JAMANTA COMANDO ELETRÔNICO

Uma das atrações do encontro de antigos de Águas de Lindoia é a enorme feira de peças, antiguidades, livros, revistas e tudo que se pode imaginar relacionado ao mundo do automóvel. Inclusive brinquedos antigos. Uma visita à feira é um programa à parte e algo imperdível para todos os entusiastas.
No último encontro, em abril desse ano (estou devendo muitas fotos), eu, o MAO e o JJ descobrimos coisas interessantíssimas. O MAO nos contou a rica história da moto FN que achamos nessa feira.
Como muitos gostaram de relembrar o Super Trunfo, acho que vale a pena lembrar de outro brinquedo que com certeza também contribuiu para a solidificação do autoentusiasmo em muitos de nós. A jamanta comando eletrônico, ou simplesmente jamanta eletrônica, como eu a chamava. Encontramos duas, uma novinha e na caixa original e uma usada. Além da jamanta em si, os quatro carrinhos que vinham com ela, um Maverick, um Passat um Puma e um Chevette, eram muito legais e ampliavam muito as brincadeiras. O "Puminha" era legal de "ter", e o Chevette branquinho nos parece um Envemo - que o MAO sonha em ter.
Eu gostaria de ter guardado a minha!



PK

37 comentários :

  1. Rodolfo Milet15/05/10 11:13

    Tinha um outro , que era tipo uma fábrica, que voce montava o carrinho de qualquer jeito e de várias cores, alguém sabe o nome desse brinquedo?

    ResponderExcluir
  2. Rodolfo Milet15/05/10 11:23

    Acabei de achar, uma raridade isso, era da ATMA: http://brinquedoantigo.blogspot.com/2009/04/fabrica-de-automoveis-da-atma-anos-70.html

    Voltei no tempo! :)

    ResponderExcluir
  3. Rodolfo,

    Esse era bem legal também. Mas eu nunca tive. Outros da época eram a Betoneira e Basculante, como os mesmos comsndos da Jamanta.

    Abraço

    PK

    ResponderExcluir
  4. "A Estrela é nossa companheira, nossa brincadeira, nossa diversão/
    A Estrela entende a gente, traz sempre pra gente uma nova invenção/
    Todo segredo de um brinquedo vive na nossa emoção/
    Toda criança tem uma "estrela" dentro do coração/..."
    Não sei se se lembram, mas este é o começo de um primoroso jingle de 2 minutos para um comercial da "Estrela" por ocasião do Dia das Crianças, em 1987.
    Eu já era adulto nesta época, mas minha memória afetiva não me deixava esquecer o quanto aquela marca e seus produtos haviam sido parte dos meus anos de infância, com este "Jamanta", com o "Autorama", e tantos outros. A publicidade havia se tornado outra de minhas paixões, e a forma com que o citado comercial conseguiu definir a mágica relação criança/brinquedo, o fez um de meus preferidos de todos os tempos. Nunca o esqueci, e até hoje, 24 anos depois, me pegava cantando o jingle inteiro, mesmo antes de o descobrir no meu atual (além dos carros) "brinquedo" preferido, o "Youtube". Para quem quiser conferir ou relembrar, digite "Brinquedos Estrela (Jingle)" na barra de procura do "Youtube". Há também dois filmes com imagens originais do comercial, mas estão incompletos, e um deles, com péssimo som.
    Mr. Car

    ResponderExcluir
  5. Francisco Neto15/05/10 12:16

    Meu tio tinha um desses!

    Que nostalgia... :D

    ResponderExcluir
  6. Eu cresci. Fato. Na foto do Jamanta em meio à outros brinquedos, vejo o quanto é pequeno, mas pra mim era gigante... carrega com duas mãos e um certa técnica...

    Ahhh... belo post!

    ResponderExcluir
  7. Eu tive uma. Para desespero dos meus pais, todos os meus brinquedos terminavam desmontados, a curiosidade era grande demais.

