CARROS DIFERENTES EM MONTEREY


Todos os anos em Laguna Seca (Califórnia) é realizado um dos maiores eventos de carros antigos de corrida do mundo, juntamente com Goodwood na Inglaterra. Ano passado acompanhamos o evento de perto, é sensacional e faz qualquer entusiasta passar por um exame cardíaco instantâneo.

Este ano, alguns carros chamaram a atenção por não serem tão comuns nestes eventos, ou mesmo por serem projetos diferentes, ou apenas porque gostamos deles. O primeiro grupo, que é a homenagem anual, foi para o piloto/projetista/dono de equipe americano Dan Gurney, que vemos na primeira foto deste texto.



Este Ferrari 365 GTB/4, conhecido como Daytona, participou do famoso rali Cannonball e marcou o primeiro recorde, nas mãos de Gurney.

 Um Plymouth Fury de corrida não é exatamente o que chamamos de um carro leve, ágil e compacto, mas teve grandes resultados na Nascar no passado.

Uma cena rara até mesmo neste tipo de evento, diversos Shelby Cobras reunidos para a foto.

Um Datsun 510 BRE da TransAm acelera forte com seu pequeno quatro-cilindros de 1,8 litro.

A DeTomaso é conhecida pelo famoso Pantera, que teve uma boa produção, com alguns exemplares aqui no Brasil, mas este é um raro Mangusta de corrida.

"Add lightness" era o lema de Colin Chapman, e este Europa é um excelente exemplo. Pesa apenas 660 kg. Sua estrutura de aço mesclada com a fibra de vidro colada forma o monobloco.

Este é um IndyCar de 1981, carro também relacionado a Dan Gurney. Reparem no formato da carroceria, um delta, com os radiadores bem para trás, como era o Brabham BT52 de Nelson Piquet.

"What a hell is that?!" deve ter sido muito dito lá no evento. É um Mustang da IMSA americana de 1976.

Um pequeno Ginetta G12 1965.

Este Fiberfab Stingray de 1965 não é o famoso Stingray Racer de 1959, mas um protótipo feito pela empresa Fiberfab como base de desenvolvimento de novos produtos, mas nunca chegou a ser fabricado em escala.

O estranho Ol' Yeller MKII Buick Special de 1959 é um belo representante dos tempos em que homens eram homens e construíam seus carros sem medo do desconhecido, com um motor nas mãos (um Buick V-8 no caso) e muita vontade e criatividade.

Um representante dos motores Wankel, Mazda RX-7.

Não é muito diferente, mas é lindo e histórico, o Ferrari 321PB. Este mesmo carro passou pelas talentosas mãos de Jacky Ickx, Mario Andretti e Clay Regazzoni.

O estranho VW-Porsche 914/6, que nesse de VW não tem nada. Pode-se dizer que é um dos antepassados do Boxster e Cayman.

Talvez a história por trás dos carros seja tão fascinante fato de estarem associados à conquistas, derrotas, muita dedicação e relacionamento homem-máquina para atingir um objetivo, muitas vezes apenas lembrados por quem estava lá, ou então lembrados por todos como um marco histórico. Mas não importa quantos lembrem, o que importa é que estão sendo preservados, e da maneira correta. Na pista, acelerando.

MB

Fotos: Supercars

Atualizado 09:30 24/08/2010 - Foto do Daytona azul.

13 comentários :

  1. Lindo o Mangusta. A cor só ajuda.

    Gustavo

    ResponderExcluir
  2. Milton,

    reparou a Daytona na primeira foto? Cannonball!
    [ ]´s
    Bill Egan

    ResponderExcluir
  3. E pensar que tem um Lotus Europa destes em Sao Paulo......a verdade é que "Deus dà o chapéu prà quem nao tem cabeça". Nao corre, nao aparece em lugar algum, està na mao de alguem que certamente nao entende merda nenhuma de carro.
    Que pena!!!

    Joaquim Fonseca

    ResponderExcluir
  4. João Gabriel Porto Bernardes24/08/10 09:33

    É...

    O Plymouth Fury pode não ser o mais répido ou aerodinâmico,mas que é o mais fatal,isso é sem margem de dúvidas kkkkkkk

    Abraços!

    ResponderExcluir
  5. Bill, reparei sim, agora tem uma foto do carro que não consegui antes.

    abs,

    ResponderExcluir
  6. Pode não parecer, mas o Datsun 510 andava uma barbaridade e era praticamente imbatível nas provas da SCCA americana. Assisti uma corrida dessas em Elkhart Lake em1978 na qual esses Datsuns (preparadíssimos, é claro) deram o maior cacete em todas as Alfas e BMWs na pista.

    ResponderExcluir
  7. Muito legal a matéria!!!

    ...algo se assemelha com nossa "mil milhas " em interlagos...

    Mas, com este "arquivo ao ar livre" de belas máquinas e histórias fascinantes...!!!

    Abraço á todos!!!

    ResponderExcluir
  8. Sou fã deste Vw/Porsche, mesmo ele sendo considerado o "patinho feio" da marca.

    Pena que não temos eventos deste tipo no Brasil.

    Fazer o quê né?

    AB

    ResponderExcluir
  9. Gosto demais de materias que relatam os bastidores e eventos que fogem aos nossos olhos, ofuscados pelas estrelas. O Plymouth Fury de corridas de "StockCar" de antigamente, me lembra as reportagens que via nas AE dos anos 60, sobre Daytona e similares. E os vídeos que passanvam em P/B num programa de automobilismo na TV e se não me engano era apresentado pelo Fernando Calmon.
    Os Shelby Cobras parados juntos, tipo park fechado, remete tb aos anos 60 e por aí vai...parabéns! Inveja da boa pra quem viu de perto...abs

    ResponderExcluir
  10. Milton,

    Que maravilha de post! Obrigado!

    O Mangusta sinistrão!!!

    E o mergulho do Buick 59, que foto heim!!!

    Olha a carinha do Datsun, Paulo Levi já comentou e quem sou eu pra falar, ele assistiu este carro correr no ano em que nasci, agora eu sei o porquê, de uma forma ou de outra eu ter lembrado do Doginho, que foi o primeiro carro que eu entrei na vida...
    Mas aí pensei, este carro não parece com o Doginho, qual carro seria? Passou o Chevette na minha cabeça... aí cheguei... é um Laika!!! hehehe

    Desculpem as associações, minha cabeça funciona assim... hahaha

    Abs

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. digo, desculpem-me pelas associações...

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.