NOTÍCIA: EUA PREVÊEM DOMÍNIO DE VEÍCULOS A GASOLINA ATÉ 2040

O Departamento de Energia dos Estados Unidos prevê que veículos a gasolina continuarão a dominar o mercado até 2040, disse a Agência de Informação de Energia numa declaração no final de dezembro, que prevê também grande redução de consumo nos carros e picapes/utilitários esporte no país. Mais, o consumo cairá de 9,1 km/l em 2012 para 15,8 km/l em 2040. O consumo total de energia pelo setor de transportes do país devera cair cerca de 4%.

A agência prevê que em 2040 78% de todos os carros e picapes/utilitários esporte consumirão gasolina, ante 82% em 2012. Ela projeta grande crescimento, de 42%, de todos os veículos, em híbridos parciais e outras tecnologias de combustíveis alternativos, e que os totalmente híbridos serão 5% dos veículos em 2040, contra 3% atualmente. Veículos a diesel dobrarão dos atuais 2% para 4%. Prevê também que apenas 1% das vendas totais será de híbridos de baterias recarregáveis da tomada e outro tanto de carros elétricos.

Em 2012, o governo Obama estabeleceu objetivo de reduzir à metade o consumo dos carros e picapes/utilitários esporte em 2025, para 23,1 km/l, apesar do dirigir no mundo real e levando em consideração os créditos ele venha a ser de 17 km/l. A Agência de Proteção Ambiental disse em dezembro que o consumo de carros e picapes/utilitários esporte do país ano-modelo 2012 atingiram recorde de 10 km/l em média e caminha para 10,2 km/l no ano-modelo 2013.

O consumo total caiu 0,51 km/l sobre o ano-modelo anterior — a segunda maior redução nos últimos 30 anos — é parcialmente devido aos veículos estarem mais econômicos e também devido aos preços mais altos dos combustíveis terem levado os consumidores a sair das picapes e utilitários esporte. O resultado representou redução do consumo total em cerca de 5%. O consumo caiu 22% desde o ano-modelo 2004.

A Agência de Informação de Energia prevê agora aumento de 30% na quilometragem anual percorrida por veículo em 2040, tomando por base 2012, menos que os 41% de aumento que havia previsto ano passado para o mesmo período.

A agência prevê também que quando ajustado para a inflação, o preço da gasolina subirá para US$ 1,03 o litro, menos que uma previsão anterior de US$ 1,16/L. Com o diesel, mesma coisa, deverá chegar a US$ 1,25/L, quando antes a previsão era de US$ 1,33 o litro. (US Energy Information Agency)

9 comentários :

  1. US$1,03/L ou R$2,45/L por gasolina purissima e de altissima qualidade?????

    Enquanto issso pagamos R$2,95 por um arremedo chamado gasolina com 25% de álcool. E tem gente achando que o preco da gasolina no Brasil está defasado em relação ao resto do mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rafael Ribeiro06/01/14 16:41

      R$2,95 na sua região, eu que estou a menos de 50km da Petrobrás, aqui no RJ, pago entre R$3,00 (postos sem bandeira, pausa para sinal da cruz) e R$3,29...

      Excluir
    2. Rafael Ribeiro06/01/14 16:45

      Que vamos usar gasolina por volta de 2040 eu não tenho muitas dúvidas. A questão é se os carros conseguirão circular nas ruas caso os governos continuem a "asfixiar" o uso do automóvel de várias formas, como restrição de horários, redução de faixas, pedágios urbanos, multas e impostos crescentes, e por aí vai...

      Excluir
    3. a questão é quando teremos gasolina ( e de boa qualidade ) suficiente para atender o mercado interno permitindo ainda a redução para saudáveis 10% de etanol anidro ( E10 ) e ainda o Etanol Hidratado conter 15% da mesma gasolina sendo E85, sendo ainda este mesmo Etanol Hidratado no máximo a 1% de água, quando, quando ???

      Excluir
  2. E está mesmo defasado. Basta comparar com os vários preços praticados na Europa.

    Não há como comparar com preços norte-americanos, tanto pela nossa estrutura tributária como pelo fato dos USA terem um dos custos de energia mais baixos do mundo.

    E outra, conheço americanos reclamando de gasolina batizada. Parece que aprendera conosco (aprendera conosco a fazer a indústria da multa também, infelizmente).

    E ainda temos que lembrar que nossa gasolina, antes dos impostos, continua sendo mais barata que a norte-americana (também antes dos impostos).

    Acho engraçado esse hábito brasileiro de falar mal da nossa gasolina. Já rodei 210000km com ela no meu carro comprado 0km em maio de 1998 e até hoje nunca precisei fazer limpeza de válvulas injetoras. Pois é, deve ser mesmo muito ruim nossa gasolina, que coisa! Só esqueceram de contar para o meu carro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oliveirajc06/01/14 14:59

      É que vc nunca pegou uma gasolina batizada ou suja. Eu também sempre tive sorte e algum cuidado com a gasolina, mas sem paranóia. Já tive Toyota, e eles sentem mais nossa gasolina, depois de relativa quilometragem o motor já não fica paradinho, é só limpar as válvulas injetoras que se percorre mais uns 80 mil normal.

      É informação da própria Petrobrás com base num teste, que a S-50 mantém válvulas e injetores limpos como se usando álcool; e que a gasolina 800 ppm, mesmo aditivada, os deixa mais sujo que com a 50 ppm sem aditivo.

      Excluir
  3. Ótimo: que o carro elétrico fique para as gerações futuras, quando, aperfeiçoado, puder ter uma enorme autonomia, e "reabastecimento" tão rápido quanto os movidos por gasolina e/ou álcool. É assim que gosto deles. Do cheiro da gasolina e do barulho do motor, inclusive.

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca acreditei no carro elétrico como a melhor opção para os veículos automotores. É claro que toda tecnologia é bem-vinda e o carro elétrico terá o seu espaço.

    Mas quando chegar o ano de 2040, eu acredito que outras tecnologias e outros tipos de combustíveis poderão surgir e aí, então, assumir o lugar da gasolina.

    ResponderExcluir
  5. O carro elétrico só irá substituir o carro a gasolina quando se conseguir abastecê-los em tempo real, enquanto eles andam na rua. Com baterias não vão a lugar nenhum.

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.