    Nem imagino que fim tenha levado. Mas hoje entendo a bronca da minha mãe, acredito que tenha sido um brinquedo bem caro.

    FB

    ResponderExcluir
  8. Francisco V.G.15/05/10 13:49

    Brinquedos de uma Estrela de verdade, que os fazia aqui e com qualidade. Hoje, com a concorrência barata de produtos vagabundos "made in China" até mesmo ela já os importa de lá.

    ResponderExcluir
  9. Jamanta Eletrônica!

    Que saudade desse brinquedo!
    Realmente, o "Puminha" era o xodó...

    ResponderExcluir
  10. A minha está aqui na estante do meu quarto, com todos os carros, está identica a da foto.

    Tudo em perfeito estado.

    Não sabia que era tão rara, legal.

    ResponderExcluir
  11. Tive uma também (tenho 27 anos).

    Meu xodó era o Maveco... Na minha época, o Puma passava por seu período brega, aquele que todo carro passa antes de ser considerado um antigo.

    Assim, não dava muita bola para o puma.

    Se bobear, é até capaz de eu achá-la perdida nas caixas guardadas aqui em casa.

    ResponderExcluir
  12. Sandoval Quaresma15/05/10 21:06

    no aniversário de 5 anos do meu guri mais velho, comprei um fusca preto policia idêntico ao que aparece na ultima foto, ao lado da carreta!
    também feito pela Estrela!
    isso era... 1986.. se não me engano.
    duracell não era suficiente, haja pilha!

    ResponderExcluir
  13. É o treze15/05/10 21:08

    só nessa época mesmo, para termos carrinhos de brinquedo de modelos nacionais...

    ResponderExcluir
  14. EStive no Encontro de Águas de Lindóia e lá também descobri duas raridade: um tico-tico, aquele pequeno triciclo com o qual nossos irmãos brincavam lá pela década de 50 e um jipe, feito totalmente de lata. Meu irmão tinha um desses e cuidava dele como se fosse um automóvel de verdade. Adorei o blog;aprendi a gostar de automóveis com meu marido e gosto muito de fotografá-los. Tenho muitas fotos do evento do ano passado em http://walcestari.multiply.com Um abraço. Waldete

    ResponderExcluir
  15. Nossaaa, agora quase chorei vendo essas fotos.
    Acho que foi o brinquedo que mais brinquei na minha vida!!!!!
    Adorava esses carrinhos, o truck.
    Como desenhava nessa época, eu fazia frentes diferente de papel, com lápis mesmo e recortava e colava na frente toda do truck. Brincava com os carrinhos no sofá de casa, fazendo caminhos com chinelo no chão....

    Realmente foi o meu brinquedo predileto na minha infância.

    Obrigado PK por me proporcionar esse momento de emoção com esse post.

    abs

    Marcio Musciacchio

    ResponderExcluir
  16. Um parente tinha esta carreta. Eu já era um pouco "velho" para isto.
    Como já sabia dirigir, comandava os botões estacionando-a de ré, com perfeição!

    Sou mesmo é do tempo da Trans-car, também da estrela, mais de funcionamento manual.
    Altamente resistente!

    Boa lembrança....Bons tempos!
    Mh

    ResponderExcluir
  17. Tonho da Lua15/05/10 22:24

    Jamanta não morreu!

    ResponderExcluir
  18. Nico acima da lei15/05/10 22:26

    Waldete, você tem um Chevete?

    ResponderExcluir
  19. Eu também tive a Jamanta comando eletrônico, junto com os caminhões betoneira e basculante. Caraca, voltei quase trinta anos no tempo, nem lembrava desses brinquedos...

