CUIDADO, PERIGO À SOLTA

Foto: Autor


O que tenho levado de fechadas ultimamente não é brincadeira. Não sei se com o leitor tem acontecido o mesmo. Claro, sempre dirijo na defensiva e escapo incólume de todas. O que noto é que invariavelmente o carro que me fechou está com um dos vidros de condução — o das janelas dianteiras — escurecidos pela famigeradas películas.

Fiz essa foto num posto de lavagem, o carro estava aguardando que o dono o retirasse. Com esses vidros o infeliz não consegue olhar pelos espelhos externos de dia, o que dirá de noite.

Portanto, amigo autoentusiasta, todo cuidado é pouco nesse tempo em que cada um faz o que quer e que pelo jeito continuará ad eternum.

BS

54 comentários :

  1. Cuidado , principalmente quando estiver a pé e for atravessar ruas e avenidas à noite e em estacionamentos cobertos tipo shoping centers,quando andares por calçadas onde estaciona-se carros a frente de cabelereiros , dentistas , padarias supermercados,essas peliculas estão provocando um grande nimero de acidentes com pedestres, na calçada onde , teoricamente estariamos protegidos , enquanto as autoridades não tomarem providencias cabe aos cidadãos conscientes alertarem para o perigo dos "carros filmados"

    ResponderExcluir
  2. toty,
    De fato, muito bem lembrado. Eu mesmo já tomei inúmeros sustos desse tipo.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Muito pertinente esse assunto, ontem mesmo passei por isso, um gol todo fechado no filme fechando todo mundo na Av.Dom Pedro II aqui em Belo Horizonte, era nítido que o condutor não estava conseguindo ver muita coisa, ainda mais com chuva.

    ResponderExcluir
  5. Retirei as malditas películas do meu carro, pois para dar ré pela noite tinha que baixar o vidro e colocar a cabeça pra fora do carro, não enxergava nada, não fui eu quem as colocou já veio no carro, posteriormente colocarei alguma mais clara que esteja dentro das normas do contran por questão de segurança. Não gosto delas, o carro fica muito mais bonito sem, dá a impressão de limpeza, de carro mais novo, mas de qualquer forma na minha cidade(Recife), é um mal nescessário devido ao alto índice de violência.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  6. Tiago Vieira
    Não existe película dentro das normas quando se trata de para-brisa e janelas dianteiras. Esses vidros, quando esvedeados, já estão praticamente no mínimo de transparência. Só caberia uma película de no máximo 5%, que nem sei se existe.

    ResponderExcluir
  7. Pra mim já virou rotina ser fechado ou empurrado pro lado por motoristas que não enxergam nada de dentro das películas lindonas, qualquer situação que não seja sol forte já é risco.

    Se bem que por aqui as pessoas andam tão estúpidas que já nem sei se tirando as películas o comportamento não seguiria o mesmo.

    Tempos tristes que vivemos onde as pessoas só involuem em comportamento e civilidade, tá demais!

    ResponderExcluir
  8. Bob,

    Este caso é um exagero.

    Não dá para generalizar.

    Um abraço,

    Rafael Aun

    ResponderExcluir
  9. Pensei q o "perigo à solta" fosse pelo gol, os motoristas desse modelo só fazem besteira no transito.

    ResponderExcluir
  10. Mister Fórmula Finesse09/11/10 13:56

    Sem falar da antisocialidade da buzinada de um conhecido de carro de película.. você passa por grosso se não devolve o cumprimento pois não detecta nada.

    ResponderExcluir
  11. Ítalo
    Não tenho dúvida de que sem vidros escurecidos a segurança do trânsito aumentaria.

    ResponderExcluir
  12. Aun
    Essa caso pode ser exagero, só que há milhares de "exageros", carros em iguais condições rodando. Basta olhar.

    ResponderExcluir
  13. O Revoltado !09/11/10 14:02

    Sim .. notar que o carro da foto ja esta bastante batido !

