a manha e seguindo a trilha certa, beleza!

E assim foi. Nas freadas mais fortes era aquele “Não vai dar! Não vai dar!”, mas acabava dando. Entortei umas cinco vezes, a traseira querendo me passar, umas 3 na entrada do S, uma curva antes da do Pinheirinho, e umas 2 no Bico de Pato, dessas de dizer “Agora foi!”, indo totalmente de lado, 90 graus, mas consegui consertar todas, porque contra-esterçando e metendo o pé no acelerador a frente cavoucava e trazia a traseira pra dentro de novo. Isso acontecia porque com a falta de freios eu acabava passando da correta tomada da curva – frente entrava, mas a traseira saía do trilho e pegava a sujeirinha. Foi divertido.

Diversão garantida!

O Fiesta 1.6 e o Voyage novo me passaram fácil, tinham mais motor, um passou na reta e outro na Subida dos Boxes. Os caras eram pilotos dos bons, mas o que me deixou envergonhado foi o Kadett GSI que brigando com o Stlio me passou fácil na freada para o Bico de Pato. Passou, fez a curva em três rodas e sumiu. O cara pilotava pacas. Ao final da prova fui conversar com o cara. Tudo original, só freios (4 a disco, originais) com pastilhas novas e fluido DOT5 e bons pneus.

Bom, foi isso aí.

Fiquei lá pelo meio na classificação. Recebi um troféuzinho de participação, como todos receberam, assim como as palmas, que todos receberam, pessoal muito legal, e recebi a lista com meus tempos. Verifiquei que 2:37 ou 2:38 foi o tempo que instintivamente escolhi pra tocar com regularidade.

De qualquer jeito, fiz o que deu, me diverti pra burro e estou satisfeito, mas pra próxima etapa, que será em julho, irei mais preparado. O Elio vai também, claro, porque viciou, claro, e é bem capaz que minha filha entre com o Alfa, já que vi que é tranquilo pra ela. Todos foram muito educados, dentro e fora da pista.

O primo Paulo Keller tirou muitas e boas fotos. Veja-as no slideshow.



AK


124 comentários :

  1. Li e me babei todo aqui, um dia ainda participo de um desses
    O stilo era o 1.8 8v?
    Parabéns pelo post e obrigado por compartilhar com a gente.

    ResponderExcluir
  2. Eurico Jr.02/06/11 09:37

    Ah, o famoso Escort do Bob, que ele mencionou em alguns artidgos no Best Cars! Arnaldo, está com quantos kms?

    ResponderExcluir
  3. Carlos Bragatto02/06/11 09:56

    350 pilas pra andar em Interlagos? Tou dentro ! Acho que vou no próximo com o meu Taurus 1997 V6 - 200cv!

    UHU !!!

    ResponderExcluir
  4. Esses eventos são bem bacanas... a pouco tempo atrás teve um aqui na minha cidade...


    Sobre o escort, gostaria de saber se existe uma possibilidade de acerto, pois em todos dessa geração ai de 1997 pra cá eram ruins de estabilidade, não dando segurança nenhuma em pisar mais fundo...

    ResponderExcluir
  5. Quase tomei uma bronca aqui no serviço lendo esse texto hehehehe.
    Acho que nos veremos em julho!!!
    Vou dar um gás no meu Civic Coupê.

    Ja andei em Track Day e rally de regularidade, agora os dois juntos nunca fiz, quero experimentar!

    Parabens e Arigatô Keller San! Sus histórias são as melhores!!! Só faltou a porção de calabresa e a cerveja na mesa!! hahahahahaha


    Grande Abraço!

    Carlos "Takuma" Sato

    ResponderExcluir
  6. Fiesta novo e Voyage com mais motor que o Escort? Stilo e Kadett andando na frente do Escort?

    Só se for por causa dos freios ruins, por que mais motor não tem...

    ResponderExcluir
  7. Ajacio

    Ia dizer exatamente isso...

    Aliás...o Escort tbm é mais estável em curvas de alta doq o Fiesta e melhor em tds as curvas doq o Voyage.

    Se o Stilo for 1.8 8V anda menos q o Escort, se for o 1.8 16V anda a msm coisa e se for o Abarth desaparece na frente.

    Nas curvas o Stilo é parelho c/ o Escort.

    Já o GSi é superior em td, c/ ligeira igualdade de motor, mas o escalonamento do câmbio + freios + curvas ele é melhor.

    ResponderExcluir
  8. Como Voyage (EA111) e new Fiesta (também 1.6) te passaram?
    Ainda mais este motor EA111 da VW manco do jeito que é.

    ResponderExcluir
  9. Só completando...

    Voyage e Fiesta não tem motor p/ acompanhar o Escort.

    ResponderExcluir
  10. Poxa...eskeci de dizer q tive um Escort igualzinho ao teu.

    Só q tinha Chip + Cai, acho q uns 5 CV a mais.

    Me lembrei de um acelero uma vez, e os freios ferveram qnd parei.

    Acendi um cigarro no disco incandescente!

    Realmente os freios originais não aguentam quase nd de porrete.

    É mto motor p/ pouco freio.

    Mas q era uma delícia esticar a 3ª até 150 e a 4ª até os 200...ah isso era!

    ResponderExcluir
  11. Carlos Eduardo02/06/11 11:25

    Acho é que o Arnaldo tava poupando um pouco o carro e não dando tudo q podia.

    Fora que o escalonamento longo e as marchas espaçadas entre si do escort não ajudam em nada na pista.

    ResponderExcluir
  12. Eu tive um escort desses, GLX, zeteczinho 1800cm3....e andava bastante bem apesar da relação um tanto longa de marchas para o meu gosto.

    Descer uma serra à moda era realmente fatal para os freios, já os vi rubros mais de uma vez. Sinto um pouco dessa deficiência nos novos Focus sigma também, sei lá!

    Mas estranho que carros menos cotados tenham te passado por simples aplicação de potência Arnaldo, o Gsi rende boa briga, mas não os demais.

    Mister Fórmula Finesse

    ResponderExcluir
  13. AK
    Faço coro com o pessoal aí que tá estranhando essa superioridade do Voyage e do Fiesta. Com relação ao Kadett, não fica dúvida, o bicho sempre foi bom de chão, mesmo aqueles primeiros, lá de 1989, que tinham pneus 165/80-13. Agora... sacanagem esse Fox aí, viu!
    Outra coisa: Cadê a calota? (rsrs)

    ResponderExcluir
  14. Putz! Regularidade em Interlagos?! E eu aqui no Rio babando de depressão com nosso histórico circuito sendo varrido pra baixo do tapete. E da história recente. Próxima etapa em Julho? Hummm.. acho que vou levar meu 207 pra conhecer Interlagos...

    ResponderExcluir
  15. Ahhhh que maravilha, tenho muita vontade de participar de um evento como esses, só tenho medo da "areinha" que vc comentou Arnaldo... Numa dessas dei pt num Focus... saudades daquele carro...

    Ah Arnaldo eu tenho uma duvida sobre como é o desgaste dos pneus em condições de pista.