    Os carrinhos da jamanta ainda existiam até pouco tempo atrás, foram repassados ao meu sobrinho e ele se encarregou de dar um fim nos coitados... O Puma estava todo "reformado", pois vi certa vez uma foto de um Puma de competição e fiz um spoiler dianteiro e outro traseiro com massa Durepox. Diga-se de passagem, ficou bem parecido com o da foto que usei como modelo.

    O único brinquedo antigo que fiz questão de guardar foi o Stratos, com controle remoto via rádio (o primeiro modelo, branco, de 27 MHz - depois saiu o vermelho, com frequência de 48 MHz, mais rápido em resposta ao comando do controle). Meus pais pagaram uma pequena fortuna na época, foi o brinquedo mais marcante que ganhei, por isso resolvi conservá-lo. De tanto usar, o controle remoto não comanda mais o giro das rodas para a direita, mas o resto está perfeito.

    ResponderExcluir
  20. Nossa, herdei do meu pai, a Jamanta, a fábrica de carros e o fusca "bate e volta" azul, entre outros brinquedos. O meu pai é um cara muito organizado, quase chato, que conservou os brinquedos dele da década de 70 e como eu vim ao mundo quando ele acabara de completar 19 anos, acabei herdando os briquedos que ele cuidadosamente guardava na caixa. Brinquei muito com todos eles e infelizmente não os conservei como o meu pai. Eu gostava mais do Passat. Acho que pq meu pai comprou um OK quando eu tinha 3 anos de idade. Os únicos brinquedos que ele não deixou eu brincar foi a coleção de carrinhos e aviões da Matchbox que ele guarda até hj. Vou completar 27 anos em menos de um mês e acho que ele só me mostrou os carrinhos umas 4 vezes em toda a minha vida.

    Muito legal ver as fotos desses brinquedos, vou mostrá-las ao meu pai!

    ResponderExcluir
  21. Pois é, Waldete: tive um destes jipes totalmente de lata na década de 60 (o meu era caracterizado de carro de bombeiro, e tinha até o "giroflex", que funcionava de verdade, sobre o capô), mas este jipe, se não me engano, era dos "Brinquedos Bandeirantes", não da "Estrela". Deus do céu, como o tempo passa! Me lembro dele, 40 anos depois, como se fosse hoje. Saia com ele pelas calçadas de Copacabana, e havia muito espaço, coisa que me parece impossível hoje, tamanho o fluxo de pedestres.

    ResponderExcluir
  22. Também tive um, mas acho que ele foi mais uma vítima dos meus primos destruidores de brinquedos alheios.

    O cavalinho ainda existe, porém, não funcional.

    Também me arrependo profundamente de não ter mais estas miniaturas...

    ResponderExcluir
  23. Cara, eu tinha uma dessas!! Sensacional, valeu por me fazer lembrar uma grande fase da vida.

    Abraco,

    ResponderExcluir
  24. Muito legal esse post! A jamanta foi meu presente de natal em 1978!! Na epoca a industria de brinquedos focava nos modelos nacionais, mas o "cavalo" da jamanta era "importado", enquanto nos meus modelos menos sofisticados eram sempre Scania ou FNM.

    O desafio era acoplar o cavalo na carreta apertando as teclas, vindo de re.

    O curioso e que todos os carros "existiam" na vida real, inclusive o Passat laranja e o Maveco verde.

    ResponderExcluir
  25. PK,

    Aquela na caixa tive que me segurar para não comprar...

    MAO

    ResponderExcluir
  26. Rodrigo Laranjo16/05/10 12:37

    EU TINHA! EU TINHA!

    Aliás, tinhamos 2, eu e meu irmão tinhamos um cada um.

    E meu irmão arregaçou os carrinhos no martelo porque na cabeça dele a cegonha leva os carros porque estão quebrados...

    ResponderExcluir
  27. PO VOLTEI A MINHA INFANCIA!!

    TIVE A JAMANTA,O BATE-VOLTA FUSCA DE BOMBEIRO E UM PORSCHE CARRERA DE FRICÇAO COM DUAS VELOCIDADES TAMBEM DA ESTRELA ! O PORSCHE ERA O PREFERIDO! PORQUE SERÁ?

