NOTÍCIA: VOLKSWAGEN DIVULGA FOTO DO UP!



A Volkswagen divulgou nesta quinta-feira a foto do novo up! nacional, que será lançado no início de fevereiro. Ainda se desconhecem detalhes do compacto lançado há dois anos na Europa, mas se sabe que terá o mesmo motor 1-litro de três cilindros de 82 cv a 6.250 rpm com álcool que estreou no Fox BlueMotion 1,0 em junho do ano passado, e que recebeu algumas modificações na traseira, entre elas a porta de carga em aço em vez de toda de vidro como no modelo alemão.

AE

43 comentários :

  1. Respostas
    1. Gostei !
      Mas nao sei se caibo dentro...
      Jorjao

      Excluir
  2. Como os gostos são diferentes...

    Eu ainda acho o europeu mais bonito, mas não posso negar que gostei do carro.

    Faz o meu tipo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tiveram que mudar as proporções para adequar ao uso comum que nosso mercado deseja a este tipo de automóvel - por conta de renda e diferença de valores cobrados entre categorias, os compactos daqui terminam por servirem ao mesmo propósito dos hatches um pouco maiores; ou seja, teve que crescer em algumas seções e isto mudou a proporção original.

      Acho bonita a traseira do Up! europeu com a porta em vidro - sem discutir custo, peso e manutenção em pequenos acidentes.

      De toda forma o projeto para o nosso mercado parece merecer um Thumbs Up!
      Vamos aguardar mais alguns detalhes - e principalmente opiniões relativas aos teste de uso.

      Excluir
  3. Esse motor é uma joiazinha. E esse Up tem um tamanho interessante, acho que vai agradar bem.

    ResponderExcluir
  4. Com certeza fará sucesso...

    ResponderExcluir
  5. Gostei bastante do que vi até agora, espero ansiosamente pelo lançamento pra poder conhecer um e dar uma volta. Ainda prefiro o Gol, mas o espaço que esse carro vai ocupar no mercado é muito importante e com certeza vai ser uma boa opção na categoria de entrada. Todo o frisson em torno dele é mais do que justificável.

    ResponderExcluir
  6. Também gostei do design, não é um carro que chama atenção pela beleza, mas tem um desenho limpo e funcional. Gosto da boa área envidraçada. Num carro urbano o torna mais agradável na minha opinião. Aliás, detesto aqueles carros com janelinhas minúsculas para os passageiros, me deixam com uma sensação claustrofóbica quando sento atrás.
    Algumas pessoas citaram que o UP lembra o Twingo, algo talvez inevitável já que o pequeno da Renault foi o que trouxe o conceito de monovolume para os subcompactos, mas os desenhos dos dois carros têm traços bem distintos.
    Por outro lado, só tenho visto elogios ao motor EA211 nacionalizado que equipará o carro.
    Por tudo isso, minha expectativa é que seja realmente um carro com bom espaço interno para a categoria, ágil, econômico e aconchegante.
    Com certeza vou a uma concessionária conhecer o carro em loco, assim que estiver disponível.. Isso depois de ler a avaliação de AE, claro.

    ResponderExcluir
  7. Estilo diferente porém relativamente sóbrio, motor moderno e muito pequeno por fora, gostei!
    Se custar menos que o Gol, como a Quatro Rodas divulgou, com certeza absoluta será um sucesso de vendas. Não sei quais são os planos da VW, porém vejo esse carro como o ÚNICO do mercado que pode desbancar o Gol da sua quase vitalícia liderança de vendas do mercado nacional, até porque, por mais que não represente grande volume sobre as vendas totais, o Gol "G4" deve parar de ser fabricado. Tomara que não tenha nenhum defeito grave de projeto ou manufatura como o Etios ou problema de durabilidade como o Gol enfrentou com seus motores a alguns anos atrás.