    ResponderExcluir
  16. Putz... já tenho quer reservar essa grana. Só espero não fazer feio nas curvas... Fico só na dúvida de levar meu Kadett SL ou adiantar a compra do Punto T-Jet :-D

    ResponderExcluir
  17. Fiesta novo eu não sei, mas o voyage EA-113 tem motor pra acompanhar o Escort e passar desde que não chegue em velocidades finais.

    Tive um escort zetec 99 desde 0km, recentemente fiquei um tempo com o voyage e hoje estou com o gol novo, sei do que to falando. O fato de eu ter ficado um tempo com o voyage determinou a compra do irmão menor depois de me surpreender e dar muitas risadas bobas.

    Em favor do Escort, ele tem mais final, mas não retoma junto nem com boa vontade.
    Voyage e Gol novos tem uma retomada de segunda até meados de quarta marcha que ainda não vi em carros médios mais fortes (e os dirijo com frequência).
    Isso não é demérito pro Escort, um excelente carro. É demérito pra muito carrão novo que tem hoje e que passam vergonha regularmente ao ver um pequeno e numericamente fraco carro popular andando na frente.

    O que eu disse acima causa o mesmo impacto que dizer antigamente que o Escort deixava pra trás boa parte dos carros da época, e ninguém acreditava. Mas na prática não existe achismo.

    Post empolgante -e com um toque de saudosismo- do Arnaldo.

    ResponderExcluir
  18. Adorei!

    Será que pode participr de Ranger????Senao ainda tenho o 207 da esposa como opção!

    Abs!!!

    ResponderExcluir
  19. Eu faço coro com o pessoal.
    Tenho um Escort Zetec 1.8 só com escapamento diferente do original, nenhum desses carros citados andam mais.

    Mas muito legal o relato, fiquei muito feliz de ler, inclusive vou "testar" as calibragens de pneu.

    ResponderExcluir
  20. Maravilhoso post;

    A MECA não seria uma CLS?

    ResponderExcluir
  21. Como fica o consumo dos pneus? 350 pilas é tranquilo, desde que eu não precise comprar um jogo novo depois da brincadeira! Não acho que os goodyear excellence do novo fox durem muito num circuito!

    ResponderExcluir
  22. Humberto Monesi02/06/11 13:56

    AK ,parabéns pelos seus "posts" e obrigado por informar sobre este evento - certamente a sua narração contribui para ele parecer super empolgante. Três perguntas, (1) qual a sua velocidade de final de reta? Pergunto isso porque penso em comparecer com uma Montana 1.4 e acredito que ia andar no limite de giro do motor muito tempo, comentei sobre este câmbio extremamante curto no post da Nova Saveiro. (2) Fica perigoso segurar a velocidade nas retas e deixar para dar uma tocada mais forte nas curvas? E por último, qual o tipo de desgaste que o pneu sofre após 1 hora rodando com o "pau comendo"?

    ResponderExcluir
  23. Arnaldo, conte-nos do 145 posteriormente. É um Quadrifoglio?

    Não desmerecendo o Escort, mas se o 145 ostenta o Trevinho, o torneio de regularidade seria mais interessante com ele.

    ResponderExcluir
  24. ...Quanto ao Bam-Bam que legal, parece que a voltinha na 55 conquistou o menino! Parabéns para ele. BAM-BAM coloca a máquina na pista. Seria bom fazer um post com as impressões dele sobre seu novo carro, mesmo não sendo a 55, deve ser muito bom!

    ResponderExcluir
  25. Humberto, pickups não são permitidas no evento... Bom vc tem a mesma duvida que eu qto ao desgasta dos pneus... =]

    ResponderExcluir
  26. Escortinho é o demônio. Tive um e o adorava. Cambio longo, terceira marcha "infinita". Numa estrada, dava para trafegar a velocidade alta com giro baixo.

    Mas os freios, ah, os freios eram uma desgraça...

    Também tenho dúvidas quanto aos pneus, mas arrisco dizer que se andar forte, comendo zebra, vão embora rapidinho, mesmo porque o asfalto é diferente daquele utilizado na rua. Parece ser mais "poroso".


    Marco

    ResponderExcluir
  27. AK ,
    Parabens pelo bom gosto automobilistico de sua filha !
    Alfa 145 ! Que belo carro ! ja andei (mas nao dirigi)numa Quadrifolio 2.0. Adoro as Alfas , mas infelizmente e uma marca esquecida e pouco reconhecida por aqui. Gracas a pessima estrategia comercial e descaso da Fiat qdo a importou nos anos 90..
    Fica a sugestao p/ fazer um post com a 145 da sua filha: suas impressoes / comentarios e falar um pouco sobre a historia da marca, os leitores do AE vao gostar.
    Abracos

    ResponderExcluir
  28. ZETEC: é verdade, motor VHT auxiliado por uma caixinha curta realmente faz voyage e gol retomarem melho que o escort.

    Só quando a brincadeira passa dos 4500 giros que os antigos zetecs começam a andar realmente muito forte.

    Mesmo na Quatro Rodas, máximas de 197 ou 201 (Verona) eram pontuais.

    MFFinesse

    ResponderExcluir
  29. q post delicioso !

    traz as memórias todas as emoções que vivi no único td que participei em interlagos, tb morrendo de medo que a coisa seria agressiva demais, e foi muito tranquilo ! levei pau com classe ! ( talvez tenha sido tranquilo pq era muito facil me passar ... não precisava muito esforço rsrsr )

    Arnaldo, pq pressão maior nos dianteiros ? isto não tornaria o carro mais traseiro ? ou a sua conta já foi com o peso do carro distribuído ? ou ainda, a intenção era essa mesma ? rsrs

    [ ] ´s

    ResponderExcluir
  30. Humberto Monesi02/06/11 15:36

    Valeu Bruno, depois que "postei" fui dar uma olhada no regulamento e vi que não pode, talvez por entenderem que esses veículos são menos equilibrados dinamicamente, mas discutível dizer o quanto uma Montana difere de um Corsa. Uma pena, até mesmo porque seria uma boa oportunidade para quem dirige uma pick-up conhecer os limites do veículo (e do próprio condutor). Se pudesse participar ainda acho que a Montana com o motor Bebeflex e a transmissão de Massey Ferguson ia ter que parar para reabastecimento! Abç!

    ResponderExcluir
  31. Arnaldo,
    Sua filha namora com o filho do Bob Sharp?

    ResponderExcluir
  32. Humberto,

    Nos Track Day´s são permitidas pick-up´s, bem como um passageiro, procuro por informações deste tipo de envento ok ?

    [ ]´s

    ResponderExcluir
  33. João Celidonio02/06/11 16:11

    lá em casa tem uma GLX 1.8... bem bacaninha o carro. estavam querendo trocar esses tempos atras por outro carro mais novo... bati o pé e não deixei vender... carrinho completo!

    ResponderExcluir
  34. Todomundo,

    estive sem poder acessar internet esta manhã e vejo que juntou um monte de comentários, muitos falando sobre as mesmas coisas, então vou responder a todos juntos. OK?

