SAAB CX E EX

CX à frente com o irmão EX ao fundo

Há alguns anos, o norueguês de Oslo, Per Ekstrom, criou dois carros interessantes. No primeiro, ele partiu de um Saab 99 e adicionou elementos do mais moderno 900, porém diminuindo o entreeixos, bem como a altura das colunas, fazendo os vidros mais baixos, além de outras alterações interessantes. 

Atormentado pelas maiores dimensões do 900 em relação ao seu antecessor, tanto no entreeixos quanto nos balanços dianteiro e traseiro que o tornou um pouco desproporcional em relação ao 99, Ekstrom radicalizou na sua criação, e fez um mini Saab para ele mesmo, algo que muitos entusiastas da marca acreditavam ser uma saída para a empresa. 

Como nunca houve um modelo verdadeiramente barato dessa empresa sueca, uma das soluções para aumentar as vendas seria algo desse tipo. Na verdade, chegou-se por diversas vezes a divulgar para os meios de comunicação que a Saab planejava alguns carros menores ao longo de seus anos de crises financeiras – quase todos os de sua existência, para dizer uma triste verdade. Vários conceitos foram até mesmo apresentados em exposições internacionais, mas nenhum nunca saiu da fábrica como carro normal de produção.

O carro de Ekstrom foi batizado de CX, construído a partir de um 99  fabricado em  1975, e não ficou com característica de carro customizado em casa, aparentando mais ser um projeto da própria Saab, principalmente por usar apenas componentes da marca. Uma personalização extensa, em outras palavras. É fácil verificar o pára-brisa típico do 99 e do 900, bastante curvo e pouco inclinado, porém diminuído em sua altura.

Por ser bastante curto, tem apenas dois lugares. O motor é o 2-litros do 900, com quatro válvulas por cilindro, turbocompressor e trocador de calor ar-ar,  com modificações internas para elevar a potência para pouco mais de 200 cv. As informações são poucas, mesmo na Suécia, onde pedimos para nosso amigo e colaborador Hans Jartoft pesquisar mais algo, mas não foi fácil mesmo assim. Nem mesmo fotos de boa qualidade ou em quantidade suficiente para escolhermos as melhores estão disponíveis.






Depois de algum tempo, um modelo 900 da era GM, o carro baseado no Opel Vectra, foi alvo da fúria criativa de Per Ekstrom. Ele batizou a nova obra de EX, e ganhou alguns prêmios com ele, o mais cobiçado foi o Escolha do Público (People’s Choice) no encontro de Jubileu da Saab (Saab Jubilee Festival), ocorrido em 2007 na sede da fábrica, em Trollhatan.

Esse carro é maior, mas também tem teto e vidros mais baixos, e usa apenas peças da Saab, tanto de quando a empresa era independente quanto da fase em que foi propriedade da General Motors. Seu pára-brisa é um ponto de referência sobre a origem, sendo mais inclinado e com superfície bem menos curva que a dos clássicos 99 e 900.

O ex-estilista-chefe da Saab, Bjorn Enwall, que ocupou o cargo por vinte e três anos, de 1969 a 1992, disse que o carro lhe parecia ser um tributo de Ekstrom aos estilistas da Saab, e que ficara agradavelmente feliz de ver como tinham sido interligados visualmente os diversos elementos tradicionais da marca com as suas criações, como os vidros mais baixos, por exemplo. Apesar de bastante diferentes dos carros de origem, são inconfundivelmente Saabs.

Nesse carro com quatro lugares, a procedência dos componentes denota a incrível capacidade de observação e projeto de Ekstrom, com algumas peças ou conjuntos usados que são os seguintes. Do Saab 9000 veio o assoalho principal, motor, amortecedores, bancos, rodas, espelhos e painel de instrumentos. Do 900 clássico, pré-GM, partes de assoalho. Do 900 moderno de influência GM, peças de acabamento  interno.  Do 9-3, o 900 moderno quando mudou de nome, grade do radiador, piscas dianteiros e lanternas traseiras.

Interessante notar que nesses tempos de internet onde é fácil obter informações fartas, trabalhos como os desse tipo ainda não são simples de serem pesquisados, e nem mesmo o ano correto das criações de Ekstrom conseguimos desvendar, com as melhores informações situando os modelos entre 1994 e 2000.

Talvez algum leitor com habilidades na língua norueguesa seja capaz de encontrar mais alguma coisa sobre essas curiosas criações.












JJ

Fotos: saabhistory.com, Flickr (cabsaab900)





7 comentários :

  1. Eu sou suspeito pra comentar porque sou fã de carros suecos, e em especial os Saabs.
    Mas esses modelos ficaram muito legais, lindos eu diria. Mas a grande pergunta é: será que em nome do estilo, a tão famosa segurança e resistência sueca empregada nos carros que deram origem a esses modelos não foram sacrificadas?

    ResponderExcluir
  2. Desconhecia os modelos... mas esse EX, QUE COISA LINDA!!!

    ResponderExcluir
  3. Dificilmente estes exemplos de personalização seriam capazes de replicar as caracteristicas de segurança e robustez de um Saab original de linha

    Veja que ,ao par de toda a engenharia de projeto e de métodos e sistemas construtivos empenhada na fabricação industrial de um modelo de fábrica,ele deverá ,necessariamente,encarar uma longa (e cara) série de testes e ensaios (destrutivos ou não),para validar todo o conjunto de características desejada e exigidas para ir a mercado- é a transição do 'protótipo' para 'modelo de produção'- coisa geralmente fora do escopo e dos recursos de um personalizador

    E,diga-se de passagem,Senhor personalizador!

    ResponderExcluir
  4. Esse EX é simplesmente sensacional. Um verdadeiro artista esse norueguês.

    _____
    42

    ResponderExcluir
  5. Per Ekstrom. Taí um sujeito que SAAB usar a cabeça.

    ResponderExcluir
  6. Vocês vão me desculpar. A Saab desenvolvia muita tecnologia e tal... Mas esse design não me agradou.

    ResponderExcluir
  7. JJ,

    Sensacionalíssimo este post, não conhecia nada disso.

    Gostei principalmente do CX, um 900 de dois lugares!

    Abraço
    MAO

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.