CATERHAM VERDE


A notícia não é nova, mas gostei tanto dela quando a li recentemente no Tech Talk do JLV, que achei que valia a pena falar sobre ela aqui.


No Shell Eco-Marathon deste ano (uma competição de economia de combustível), em meio a aquelas naves espaciais com rodinhas de bicicleta, motor de cinco centímetros cúbicos de deslocamento e dirigidos por garotos de 10 anos de idade, e capazes de fazer, sei lá, um zilhão de km por litro, mas com nenhuma relevância no mundo real, algo inusitado apareceu. Um carro de rua levemente modificado.

E não só um carro, um Caterham Seven, aquele símbolo sagrado do credo entusiasta de desempenho acima de tudo, aquela ferramenta de subversão da ordem que humilha Lamborghinis e Porsches em pistas mundo afora. O que um carro esporte visceral como o Seven faria num lugar destes?

O fato de que o Seven atinge seu desempenho fantástico por meio de peso baixo obviamente faz esse exercício ter todo o sentido. Pensa-se de cara que apenas alongando a transmissão e cuidando melhor da aerodinâmica, o resultado realmente só pode ser ótimo.

O carro que a Caterham criou em parceria com a “Energy Efficient Motorsports” e a Axom Automotive (especialista em fibra de carbono), chamada de 2R, certamente cuidou da aerodinâmica, como se pode ver na foto, mas também fez algo lógico: diminuiu os pneus, usando unidades especiais de baixa resistência ao rolamento. Mas o alongamento da transmissão, pasmem, não ocorreu. Na verdade, segundo a empresa, o carro só recebeu de modificação o que se pode ver, ficando a mecânica (inclusive o motor K-series de 120 cv) totalmente inalterada!

A intenção era atingir 100 milhas por galão (42,5 km/l) mas acabou por chegar na incrível marca de 131 milhas por galão, ou nada menos que 55,688 km/l!!!

E melhor: se a mecânica é inalterada, ela deve ainda, se dirigida com fúria, fazer o 0-100 km/h em menos de seis segundos. E com a aerodinâmica melhorada, talvez até tenha uma velocidade máxima maior que o carro original. Na verdade, talvez até a aceleração tenha melhorado, graças à evidente redução de massa...

Este é meu tipo de carro ecológico!

MAO

9 comentários :

  1. The greener car... EVER!

    Incrível como dá pra unir a preocupação com o meio-ambiante com entusiasmo.

    Há um tempo atrás li no site da Car & Driver que a próxima geração do Ausi S4 e S5 terá redução de massa mais de 300kg!!

    ResponderExcluir
  2. Ainda haverá a idade das coisas leves! Show... esse é um caminho.

    ResponderExcluir
  3. Arnaldo Keller21/10/09 09:41

    Tivessem eles colocado nesse Seven uma carroceria de Eleven e creio que teriam melhor resultado. Você sabe, o Eleven ganhou o Índice de Performance em Le Mans e tá na cara que é mais aerodinâmico que esse aí da foto.
    E esse aí não faria o 0 a 100 em menos de 6 seg. porque não tem pneu traseiro largo o bastante pra tracionar.
    Mas foi um feito fantástico esse da Catherham e valeu mostrar isso. Carro leve e aerodinâmico e pneus de baixo atrito: usando a cachola dá pra andar forte e gastando pouca gasosa.

    ResponderExcluir
  4. "Este é o meu tipo de carro ecológico":
    Meu também.
    Interessante notar que as soluções mais óbvias e simples são as mais eficazes.

    ResponderExcluir
  5. este carrinho é demais ! ja tive a oportunidade de ver um de perto..na chamonix cars

    ResponderExcluir
  6. Se eles tivesses adotado um câmbio com velocidade máxima na penúltima marcha e a última como overdrive, daria tanto para andar em rotações baixinhas quando se quisesse um pouco de tranqüilidade como para dar lição na turma dos turbos, suspensão de molas cortadas e caixa selada na mala...

    ResponderExcluir
  7. Salve os carros ecologicos! hehe

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.