    Fiesta e Voyage andavam bem nas curvas. Não sei se seriam melhores que meu Escort nelas, mas sei que o Voyage me passou na reta e o Fiesta na subida. Pode ser que eu não estivesse levando o giro a 100%, mas a 90% eu estava e de qualquer modo senti que eles andavam mais mesmo. O meu Escort está andando direitinho, está com uns 120 mil km, não fumaceia nem nada. Tirei o filtro de ar e ajudou um pouco.
    Não se preocupem com o desgaste dos pneus. Metendo os tais 30% a mais eles pouco dobrarão e com isso pouco desgastarão as bordas. É só uma hora. Não meti o carro nas zebras; não havia razão para isso.
    Não é R$ 350,00. É R$ 330,00 a inscrição.
    O Mercedes é CLS ou CSL. Posso ter me enganado. Sou meiodesligado dessas coisas. Mas é o da foto. Lindaço. Puta carro, bom mesmo.
    Picape Ranger pode ser até que possa, mas não seria bem vinda pelos participantes. Objeto perigoso. Fora que toma pau de Uno Mille na pista. Roube o 207 da patroa que a gente escora a sua barra com ela.
    Douglas, o Escort é estável e não sei de onde vc tirou essa idéia de que ele não é. Esse é um dos motivos de eu gostar dele.
    O fato dele ter marchas longas não afetam no desempenho, pois o motor trabalhava sempre cheio. Se há diferença é desprezível. Gosto delas longas. Brasileiro é que tem essa mania de câmbio curto, que só dá impressão mas não é efetivo na hora do vamos ver.
    Meus pneus também estavam na meia-vida, e a borracha não estava boa. Se eu tivesse bons Goodyear ou Michelins seria outra coisa. Minha filha só usava o carro por aqui por perto e não viaja com ele, então não me importei e fiz uma salada/cagada de pneus ali. Falta minha, confesso. Até julho meto 4 Michelins ali.
    O Alfa seria melhor, sim, claro. Minha filha insistiu para que eu fosse com ele, mas eu teria dó porque é dela. Besteira, porque isso não maltrata o carro, do jeito que fiz, sem detonar, mas com filha a gente tem dengo.
    A conclusão é que é bom meter o próprio carro nesse tipo de evento, porque a gente acaba deixando ele nos trinques, acerta daqui, acerta dali, sem mexer muito, na boa, sem inutilizá-lo pro dia a dia.
    Estou pensando em falar com o Jan Balder e pedir um desconto pros Autoentusiastas. Assim a gente faz um grupo e pra ele também é bom.
    O Stilo não sei que motor tinha, mas sei que fazia curva feito gente grande, além do mais o piloto mandava muito bem.
    Ali tem de tudo, de mamando a caducando em termos de pilotagem, e todos gentleman drivers.

    ResponderExcluir
  35. Huberto, consulte o site do evento sobre a Montana poder participar. Não vejo problema, já que não é um caminhão que nem a Ranger.
    Pra Ranger seria um truckday e não trackday.

    ResponderExcluir
  36. Zetec

    Retomada c/ câmbio longo não tem mto segredo...basta reduzir e meter o pé.

    O tempo q um cara num carro de câmbio curto perde ao trocar marchas e fzr subir o giro, num carro de câmbio longo vc vai abrindo espaço na msm marcha.

    ResponderExcluir
  37. Humberto Monesi02/06/11 16:58

    Valeu AK, tens razão, acho que vale a pena não levar a palavra pick-up tão ao pé da letra e contatá-los para saber. Assis, vou ficar de olho se souber de algo te informo.
    P.S.: Truckday foi ótima! ;-))

    ResponderExcluir
  38. Já tive uma Escort SW 1.8 16v. Era comum viajar entre 160 e 180 numa boa, tranqüilo, em trechos interioranos por SP,MG e GO, e com muita economia - a 140, era comum fazer 17,5 km/l.

    ResponderExcluir
  39. Arnaldo Keller,

    Coloque Yokohama 195/60-14 (se vc mantiver as rodas originais), ou 195/55-15, troque as molas (coloque as do Novo Focus), amortecedores Nakata do Focus 1a. geração e troque as pastilhas e lonas (Fram) e discos novos ventilados, com pinças do Focus 2.0. Faça uma pequena regulagem no avanço do comando de válvulas.

    Não vai ficar nenhum canhão, mas aí vc nos comenta depois a diferença.

    ResponderExcluir
  40. Arnaldo já andei um tempo de Ranger, é um caminhãozinho mesmo, não é carro pra se meter na pista... haha Bom um Uninho/Fiasa não deve ser tão vergonhoso assim são 56 cv com mais 1 cv que deve ter aumentado com o filtro esportivo que coloquei, ah por R$ 26,00 tbm... haha

    Isso que vc disse sobre fazer preços promocionais para o pessoal do blog ia ser bem bacana se acontecer.

    ResponderExcluir
  41. Mendonça,

    Obrigado pelas dicas.
    Temo que essas molas e amortecedores deixem o carro ótimo pra pista mas ruim pra buraqueira. Que me diz a respeito?
    A FRAM fabrica pastilhas? Quanto às lonas não me preocupo tanto, pois a encrenca sobra pra dianteira mesmo.
    Afinal, qual a melhor pastilha?
    Os discos dianteiros do Escort já são ventilados. Esses do Focus encaixam na boa e são melhores? Dão nas rodas aro 14?
    Obrigado,

    ResponderExcluir
  42. Ei Mendonça, achei interessante esse seu setup da suspensão pro Escort Zetec.

    ResponderExcluir
  43. Aléssio Marinho02/06/11 18:03

    Li este post pela manhã e coincidentemente, perto do meio dia fui num concessionário Ford. Com o texto fresco na memória, enquanto aguardava o cliente, fiquei esperimentando os carros do showroom. Entrava, ajustava o banco/volante e começava a cambiar.
    Fiz isso num Ka, Fiesta Rocan, New Fiesta e no Focus.
    De todos gostei mais mais da pega do Fiesta Rocan, a melhor posição da alavanca de marchas.
    Não gostei da localização do da alavanca no Ka, que fica deslocada "pra frente", mais próxima do painel, nem da do Focus, muito afastada para a direita, além de ser curta para um Ford.
    Tive essas impressões ao imaginar-me passeando em Interlagos, como no post do AK.
    Dos carros do showroom, só o Fiesta Rocan supera o guerreiro Escort na melhor posição da alavanca de marchas.

    ResponderExcluir
  44. Bruno,

    já guiei Uno normal em Interlagos e é divertido, tá valendo.
    Sobre juntar um grupo, quem estiver mesmo a fins, escreva para meu email: arnaldokeller@yahoo.com.br
    Vamos ver o que rola.

