O AVÔ E O PRIMO DO PANAMERA


O Panamera é o assunto do momento quando falamos de Porsche. É o primeiro quatro portas não-SUV da marca a entrar em produção, com apelo de desempenho de um 911 para a família.

Mas na verdade, não foi o primeiro Porsche quatro portas. Quer dizer, não no mundo dos carros customizados. Em 1967, o revendedor da marca no Texas chamado William Dick, contratou a empresa Troutman & Barnes (TB) para construir um 911 quatro portas. A TB era famosa na época pela região por desenvolverem carros de corrida de qualidade.
O carro foi para as mãos de Bill Harrah, grande nome no ramo dos hotéis e cassinos dos Estados Unidos, e um dos maiores colecionadores de carros do país, hoje com coleções expostas em diversos museus.

Se a Porsche quis abalar o mercado com essa novidade entrando em linha, chegaram tarde, pois já pensaram no que seria um Panamera quarenta anos antes. E, diga-se de passagem ao meu gosto, mais harmonioso. E não vamos esquecer que nos anos 80 a própria Porsche fez o conceito 989, que era um 911 esticado com mais duas portas, exatamente como foi o carro de Harrah de 1967.

Porsche 989 Concept - 1988

É, mais uma vez, as novidades não são tão novas assim.

10 comentários :

  1. Junior - Big04/10/09 14:09

    Ambos, na minha opinião mais bonitos que o Panamera!

    ResponderExcluir
  2. O 989 eu já conhecia, realmente muito melhor que o Panamera.
    Aliás, seria muito mais interessante se o próprio fosse um 911 esticado.

    ResponderExcluir
  3. Sem dúvida a Porsche podia ter feito um 911 esticado mesmo, mantendo inclusive o motor traseiro. (Sem dúvida que eles dariam um jeito para acomodar as malas. O Lotus Evora leva 4 pessoas (tudo bem, as de trás, obviamente, vão mais apertadas do que as da frente) e tem motor central (ainda mais difícil para arranjar espaço pro porta-malas, eu acho)
    Definitivamente, um 911 para levar a família inteira.

    ResponderExcluir
  4. Acredito que a Porsche não quis fazer um "simples 911" esticado, isso seria fácil demais, e já havia sido feito antes e não atigiu o público como ela queria.
    Ela fez algo novo dentro dos padrões da marca, mesmo que isso desagradasse os puristas, ao oferecer um esportivo 2+2 grande e co motor frontal.
    Em tempo, eu sou um apaixonado por Porsche, só não sou radical.

    ResponderExcluir
  5. Marcelo Augusto05/10/09 01:55

    O Panamera é o 911 "racional" que a marca já deveria ter feito a muito tempo. Tenho convicção que um imaginário "entusiasta" endinheirado - que tem um Porsche na garagem - quando vai viajar com a família faz uso de um carro nada esporte porta falta de espaço. Agora que surgiu um carro da marca para aliar os dois mundos, os "puristas" começam com todo esse papo-furado. Ainda acho que deveria ter lugar para 5 ocupantes, "nossa que pecado" dirão os mesoneistas.

    ResponderExcluir
  6. A Porsche tinha um outro objetivo com o Panamera, que era bater o Maserati Quattroporte, como sedan esportivo, tanto em performance como em design. E, em design, atingir esse objetivo vai ficar para a próxima geração. Como eles são persistentes e trabalhadores, é possível que consigam.
    Não acho o Panamera realmente feio, talvez tenha frustrado muitas expectativas, inclusive as minhas. Visto de alguns ângulos, é bonito, mas no todo ficou devendo.

    CZ

    ResponderExcluir
  7. A Porsche tinha um outro objetivo com o Panamera, que era bater o Maserati Quattroporte, como sedan esportivo, tanto em performance como em design. E, em design, atingir esse objetivo vai ficar para a próxima geração. Como eles são persistentes e trabalhadores, é possível que consigam.
    Não acho o Panamera realmente feio, talvez tenha frustrado muitas expectativas, inclusive as minhas. Visto de alguns ângulos, é bonito, mas no todo ficou devendo.

    CZ

    ResponderExcluir
  8. É uma missão difícil ser mais atraente que o Quattroporte.

    A traseira do Panamera não é uma parte apreciável. Gosto muito dessa parte do Cayman.


    http://meuamigodelata.blogspot.com/2009/09/os-hereges.html
    http://meuamigodelata.blogspot.com/2009/09/belos-e-belas-maserati-quattroporte.html

    ResponderExcluir
  9. Realmente, o 989 concept era muito mais harmonioso do que o Panamera. Mas, interessante, a parte que mais gostei do Panamera foi justamente a traseira, a região mais criticada pela maioria.

    Bem se vê que sou alguém de gosto bem estranho em termos de desenho de carrocerias... rsss!

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.