    ResponderExcluir
  28. Alguém lembrou daqueles jipes de lata.....Meus vizinhos tinham, Exército ou bombeiros, até com escada!
    e nunca ouví falar de algué ter se machucado sériamente com a lata!
    Bons tempos, do "políticamente incorreto"!
    MH

    ResponderExcluir
  29. Ainda tenho a maioria dos meus brinquedos guardados em perfeito estado, apesar daqueles que funcionavam à pilha, provavelmente,não funcionarem mais. Um dos meus preferidos era uma miniatura radiocontrolada do Porsche 928 GTS na cor champanhe que "devorava" 5 pilhas AA e a bateria de 9 volts do controle remoto muito rapidamente. Foi com esse brinquedo, réplica de um dos Porsches "bastardos", que aprendi a gostar da marca, por volta de 2-3 anos (tenho 23), quando ainda nem sabia o que era um Porsche.

    Bitu,
    Eu já fazia ao contrário, ficava revoltado quando alguma criança danificava algum dos meus brinquedos, as vezes ficava com tanta raiva que chegava a resolver o problema "na mão". Bati muito num garoto vizinho que destruiu meu "Porsche Polícia" da Estrela lá pelo ano de 1991...

    ResponderExcluir
  30. Sensacional postagem, assim como muitos eu também voltei no tempo, mais precisamente em 1976, quando foi lançado esse brinquedo maravilhoso...Em casa tivemos duas, uma pra mim, outra pro meu irmão mais novo, e outra foi para um querido primo da mesma idade que eu...
    Imagina só as três jamantas no quintal, era quase uma transportadora !!!

    ResponderExcluir
  31. MUITO BEM LEMBRADO !!!!!!!!
    Acredito que comecei a me interessar por mecanica com minha jamanta, pois desmontei ela para ver como era seu funcionamento, e é claro nunca mais foi a mesma!!! kkkkkk.
    VOLTEI NO TEMPO, PARABÉNS !!!

    ResponderExcluir
  32. Claaaaro que tive uma!!!!
    E deixava mais o caminhão de lado pra brincar com os carrinhos, que eu acabei pintando-os com motivos de competição...
    Ah, e tive a fábrica da ATMA comentada mais acima também.

    ResponderExcluir
  33. Caramba,

    Lembro até da manutenção da
    "JAMANTA" a tração era numa grande roda na traseira do carrinho só que a borracha que a revestia era muito fina e dava pau direto.. Colocamos outra feita de " câmara de ar" aí tracionava legal RSRS...

    Outra coisa chata eram os contatos de frente e ré que às vezes falhavam , mas era só desmontar e limpar...ficava zerado...!

    Lembro também do AQUAMÒVEL - CORCEL II AMARELO AMBULÂNCIA !!!

    Tempo bão...

    ResponderExcluir
  34. Que bacana que muitos tiveram a Jamanta.

    Eu também desmontava muito a minha para mexer nos contatos. Deve ter parado de funcionar e "se perdeu" em alguma limpeza nos armários.

    Uma pena.

    Mas eu ví algumas para vender no Mercado Livre.

    Abraço a todos,

    PK

    ResponderExcluir
  35. Noooossa esse brinquedo foi um dos meus favoritos quando criança. Adorava o Maverick e o Passat. O Chevete era estranho e o Puma bem legal. A carreta abaixava pros carros subirem. Só era estranho controlar os botoões quando se queria mudar de direção. Fiquei com vontade de comprar um agora colocar na estante!!!! Valeu!!!

    ResponderExcluir
  36. A minha esta na caixa ainda...

    ResponderExcluir
  37. Aqui vai um vídeo dessa maquininha funcionando: http://www.youtube.com/watch?v=4XU1reb8kxo

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.