    ResponderExcluir
  45. Muita coisa na cabeça. Quis dizer Fras-le.Na prática não sei dizer se cabem na roda aro 14. Mas já me chegaram muito casos de adaptações desses discos do Focus no Escort.
    Em qualquer caso, melhor ainda, pois aí vc já parte para boas rodas de ferro aro 15, com os Yokohama 195/55. Não esqueça das pinças, do Focus. Nivele as molas, cortando um ou dois elos, se necessário, para manter a altura orinal, ou um pouco mais baixo, 1 a 2 dedos. Isso, lógico, se o objetivo for track day. Diminuirá a inclinação lateral, e o carro ficará mais firme, pois terá mais carga de molas. Será possível entrar um pouco mais forte nas curvas. Mas não afetará muito o conforto e absorção na buraqueira do trânsito.

    ResponderExcluir
  46. AK,

    estava esperando você comentar pra comentar aqui também. Meu Escort 99/00 é um carro que eu gostaria de colocar pra andar em Interlagos. É um GLX Cinza com 89mil km, inteirinho, inteirinho.

    Ele estava com Pneus Potenza Re740 quando comprei da amiga da minha mãe. Coloquei os Michelins e o carro ficou outro. Vale muito cada centavo, você sabe.

    Meu Ka 1.6, com um leve tapinha de preparação do José Dirani, também seria uma ótima opção pra andar na pista, pena ele estar à venda e não demorar muito pra ir embora.

    Em casa, compramos o primeiro Escort, uma SW 99/00, hoje com quase 180 mil km e inteiraça, da mesma dona do meu hatch, depois de uma conversa com o Alexei Silveira onde ele me falou das boas qualidades do carro e que o Bob tinha um, só não sabíamos que tinha ido pra sua mão. O que mais me espanta é o quando a SW é boa de curva, talvez melhor que o hatch.

    Pra todos, o Escort, mesmo com a deficiência dos freios é um carro tão prazeroso de viajar e dirigir que meu pai deixa seu outro carro na garagem, bem maior, bem mais novo, com bem mais motor, AT de 6 marchas, pra fazer bate-voltas em SP, saindo do sul de minas, com a SW.

    Abraço,

    Eduardo Zanetti.

    ResponderExcluir
  47. Eu, e acredito que os demais também, fiquei curioso agora para saber, para o próximo encontro de Interlagos, com melhorias que vc vier a fazer no Escort (pneu novos, pastilhas, etc, ainda que originais), como será o comportamento. Ficaremos no aguardo.

    ResponderExcluir
  48. AK,

    os discos dianteiros do Ecosport 1.6/2.0 manual, com suas respectivas pinças, caem como uma luva pro Escortinho. Só não fiz a substituição no meu devido ao sistema de freios original ainda estar com mais de 50% da vida útil.

    As pastilhas que melhor responderam aos meus anseios quando falamos de Ford, são as compradas na autorizada. Elas vem com o carimbo da Motorcraft, não me lembro quem as produz. Assentam bem mais rápido, duram muitíssimo bem e tudo mais. Mas vale ficar de olho na cor do composto: sempre pedi pastilhas de lotes diferentes quando fui comprar para o Ka, para o ex-Focus e também para a Escort SW, escolhendo as que tem tem tonalidade mais escura. O primeiro jogo de pastilhas trocado no Ka não freiava por nada, tirei elas fora. Meu mecânico de confiança, ex-oficina Ford, comentou comigo que essa mudança de cor tem relação com a temperatura na qual as pastilhas são "assadas".

    Gostaria de saber se é apenas superstição boba ou se, realmente, existe uma lógica por trás disso.

    ResponderExcluir
  49. Arnaldo ja enviei email para participar do torneio.

    ResponderExcluir
  50. Mendonça,

    OK, Fras-lee. Vc está que nem o cara que estava paquerando a moça e lhe perguntou: Você é um pouco lésbica, não é?
    Era estrábica..., um charmoso estrabismo, e não lesbianismo.
    Bom, esse lance de colocar molas e cortar não é pra este carro, que aqui em casa já estão chamando, o "carro de corrida do papai".
    Mas vou xeretar a história dos freios do Focus, sim, e agora lembrei de um amigo que importava pastilhas inglesas excelentes, boas pra rua e pista.
    Além do mais o carro não rola tanto. Certamente, com melhores pneus, com mais agarre, rolará mais. Vamos ver.
    Vou de Michelin. Tive ótimas experiências com a marca e nunca me decepcionei.

    ResponderExcluir
  51. Eduardo, os freios do Focus tbm são uma coisa "semi-lamentável"... acho que é mal da Ford...

    ResponderExcluir
  52. Zanetti,

    O Escort é um docinho mesmo. Ergonomia perfeita.
    E o legal é que é feio pacas e eu gosto de carro feio. Ou o carro é lindo pacas ou é feio pacas. Meio-termo não rola comigo.

    ResponderExcluir
  53. Zanetti,

    O Escort é um docinho mesmo. Ergonomia perfeita.
    E o legal é que é feio pacas e eu gosto de carro feio. Ou o carro é lindo pacas ou é feio pacas. Meio-termo não rola comigo.

    ResponderExcluir
  54. Tinha uns Pirelli no Gol,coloquei os Michelin e que diferença!O carro virou outro,tanto no seco,molhado,nas buraqueiras do dia a dia,e o melhor,não desgasta quase nada..

    ResponderExcluir
  55. Bruno,

    de fato os freios do Focus são "semi-lamentávies" mesmo. Para a versão 1.6 RoCam eles estão no limite, para a 2.0 Zetec e Duratec só vale na versão Ghia. Na GLX, com discos apenas na dianteira, os sustos, em uma tocada mais forte em um espaço de tempo um pouco maior, serão visitantes frequentes. Dá-lhe, sistema cardiovascular!

    AK,

    eu tenho essa coisa com carros extremamente feios e extremamente bonitos. A perua Tempra, com aquele desenho polêmico ao extremo, painel parecido com algumas linguiças sobrepostas, sempre me encantou pelas formas. Um carro que foi unanimidade de beleza, o Vectra B, nunca me chamou atenção, era apenas mediano. O Buick 1950 Roadmaster e a Alfa 159 Sportwagon são bonitos demais! Esses sim me roubam os olhos.

    O Focus primeira geração, que a grande maioria acha terrível ou ao menos esquisito, é a pérola que não tenho no meu cofre.

    ResponderExcluir
  56. A.K. Disse :

    OK, Fras-lee. Vc está que nem o cara que estava paquerando a moça e lhe perguntou: Você é um pouco lésbica, não é?
    Era estrábica..., ".

    Boa piada ! É mais ou menos isso !

    ResponderExcluir
  57. A.K. Disse :

    OK, Fras-lee. Vc está que nem o cara que estava paquerando a moça e lhe perguntou: Você é um pouco lésbica, não é?
    Era estrábica..., ".

    Boa piada ! É mais ou menos isso !

    ResponderExcluir
  58. Alexei Silveira02/06/11 19:29

    AK,

    Muito legal você divulgar aqui modo tão interessante de frequentar Interlagos.

    Faço coro com a maioria : apesar dos 1.200 kg de peso, dificilmente um dos carros citados ultrapassaria nosso ex 1.8 16v Escort GL 97 -Branco- entre 50 e 200 km/h , morro abaixo ou morro acima. Muito pelo contrário. A primeira leva de Escortinhos era do c. , ia a 6.800 rpm como um motor de corrida.