    ResponderExcluir
  8. Acho que será uma bela opção de 1.0, só me preocupa o seguro, se seguir a linha do Gol, prepare-se.

    Concessionaria VW

    ResponderExcluir
  9. Alguém tem informações técnicas sobre a suspensão traseira? Estou curioso para saber se é independente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eixo de torção em H, como é o normal em um carro de pequeno porte da marca.

      Excluir
  10. Não gostei do alongamento. Adorei a área envidraçada... Esperando ansiosamente acabar essa moda de cintura alta e carros claustrofóbicos.

    ResponderExcluir
  11. Em qual planta será montado?

    ResponderExcluir
  12. O alongamento deixou ele estranho, parece um skate longboard com carroceria... perdeu o equilíbrio da versão européia, fora que gerou o infame "quebra-vento" falso nas portas traseiras.

    De resto é um carro com estilo atual que deverá agradar, especialmente, as mulheres.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leonardo
      A modificação nas janelas traseira certamente foi para os vidros passarem a ser de descer em vez da basculantes. Como idéia, aprovo.

      Excluir
    2. Sim, como ideia tá aprovado.

      Eu é que cismo com esse recurso... não me agrada em anda, mas entendo a aplicação dele.

      Excluir
    3. Além de as portas traseiras serem outras, ele está mais longo (pouca coisa a mais) e esse alongamento está disfarçado pela coluna B, que é mais larga que a do europeu. Esse alongamento fica menos perceptível tanto pelo fato de o comprimento da folha da porta traseira ser maior que o da área do arco do vidro como também pelo fato de os vidros do up! correrem praticamente por cima da canaleta, de maneira a ficarem mais rentes à carroceria.
      E, como outros aqui, aprovo a ideia de os vidros descerem em vez de serem basculantes. A VW deve estar bem consciente que brasileiro não quer carro de quatro portas cujos vidros laterais traseiros não entreguem aquilo que se espera deles. O vidro fixo nas portas traseiras é só mesmo para permitir janelas que desçam por inteiro (ou quase por inteiro).

      Excluir
    4. A coluna B larga, lembra a do Clio e que não foi aprovada pelos brasileiros.

      Quanto aos vidros traseiros laterais, seria melhor que fossem basculantes, pois nessa configuração, certamente serão manuais como na maioria dos carros populares.

      Excluir
  13. Sucesso com certeza! Carro parece excelente para sua proposta. Também ansioso para conhecê-lo.

    ResponderExcluir
  14. Embora descarte ter um 1.0, tenho muita curiosidade de ver o Up! nas lojas, mas também torço o nariz para as modificações de carroceria em relação ao europeu, especialmente na espichada que deram.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mr. Car
      Sou capaz de apostar que foi para aumentar capacidade do porta-malas, 250 litros no europeu, pouco.

      Excluir
    2. Aí é que está, Bob. A adaptação para nosso mercado, na intenção de fazer dele um carro para a família, desvirtua o projeto original, que é o de ser um carrinho urbano. Outra "mágica" que fizeram foi homologar para cinco passageiros, quando o projeto original é para quatro passageiros. Vai acontecer aquilo que já acontece na imensa maioria dos carros deste porte: três passageiros atrás, ficarão apertados e desconfortáveis. Em tempo, Bob, um off-topic: independente daquele blá, blá, blá de ter "plataforma antiga", recomendas um Chevrolet Agile LTZ 2014? Gostei bastante do face-lift, o carro é super completo (o único opcional é o câmbio automatizado, que nem sei se pediria), tem aquele interior do jeito que adoro (claro e forrações em veludo), e está em ótima promoção por R$ 38.000,00 contra os R$ 44.000,00 de tabela (sem a transmissão automatizada). E então, que tem ouvido falar dessa carro? Me parece que andou dando problemas. Será que foram resolvidos no modelo 2014? Tem alguma informação sobre isso? Agradeço qualquer dica.
      Abraço.

