APOSENTADORIA


Neste fim de semana, Gil de Ferran despediu-se da vida de piloto e correu pela última vez na sua carreira. Atual chefe e piloto de equipe da American Le Mans Series na categoria LMP1 com um Acura ARX-02a, Gil mostra que ainda está em alta.


Em homenagem ao seu primeiro empregador norte-americano, o famoso Jim Hall, Gil correu com o carro todo branco, que era a cor dos brilhantes Chaparral de Jim nos anos 60.


Gil fez seu nome na América pela Indycar nos anos 90, junto com outros brasileiros como André Ribeiro, Raul Boesel, Emerson Fittipaldi, Helinho Castroneves e Roberto 'Pupo' Moreno. Foi campeão da categoria em 2000 e 2001, e venceu a 500 Milhas de Indianápolis em 2003.

Na corrida deste fim de semana em Laguna Seca, Gil começou com o pé direito, conquistando a pole na qualificação, e terminou na melhor forma possível, vencendo a corrida de forma brilhante. Nada melhor poderia acontecer para ele, depois de tantos anos dedicados ao automobilismo.


Parabéns ao Gil, e obrigado por muitas vitórias para nós ao longo de todos esses anos.

12 comentários :

  1. Belli,
    o Gil é mesmo um cara de qualidades excepcionais no ramo em que trabalha. Sua simplicidade como pessoa lhe foi em muito passada por seu pai, Luc de Ferran, um engenheiro-chefe que não se importava em ir na mesa do engenheiro para fazer perguntas sobre o trabalho, nem em parafusar as placas azuis de fabricante em um carro de avaliação.
    Que tenham sempre muito boa sorte, são trabalhadores de verdade, sem frescuras.

    ResponderExcluir
  2. Gil de Ferran é uma excessão entre os pilotos. Enquanto os outros são pilotos habilidosos, Gil tem todo conhecimento técnico para falar com os engenheiros que cuidam do carro.
    Este sempre foi um diferencial muito elogiado por onde quer que tenha passado.

    Piloto sempre conceituadíssimo, não teve sorte ao tentar a já tradicional F1.
    Quando teve sua oportunidade de testes na Willians, sofreu um acidente com a porta de um caminhão que lhe atingiu a testa. Foi para o hospital sem ter a chance sequer de sentar no carro.

    A vida fechou uma porta, mas abriu uma janela para um cenário maravilhoso.

    Gil, obrigado por tudo. E sorte nos novos empreendimentos.

    ResponderExcluir
  3. Mister Fórmula Finesse14/10/09 09:10

    Ele andou sim de Willians em 93, e foi 0,5 segundos mais rápido que Prost quando a pistou melhorou um pouco, mas depois se machucou na porta do caminhão como o descrito, uma pena...

    ResponderExcluir
  4. Além do desempenho espetacular nas pistas, o Gil de Ferran deu sua contribuição ao automobilismo interno Brasileiro ao comprar e bancar, através do Engenheiro Eduardo Bassani, o campeonato de F Renault de Sérgio Jimenez, na estréia da categoria no Brasil.

    Mesmo com toda a restrição de custos( nem pensar em bater o carro...) , Jimenez faturou o título pela Bassani Racing e com isso, faturou o Prêmio, que era uma temporada na F Renault Italiana, ou prêmio em dinheiro.

    Jimenez e Gil optaram pelo dinheiro e escolheram a Inglaterra, onde Gil escolheu a equipe e parece que bancou a diferença.

    Jimenez andou mais rápido que seu companheiro de equipe nos treinos da pré temporada , mas na misteriosa Inglaterra o desempenho do carro sumiu nas provas do campeonato,enquanto seu companheiro faturava tudo. Sucede que o tal companheiro de equipe era pupilo do Ron Dennis: Hamilton em pessoa, guiando na UK em uma equipe da UK.

    Gil e seu pai são muito importantes na história do automóvel no Brasil e eu os tenho no mais alto respeito em profissionalismo e caráter.

    ResponderExcluir
  5. As pistas perdem um gentleman extremamente rápido e é mais um ás para entrar no album de fotografias da história do automobilismo......

    ResponderExcluir
  6. Como já foi dito aqui, alem de um excelente piloto, o Gil tem muito conhecimento técnico e ajudou muito as equipes por que passou.
    A exemplo de seu pai Luc, que teve um papel importantíssimo no desenvolvimento do Projeto "M" da Willys, que se transformou no vencedor Ford Corcel, Gil é dos poucos pilotos com conhecimento de mecanica e macetes do automobilismo.
    Infelizmente teve pouco reconhecimento por parte dos "brazucas", como já é de costume por essas bandas.
    Romeu

    ResponderExcluir
  7. teste 4, por favor avisem ao receber. PK

    ResponderExcluir
  8. teste 5

    Favor responder ao receber. PK

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.