    Mas na curva, nem pensar. Teve todo tipo de pneu, terminando nos Michelins , que abrandavam a tendência dele sair de freente, de trazeiraaaaaaa, de lado( como vc disse!!!) e .... brrrrrr......ir reto!!!

    A melhor maneira de frear um Escort é à moda Flintstone, vá de bota boa!

    1 a 2 mm divergente( no manual manda 0 a 1 convergente,e os autocentros assim o fazem )

    Abraço, vai de 430 vá!

    ResponderExcluir
  59. Só posso dizer uma coisa: babei neste post!!!

    ResponderExcluir
  60. Alexei, vc me deixou cismado. Acho que o meu não vai a 6.800 rpm em 1a nem sendo empurrado por um Scania.
    Vou verificar.

    ResponderExcluir
  61. Pessoal,

    aviso que sairei de viagem para a roça hoje à noite, daí que talvez deixarei de responder comentários por uns dias. Sem net lá, o que também é ótimo...

    ResponderExcluir
  62. Bem que dizem que gosto é igual *.

    Eu já acho o Escort um carro bonito, e o Agile, por exemplo, muito feio...

    ResponderExcluir
  63. Saída a francesa mod on... haha

    ResponderExcluir
  64. Ótimo texto Parabéns!
    A quem pergunta sobre o desgaste dos pneus, andei com um ex-Voyage 93 na pista de Interlagos em um evento certa vez, foram três voltas, o carro não tinha preparação no motor, apenas suspensão então não andei realmente forte mas ao final pude ver que meus Pirellis estavam com borracha a menos e bem sujos, logo, 1h na pista andando bem pode se preparar, o idela seria usar um jogo específico para o dia. Slick se o regulamento permitir. Abçs

    ResponderExcluir
  65. Matheus, se slick a que vc se refere for pneus carecas mesmo eu tenho uns 20 na garagem de casa, bom carecas carecas não, mas assim dá pra ver os "microsulcos" na borracha... haahhahaa

    ResponderExcluir
  66. Arnaldo, alguns Escort 97-98 tinham corte de ignição/combustível(não sei qual) em 7000 giros.

    Após isso o corte baixou para 6800, mas o Zetec 1.8 16v come os giros até 6800 com tranquilidade.

    No nosso caso, que os carros já estão com mais de 10 anos de uso, percebi que a partir de 6400rpm o giro anda subindo mais devagar, pode ser algum bico um pouquinho sujo ou coisa do tipo. Troquei cabos, velas, mangueiras, conferi estanqueidade, pressão na linha de combustível e a única coisa que ainda não fiz foi retirar os bicos, por isso a suspeita.

    Bom descanso!

    ResponderExcluir
  67. Boa noite, Senhores.

    Descobri o site AE há aproximadamente 2 meses e desde então o acompanho sempre. Nunca deixei um comentário, mas por se tratar de algo que já faço parte há algum tempo, quis compartilhar com vocês o que já conheço:

    Tenho participado do Torneio Interlagos de Regularidade desde o primeiro ano em que ele foi organizado (2009) e desde então não perdi nenhuma prova. Podemos dizer que sou um veterano do torneio já, pois compareço em todas as provas (independente da categoria, clássicos ou modernos).

    Se o Arnaldo Keller não tivesse ido comprovar ele próprio, eu faria questão de dizer que os participantes do torneio são realmente cavalheiros e muito receptivos. A maior parte das pessoas entende o objetivo da prova e nunca presenciei uma situação em que um piloto colocasse o outro em risco. Óbvio que já apareceram "moleques" que acharam que se tratava de um "trackday econômico", mas esses sim são os únicos a serem rechaçados por não entenderem o espírito da coisa. Portanto, pode levar sua filha contigo para que também contraia esse maravilhoso vírus.

    Além da civilidade das pessoas, outro ponto que evita os mais afoitos é o tempo mínimo de 2:20 estabelecido no regulamento, sob pena de ser desclassificado e ficar impedido de participar da próxima etapa.

    Respondendo a algumas dúvidas:
    1) o Stilo possui sim motor GM família I;
    2)As pastilhas Bendix são excelentes sim, pois eu já estou no segundo jogo no meu carro e, pelo menos nele, não tive problemas de fading mesmo judiando durante toda a duração da prova. Atenção: isso varia de carro para carro, portanto, juízo...
    3)Desgaste dos pneus: depende da sua tocada. Se for agressiva, verá uma fina camada superficial da banda de rodagem se desfazendo após a prova (experiência própria). Isso significa que ao final de algumas participações não serão apenas os 330 paus da inscrição...
    4)Àqueles que gostariam de fazer um "truckday": este ano estão impedidos de particpar "veículos com caçamba", utilizando palavras do próprio regulamento. Portanto, por mais que uma Montana Sport seja quase um coupé, não poderá participar for força da regra.

    Por último, vale citar que ficar achando que um carro é mais rápido que o outro só porque o passou ou foi ultrapassado em Interlagos só serve mesmo para ficar jogando conversa fora aqui no fórum, pois como são três tempos à escolha do participante, você não sabe durante a prova se o seu "adversário" está girando na mesma balada que você, nem se ele tem ou não a mesma dó dos pneus ou freios que você. Além de motoristas "civis", alguns pilotos também participam das provas e isso faz toda a diferença. Tanto é que Honda Civic Si já rodou por estar sendo "perseguido" por um Ford Focus que nem se abalou ao entrar na curva pendurado. Já vi também um Subaru Impreza 2010 bater por ter perdido a traseira em pista seca enquanto tem gente que com um Fusca 1964 1200 cc, 36 cv e pneus diagonais brinca de drift sob a garoa em pleno S do Senna como se estivesse indo à padaria! Portanto, o melhor a fazer é ter a postura do Arnaldo Keller em reconhecer a boa tocada de algumas pessoas, como os pilotos do Kadett GSi, do Stilo Sporting, do Fiesta e do Focus Sedãs.

    Abraço a todos e espero vê-los na próxima prova. Sejam bem-vindos!

    ResponderExcluir
  68. o AK, nem pra atacar a zebra e arricar um pouco esse carrinho, mas nem q eu tivesse q um fusca 1300, ataque a zebra meu jovem, carro compra-se outro kkkkkkkkkkk, brincadeira

    ResponderExcluir
  69. e correu de calota pelo jeito, jesuis, ou engano meu, será uma roda de liga leve?

    ResponderExcluir
  70. na próxima regularidade de interlagos eu vou de ASIA TOWNER 97 preparada pra "cachorro quente", já que é pra esculaxar...