      Excluir
    3. Mr. Car não é a toa que uns e outros pegam no seu pé né! Agile? POOOOW CARA!

      Excluir
    4. Conheço alguns donos de Agile que elogiam bastante o carro.

      O problema dele, ao meu ver, é só a estética... a frente conversa em javanês com a traseira, que fala sumério com a seção central que só entende em belga e, no fim, ninguém se entende.
      Ele parece uma daqueles animais híbridos que o Steve Buscemi cria em "Pequenos Espiões 2."

      Excluir
    5. Para qualquer carro nessa faixa de preço que eu cogite, vai ter sempre quem pegue no meu pé. Se os "pegadores de pés" se dispuserem a bancar a diferença para um carro que certamente todos eles devem achar maravilhoso, como um Classe S, por exemplo... Caso contrário, que vão pegar no pé da vovózinha.

      Excluir
    6. Na boa... por esse preço você compra um New Fiesta! Carro bem resolvido, com um puuuta chão... Não tem como optar por um Agile... Corsa 2 travestido, mais feio que bater na mãe!
      E não... Não sou vendedor da Ford... Antes que um dono de Agile lance uma dessa.

      Excluir
    7. Mr. Car
      Agira que o Logan ganhou um face-lift e ficou bonito voce vai comprar um Agile??????????
      Ah tenha do!!!!!!
      Tire o escorpião do bolso Mr. Car....

      Excluir
    8. Leonardo, sou da turma que não compra carro para agradar aos olhos do vizinho. Se for bonito, ótimo, mas costumo privilegiar dois fatores, mais que design exterior: como me sinto dirigindo o carro, e como me sinto dentro dele. Sendo agradável de dirigir num sentido amplo (confortável, gostoso de "tocar", e com comportamento dinâmico bom o bastante para uma condução estilo "papai com a família dentro", ou seja, que nunca vai buscar os limites extremos do veículo, nunca vai abusar dele o suficiente para se colocar em apuros), e me sentindo aconchegado lá dentro, para mim, é mais importante. E nessa questão subjetiva do "aconchego", aquele interior do Agile, com um desenho diferente do quadro de instrumentos que acho bacana (além de ser mais completo que o de um Onix, por exemplo), e o acabamento clarinho e com forrações em veludo, do jeito que gosto, me agradou mais que o de qualquer outro concorrente.

      Excluir
    9. "costumo privilegiar dois fatores, mais que design exterior: como me sinto dirigindo o carro, e como me sinto dentro dele."

      Conheço a sensação... eu sinto o mesmo quando ocupo o volante do 207 hatch que temos aqui na CCS.
      Certos carros nos "abraçam" de uma forma que não tem como explicar... é como sentar no sofá de casa ou calçar aquele velho tênis de mais de 6 anos de uso.

      Excluir
    10. Anônimo 10/01/14 15:27 hs, o "New Fiesta" está fora de cogitação, mas outros carros, embora mais caros, estão sendo analisados. Pelo mesmíssimo preço do Agile, pegaria hoje um Nissan March 1.6 SV, mas no caso, prefiro esperar pelo face-lift que virá muito em breve.
      Anônimo 10/01/14 16:08 hs, o Novo Logan está descartado: além de estarem pedindo um "belo" ágio, não quero outro sedã.

      Excluir
    11. Achei bem feinho esse Up. Está mais para 'Down'.

      Excluir
    12. Vou comprar um Logan em SP. Aqui no RJ o ágio e o cartel são absurdos.