    ResponderExcluir
  71. Grande Arnaldo, tudo bem?
    Adorei o post! Até devido ao fato que tenho uma enorme vontade de por meu carro para participar desse Torneio de Regularidade, nem que por uma etapa apenas para matar a ventade, mas fico meio cabreiro com esse regulamento que coloca os clássicos de 1986 para trás e os modernos de 1987 para frente... afinal, meu carro é um Monza 2.0 1990, que com seus pneus de medida original 185/70/13 tem muito mais a ver com os clássicos que com os modernos, via de regra com perfís de pneu de 60 para baixo. Até acho que o Família II daria conta nas retas, mas não tenho certeza dos pneus (acabei de por uns bons Michelin Energy XM1) fazerem o mesmo nas curvas... Do alto de sua longa experiência automotiva, acha que daria certo (nem que fosse para virar 2m51')?
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  72. reginaldo leme02/06/11 23:01

    o bob sharp em 1984 com um fiat 147 spazio fez o tempo de 2:29:259 isso com as duas maõs ocupadas, fumando e fotografando

    ResponderExcluir
  73. Conte comigo Arnaldo!

    Parabéns pelo post ! Fantástico !
    Vamos tentar participar do próximo !

    Abraço !

    Rodrigo SBC

    ResponderExcluir
  74. eu de taxi fiz 2:31 por R$ 14,95

    ResponderExcluir
  75. auxiliar de escritório02/06/11 23:25

    eu peguei uma van na entrada do boxe fiz 2:34 e gastei R$ 9,50 até a outra entrada do boxe

    ResponderExcluir
  76. AK, aí sim! Acredito que vários aqui, inclusive eu, têm interesse de participar de um evento desse.

    Uma vez li uma matéria comparando vários eventos, entre eles track days e provas de regularidade.
    Pensando no valor, o track day parece ser mais interessante (R$500 o dia todo, confere?) e para esta prova R$330 por 1 hora, mas para quem nunca entrou numa pista, que é o meu caso, acho que uma hora já vai render estórias pra mais de mês (meus amigos que me guentem!), mais a receptividade descrita por você e pelo "Avatar", sonho de consumo!

    Quantos às comparações do pessoal, além da diferença no ritmo, na tocada, para estes eventos a maioria anda com o carro "acertado". O Stilo mesmo, original é tosco, com gol bola eu já "deitei e rolei", mas uma experiência ou outra não significa praticamente nada.

    As fotos ficaram demais! Valeu PK!!! Pô! Mandou benzaço!

    O que é esse 155? Eu piro nestes Alfas! AK, demorou pra por a sua filha na pista (sem trocadilhos) e de quebra testar a respectiva viatura.

    Mendonça, vc falou do SW, vi uma hoje muito bem cuidada, aquela cor vermelho cereja, bonita demais, fiquei babando no carro do cara... hehehe... Teve uma época que procurei um carro desse, mas só encontrei tranqueira.
    Agora, falar pro AK cortar as molas do carro? Para né man! Não há opções de barras estabilizadoras pro Escort? Já tive carro com molas cortadas, mas não é opção pra enfrentar a buraqueira, apesar que a gente acaba desenvolvendo uma forma de dirigir pra tirar o peso do lado do carro que não poderá evitar as crateras, "zig zag" em SP decididamente não é opção.

    Já falei demais, agora esse Fox é uma afronta aos Fordistas de plantão.... KKKkkkkKKKkkkKK... Demais!

    Pô Aléssio, até que enfim a Ford faz um carro com engates decentes e vc não gostou?

    Em foruns de TD o pessoal fala bastante em marca de pneus, Michelin, Toyo, Yokohama, Potenza... Atualmente uso Michelin, não dá nem vontade de testar outros... Agora marca de pastilha, sempre fui na do mecânico... "Pastilha é Cobreq, dotô!" rsrsrs... Pregunta, é mesmo?
    Aquilo parece feito de pedra... hehehe

    Abs

    ResponderExcluir
  77. O grande problema desses eventos ainda é o preço...

    Delicia de ler ess amateria,fiquei imaginando como cada cena haha..

    ResponderExcluir
  78. a minha vó, de 87 anos, parcialmente paralizada devido a um derrame, com uma royalle ghia 2.0, rssssss, automática...kkkk, fez 2:32:959 huauhuaauhuahuaha

    ResponderExcluir
  79. Chuck Norris03/06/11 01:46

    não digo nada, 2:32 é vergonhoso, deveria pagar R$ 330 pra entrar e R$ 400 pra sair

    ResponderExcluir
  80. Brinquedos Estrela03/06/11 01:50

    nossos carrinhos RC cravaram 2:30, isso na década de 80'

    ResponderExcluir
  81. AK,

    Ta ai um evento que pode reunir os autoentusiastas que sempre estão aqui no blog.
    Iria facil facil, mas to meio longe por enquanto.

    abraço!

    ResponderExcluir
  82. Chico Xavier03/06/11 01:52

    prefiro não comentar o tempo

    ResponderExcluir
  83. rubens barrichello03/06/11 01:54

    eu já bati esse tempo de gol bx 1.6 1985

    ResponderExcluir
  84. Stephen Hawking03/06/11 02:07

    lamentável
    01101100011000010110110101100101011011100111010011100001011101100110010101101100

    ResponderExcluir
  85. galvão bueno03/06/11 02:25

    bateu forte, foi resgatado de helicóptero e voltou para completar a volta

    ResponderExcluir
  86. Globo News03/06/11 02:31

    as piadinhas não param, o pilo AK...

    ResponderExcluir
  87. 2:31:292 o lôco meu, até eu bichô, de jac3, mais do que nunca, 108 cv, desmontando nas curva, o lôco

    ResponderExcluir
  88. Discovery Channel03/06/11 02:47

    Programação
    Sobrevivi: Escort Zetec 1.8

    ResponderExcluir
  89. o cara correu com estepe e com calota, comprou a calota ganhou o capacete, brincadeira

    ResponderExcluir
  90. ainda ganha troféu e manda o primo bater as fotos, puta sacanagem

    ResponderExcluir
  91. troféu do que patcha q la vida? incentivo a fotografia? o cara cata o carro manco da filha, faz 2:32 ainda ganha troféu, troféu vergonha alheia, tenha dó, interlagos ta premiando a melhor idade, eu vo lá tb

    ResponderExcluir
  92. EscorteClube03/06/11 03:12

    o escorteclube realizará no próximo sábado: Suicídio Coletivo. Participe!

    ResponderExcluir
  93. ou o cara ta com estepe no dianteiro esquerdo ou voou uma calota, esse ano nao vai ter f1 em interlagos, tá de brincadeira

    ResponderExcluir
  94. o Costinha ressuscitou e virou piloto de pace car com um escort vermelho, eu vi nas fotos

    ResponderExcluir
  95. Ibagens!!!
    Pô comandante Hamilton ajuda ai Pô!!!

    ResponderExcluir
  96. Alfa Romeo 145, Escort Zetec.... isso é uma familia de besouros,
    vão gostar de M... assim lá em Sampa!

    ResponderExcluir
  97. kkk os tempos de voltas estão excelentes, só faltou falar que o gol bx 1.6 1985 foi o 2o melhor tempo já registrado em toda a história dos regularidades de interlagos ! ;)

    Gostaria de deixar aqui um relato pessoal quanto a td´s.

    estou vendo um certo preconceito quanto aos td´s, por ser um evento onde não se marca tempo, e então, cada um pode xinelar o tanto que quiser .

    Concordo que colocando tempos como no regularidade, consegue-se controlar excessos, e diminuir riscos, mas isso não é obrigatório para que o espirito de gentleman drivers permaneça !

    Participei de um td com um mav 4 cilindros ( 3, o 4o é fumante ... ) junto com uma turma que a principio me preocupou, pois eram vários japoneses tunados, e outros carros "do tipo" ...

    pensei ... ferrou, vai ser um tal de gente querendo dividir curva comigo que vai voar neon azul pra tudo que é lado logo na primeira curva ... rsrsr

    Q nada ... o evento, se bem organizado, tem um briefing muito bom, enfatizando a segurança, o motivo de não se marcar tempo, nem haver premiações, como proceder numa chegada de curva com um carro mais lento a sua frente, e a enfática afirmação de que no primeiro excesso cometido, o carro será chamado a box, e pode ser inclusive impedido de continuar, sem direito a reaver o $ .

    Isso sem contar que se você é um motorista de primeira vez, é disponibilizado ( obrigatório ) um instrutor que irá dirigir seu carro as primeiras voltas, dando todas as dicas, e dpois irá ao seu lado avaliando, e só irá te liberar para correr sozinho quando ambos se sentirem seguros .

    Confesso que me surpreendi ! meu carro era disparado o mais lento da pista, e em momento algum alguem me colocou em risco, forçou uma barra, ou se irritou com a minha "lentidão" .

    E mesmo assim, me diverti muito, andei no limite do meu carro, e no meu, que é o que conta no fim das contas :)

    Fiz amizades, aprendi, e tive um dos melhores dias de minha vida !

    Para mim, a vantagem dos td´s é que vc paga proporcionalmente menos, para andar mais, nada contra os regularidades, pelo contrário, taí o relato do arnaldo que mostra que vc pode escolher um tempo mais baixo e chinelar, a questão para mim é apenas gastar menos para andar mais !

    E se sobrar algum $ no fim das contas, vou no regularidade tb ! :)

    [ ]´s

    ResponderExcluir
  98. luizborgmann03/06/11 11:48

    Olá Arnaldo,
    Muito bacana o post. Tem gente que critica a redação detalhista dos fatos, por já ter mais conhecimento do ramo. Lembro que eu, quando garoto, lia e sonhava em um dia fazer aquilo que o Expedito Marazzi relatava, com muitos detalhes, nos testes de carros, motos e participações em corridas, semelhante ao que você fez, levando o leitor à imaginação de estar conduzindo o veículo. Minha carteira de piloto está vencida há tempo, meu filho me cutuca, depois de ler o artigo acima, dá vontade de voltar na adrenalina. Lembro a você que o post também é lido por jovens, muitos deles ainda nem habilitados, e que sonham um dia estar no seu lugar, influenciando gerações no prazer da pilotagem.
    Parabéns.
    luiz borgmann

    ResponderExcluir
  99. Aléssio Marinho03/06/11 12:24

    Fábio;

    Longe de mim criticar qualquer marca! Só fiz uma observação quanto a posição da alavanca, afinal estava brincando com os carros no showroom, né?
    Agora, os engates são bons, um movimento curto e seco.
    Tive 2 Fiestas: um Sedan Street 1.6 2002 (mexicano apimentado) e um Hatch 2004 1.0. Conheço as peças e sei q são excelentes carros.
    Mas meu coração bate forte mesmo é pelos 2 hobby 1.6 que tive.

    ResponderExcluir
  100. Mendonça

    Cortar molas?

    Em q Era vc vive?

    Hj já existem kits c/ molas esportivas a preços mto acessíveis e de diversas marcas, tais como as CangoRun feitas pela Fabrini.

    Elas são progressivas, ou seja, mais macias nas pontas e firmes no meio e são perfeitas p/ Road/Track.

    Eu as uso no meu carro - Palio - e recomendo c/ louvor. A carroceria rebaixa cerca de 4cm e o conforto se mantem praticamente o msm do original.

    ResponderExcluir
  101. Arnaldo,

    Ele deveria ir sim e muito rápido.
    O meu que é o primeiro a sair 96/97 o faz sem problema algum.

    ResponderExcluir
  102. Tô aqui quieto no meu canto, gostando de ver os elogios ao Escort Zetec 1.8. Tenho um, que herdei da minha mãe. O carro tá feião porque passou seus 12 anos de vida embaixo de uma árvore-mictório de pombos cagões. Mas tá com 47.000 km hoje e em plena forma. Anda muito bem, mesmo sendo o Zetec um motor amarrado de fábrica (deem uma olhada no coletor de admissão e vejam como é mirradinho). Podia entregar muito mais potência facilmente. A opinião geral sobre seus freios condiz com minha impressão: não são bons. Mas, dizia o Expedito Marazzi, carro é pra andar e não pra parar. Muito preciso, o Escortão, na inserção em curva. Ótimo controle de rolling. Não apresenta nem muito pitch e nem muito squat. Na medida justa entre o conforto e uma pegada mais esportiva. Ótima solidez do monobloco. Ótimo escalonamento do câmbio. Muito melhor do que os close ratio de brasileiro-que-gosta-de-vencer-lombada-em-terceira. Achei outro carro igual, da mãe de um amigo, só que um pouco mais rodado e mantido em garagem escura e fechada. Não conto nem a pau onde tá o carro porque já acertamos a troca de garagens. Um dos dois vai participar dos rallies do Jan. Não sei ainda qual.

    ResponderExcluir
  103. Ronaldo Nazário03/06/11 14:23

    Revolta!Revolta!Revolta!Revolta!

    Arnaldo seu danado danado danado !

    Tirou foros com esse feioso aí só para se gabar!!!!

    Com os gatos você não tira mais fotos!!! Esconde tudo! Ai!

    E pra piorar não levou o gostoso do Bambam! Puxa vida! É muita falta de savanagem!

    Se é para tirar onda, não vá de escrot! Passa lá em casa e pega meu Mercedez!
    Mas antes deixa o Bambam comigo!

    Se você faz track and day e quero é trepedei!

    Ora imagina! Meu Bambam andando com uma tia que vai de escrot que nem calota tem! Que coisa de pobre!!! Humpf.
    Depois fica fazendo doce...

    ResponderExcluir
  104. Cadeirante03/06/11 17:07

    Eu já fiz o tempo de 2:31:5999 na minha cadeira de rodas...

    ResponderExcluir
  105. Alexei Silveira03/06/11 19:23

    AK,

    O Problema desses Escort é a debandada das peças Motorcraft....

    Esse motor 1.8 16v vinha de fábrica com Vela Japonesa NGK RACING, isso mesmo, com eletrodos de metal caríssimo e calibrada com impressionantes 1,3 mm de gap. Velas caras. Não tanto as do Gol 1.0 Turbo, mas quase......

    Quando a vela chegava ao fim ( uns 45.000 km no mínimo) e o sistema de ignição começava a ficar meio velhinho, cabos e bobina tomando banhos de solupans etc , surgiram problemas a a própria Ford lançou motorcrafts mais baratas e com gap menor, bem menor.

    Aí o carro perde todo o acerto da ECU, obviamente fica horroroso em altas rpm, que é onde realmente falaria alto.