      Excluir
  15. Nos primórdios conceituais do que seria o Up! eu fiquei fascinado pela ideia: um carro compacto, com tampão traseiro em vidro, motor e tração traseiros e um desenho bastante agradável. E o principal: proposta de ser carro econômico e acessível.
    Quando descartaram o powertrain traseiro, perdi um bocado do interesse, mas continuava um hatch bem compacto, com tampão de vidro, desenho interessante e proposta popular.
    Quando vi o Up! nacional, esticado, sem tampão de vidro, com todos os elementos idênticos ao de um compacto nem-tão-compacto-assim nacional, a preço de mercado (o que não estou criticando, apenas digo que é mais do mesmo) e sem nenhum diferencial em relação aos demais compactos brasileiros (exceto por essas rodas, das quais gostei muito), senti completa indiferença pelo tal do Up!
    Como está agora, para mim tanto faz quanto tanto fez.

    ResponderExcluir
  16. Esses carrinhos tem rodado aos montes por SBC. Vejo-os quase todo dia.

    Se é bom, ruim, não sei. Mas é muito feio e "esquisito".

    Marco

    ResponderExcluir
  17. Acho que sou louco, mas coloquei meu Civic 2004 a venda para partir para um UP, fiquei fascinado com o carrinho no salão do automóvel do ano passado, como estou precisando de um carro econômico, o UP com o motor do Fox Bluemotion deve fazer um estrago com relação a economia, e quem está aqui escrevendo já jurou nunca ter um carro 1.0.

    Mas honestamente eu não gostei do 4 portas nacional, embora seja mico no mercado nacional, estou louco para ver a versão 2 portas, sobre o porta malas de vidro, provavelmente a VW foi forçada pelas seguradoras para optarem pela tampa de lata para melhorar o índice de reparabilidade, pois os planos da VW é que o carro tenha um valor de seguro inferior ao da linha Gol e Fox.

    ResponderExcluir
  18. Parece uma releitura (piorada, diga-se de passagem) do antigo MB Classe A...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ChAndré
      O estilos Volkswagen e Opel contemplam longa duração, sem envelhecer, ao contrário de certos desenhos rebuscados atuais. Um Corsa 1994, por exemplo, continua atual após 20 anos. O Mercedes classe A era outro conceito de carroceria.

      Excluir
  19. Parece um Twingo 4 portas!
    Mas preferia que tivesse vindo idem ao original, com vidros basculantes, tampa traseira de vidro e no comprimento certo. Mania que essas montadoras têm de mexer em tudo o que trazem para o Brasil. Nunca o país das bananas tem o direito de usufruir dos produtos como eles são lá fora. E com certeza vão eliminar essas interessantíssimas rodas em detrimento de rodas vagabundas de ferro preto com calotas plásticas imitando uma flor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu particularmente nada tenho contra as rodas de ferro pretas e até acho calotas totalmente dispensáveis, mesmo em carros médios como Focus, Cruze e etc.

      Mas se com o custo das rodas bacanas, ao invés disso fizessem outros acertos em acabamento e até segurança, como cintos retrateis, apoio de cabeça e uma forração ao menos razoável do porta-malas (não sei se nosso UP terá), por mim rodas de liga leve poderiam se opcional em (quase) todas as versões: Compra com rodas de liga quem quer.

      Mendes

      Excluir
    2. Creio que o estica-e-puxa no Up! tenha se dado para melhor acomodação dos passageiros e, também, para a adoção do banco interiço.

      Tampa traseira em vidro eu acho (opinião minha) que se deve a contenção de custos... imagina uma tampa dessas aqui na Bananarama pra trocar, a paulada que não ia ser. Fora que ia ser uma festa na floresta pra vagabundagem quebrar e roubar o carro (sim, soa meio fatalista, mas...)

      Excluir
  20. Ué...não tem praticamente grade dianteira. E a refrigeração?

    ResponderExcluir
  21. Carrinho feio esse. Parece um IDEA com emblema da Volks.
    Ele pode até ser econômico, mas é muito feio.
    Os projetistas das montadoras deveriam olhar mais para as décadas de 60, 70 e 80 antes de projetar novos carros e tentar melhorar esse design caixa de fósforo que vemos hoje em dia. Já repararam quantos carros de diferentes fabricantes se parecem demais com seus concorrentes?

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.