    ..................................

    Mas, segundo o Eduardo Zanetti comentou, talvez já tenha necessidade de levar as válvulas injetoras para limpar e trocar o kit interno.

    Abraço e boa Roça!

    ...................................

    Aquilo que o PK fotografou não era uma calota. A COISA que sobrou é um sensor de temperatura do tambor trazeiro e a da frente, que faltou ao cumprir sua missão, foi um sensor de deformação da roda de ferro do ex carro da filha do AK.

    ResponderExcluir
  106. Arnaldo Keller, poderia fazer uma reportagem sobre as Alfas 155?

    Ja que sua filha possui uma, seria interessante ler sobre suas impressoes a respeito dela.

    ResponderExcluir
  107. http://autoentusiastas.blogspot.com/2010/09/quando-menos-e-melhor.html

    Sugestão de uso PK.

    abs

    ResponderExcluir
  108. Gilberto, valeu por lembrar deste post, aliviar o volante é uma modificação de baixo custo e me parece que só tras beneficios. Já tô até pensando em fazer junto com um rebaixamento do cabeçote no meu Uninho...

    ResponderExcluir
  109. Pessoal

    Tenho um Escort 1.8 GLX 1998, sobre o cambio IB5, ele realmente é muito longo, em 3° vai de 30 km/h à 140km/h é a chamada 3° sem fim, a alma desse carro é o motor e o cambio, o meu chega fácil em 6800 rpm e eu duvido que tenha somente 116cv de potência. O problema fica por conta do peso, dos freios (é claro) e da manutenção, o que vejo é muita gente colocando peças paralelas no Zetec e literalmente ferrando com o carro, o Escort Zetec é muito "manhoso" desde o óleo (5w30), peças da suspensão/freios ou até mesmo a gasolina que você poe nele já faz toda diferença.
    As palavras do Alexei faz todo o sentido e como no Brasil temos um "jeitinho" p/ tudo, os Escort Zetec são cada vez mais raros.

    ResponderExcluir
  110. A questão das velas eu lembro bem. Éram de 1,3mm de GAP e a Ford diminui tudo para 1,0mm

    ResponderExcluir
  111. A questão das velas eu lembro bem. Éram de 1,3mm de GAP e a Ford diminui tudo para 1,0mm

    ResponderExcluir
  112. tenho um amigo q tem um escort zetec 1.8 e outro amigo disse q viu ele dar 70kmh em primeira marcha, absurdo, mas realmente parece diversao garantida, sem falar que é mais barato q o trackday organizado pelo NDA (400 a 500 reais a inscrição) se conseguir um carro até julho posso ver de ir tambem, ate pq a chance de dirigir em autodromo (interlagos ainda) é emocionante...

    ResponderExcluir
  113. Samuca - Puma GTI04/06/11 23:23

    Arnaldo, faço parte da Saloma do Blog Racing Team. No ano passado, a equipe faturou o primeiro lugar nos antigos e o segundo nos modernos. Precisa ver o Saloma andando com o Okrasinha !!!! e o mais legal é que ele consegue perder só 10 pontos, considerando 4 medições por volta, seriam 40 voltas... e o Okrasinha nem tem cruise control !!!
    Mas é mesmo uma delícia andar, e nem depende do carro que você está dirigindo. Já andei de Peugeot 206, de i30, mas o mais gostoso é com meu Puma GTI 80, zerado... 3:00 minutos está de bom tamanho, cada curva !!! Nos encontraremos por lá, já que o virus do Rally de Regularidade já te contaminou !!
    Abraços pro Paulo Keller, direto de Dubai, e de Jabel Haffeet !!!

    ResponderExcluir
  114. Bianchini, meu amigo,

    vá na boa de Monza. Sem problema algum. Peça tempo de 2:54 que é tranqüilo. E não se preocupe com desgaste de pneus. Só desgastam se vc andar pendurado. Vá na boa mesmo. E se não der pra virar em 2:54 por uma serie de motivos, vá mais devagar e boa.

    Fabio,

    Pois é. Meu amigo Eber, excelente preparador, me disse que a Cobreq tem uma linha de competição que vai muito bem na rua. Me mostrou uma e nela esta escrito COMPETIÇAO. Precise ver se eles têm pra Escort 1.8 16v.

    Avatar,

    Obrigado pelas dicas e esclarecimentos. Desconfio que o Focus é seu...

    Piadista,

    Vc esta ótimo. Esta convidado para participar do próximo evento. Assim a gente se esborracha de rir.

    Assis,

    Obrigado pelas dicas e veja se vem.

    Luiz Borghman,

    O que é que vc está esperando?

    ResponderExcluir
  115. Agora só de raiva esse ano o AK vai testar um 20 esportivos em interlagos só pra esfregar o tempo na nossa cara hahahaha
    eu vou sim, vou dar 5 voltas e ferver hehe, preciso por um intercooler antes

    ResponderExcluir
  116. Piadista,

    Então tá confirmado. Vc vai e ajeito pra vc dar umas voltas ao meu lado pra me dizer onde é que estou errando.
    OK?
    Tô falando sério.
    Vou meter boas pastilhas de freio, fique sussa. Dessa vez não fico sem o danado.

    ResponderExcluir
  117. dar voltas ao seu lado? sendo cada um com seu carro, ok. vou deixar o meu em ordem, usar como experiência meu breve curso de pilotagem e toda aquele experiência do simulador (é jogo mermo), do kart e alguns conceitos básicos (baixei uma apostila de pilotagem, bem bacana), e vou pra voltar de guincho, não tenha dúvida, 2:32 vai ser o tempo, me avise no próximo hauuahuahuahuha

    ResponderExcluir
  118. Piadista,

    OK. Eu também, 2:32. O Escortão com os freios em ordem, dá, e sem forçar muito o motor. E pneus com 38 libras na frente e 32 atrás. E leve esse seu simulador. Na certa todos nós poderemos aprender muito com ele.

    ResponderExcluir
  119. Os Slicks que me refiro são os Pirelli PZERO, procurem no ML.

    AK vai rolar desconto para os leitores do AE ?

    Abçs!

    ResponderExcluir
  120. A propósito Escort e Escort SW preparados é dificil de ver, essa foto é uma sugestão aos proprietários http://img560.imageshack.us/img560/2207/fbfe056dc4ef4135898dce0.jpg
    (da cor do seu AK) Abçs!

    ResponderExcluir
  121. li o texto por completo,encontrei por acaso,procurando uma solução para meu carro,uma perua escort.chipei e ja desci o ponteiro em cima dos 220Km e não tenho inveja de certos 2.0 por ae nas marginais não.mas tenho um grande problema é na hora de parar, já vi meus discos vermelhos,estou tentando adaptar os da eco esport que é uma media de 35mm maior.

    ResponderExcluir
  122. Klebio
    Realmente, o efeito velocidade sobre os freios é enorme, mais até do que peso. Você faz bem em repotenciar os freios.

    ResponderExcluir
  123. O que muda se for usar disco e pinça da ecosport?

    Felipe Godeny

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.