    ResponderExcluir
  14. Mister Fórmula Finesse
    A comunicação visual entre motoristas é e sempre será imprescindível. Esse caso que você cita acontece muito.

    ResponderExcluir
  15. O Revoltado
    O carro está realmente em mau estado.

    ResponderExcluir
  16. Fernando M.09/11/10 14:30

    Outro risco é a perda da visão à distância do trânsito, aquela visão que temos através dos carros à frente, aproveitando a transparência dos vidros. É muito importante saber o que acontece à frente no trânsito para podermos dirigir preventivamente. Hoje em dia parece que estamos sempre dirigindo atrás de kombis.

    ResponderExcluir
  17. Beto Marcicano09/11/10 15:04

    Bob, comentei a pouco tempo em um fórum que participo sobre o risco das películas muito escuros, inclusive no post relato o que me ocorre, e quse não fosse o ABS do Temprão 16v (vulgo "Tenebroso" hehe) talvez eu estivesse postando do hospital hoje. Pra quem quiser conferir o relato e a discussão que veio a seguir, deixo o link:

    http://autoforum.com.br/index.php?showtopic=153933

    ResponderExcluir
  18. Anônimo, 14:55
    De novo, sim, e prepare-se que haverá muitos outros posts sobre essa mazela do trânsito brasileiro. Não vamos desistir nunca. Automóvel não é esconderijo.

    ResponderExcluir
  19. Beto Marcicano
    Isso aí, os caras não enxergam o que está vindo devido à falta de transarência mínima necessária. Depois contamos piadas de português...

    ResponderExcluir
  20. Francisco V.G.09/11/10 17:00

    Pior é alguns "corujões" que colocam esse negócio até no para-brisas e os mais adeptos disso são os policiais civis em suas "barcas".

    ResponderExcluir
  21. Bob,

    Moro em Teresina/PI, aqui a época chuvosa dura 2 meses, e o resto do ano é sol a pino. Já tentei usar carro sem as películas, mas é quase impossível vc dirigir um carro as 14h sem uma película, nem que seja a mínima. Em outros locais, como no sul/sudeste acho que é possível andar sem películas, mas aqui no Nordeste, pelo menos aqui no Piauí é muito complicado pelo sol.

    PS: Agora a noite realmente o negócio pega com as películas, tem que redobrar a atenção.

    ResponderExcluir
  22. Em 95% das fechadas que levei, o motorista estava dirigindo um carro com aparelho de som. Já mandei um requerimento ao Contran para regularizar aparelhos de som nos carros. Agora só quem provar que sabe escutar música e dirigir ao mesmo tempo vai poder instalar! Tá vendo como irresponsabilidade aceita qualquer meio de justificativa?

    ResponderExcluir
  23. Muito bem colocado Bob essas peliculas são um perigo à noite e se ainda por cima estiver chuvendo ai mesmo é que o bicho pega..

    ResponderExcluir
  24. coloquei nas laterais película "bem" escura, durante o dia não há problema, mas a noite realmente a visibilidade é de 10% no máximo.
    Um outro ponto positivo não explorado é que a película ameniza faróis altos e faróis de neblina desregulados!
    ...no mais, são só desvantagens a noite com esse acessório.

    ResponderExcluir
  25. De nada adianta proibir as películas se continuam ocorrendo assaltos, sequestros, se até os carros das autoridades, particulares e oficiais, usam esse equipamento. O motorista dá fechada porque é ignorante e barbeiro, tanto faz o grau de transparência dos vidros.

    ResponderExcluir
  26. Bob, em casa dividimos um carro. Depois que minha esposa e filho foram seguidos e rendidos por bandidos armados, que permitiram que ela retirasse o menino da cadeira sob ameaças, eu fui obrigado a manter estas películas em todos os carros. A esposa simplesmente não quer mais andar, como ela diz, em um aquário. O que o senhor diria para ela e milhares de brasileiros que, por motivos análogos, se escondem atras desta desgraça chamada insulfilne?
    Em tempo, por mim eles deveriam ser totalmente proibidos no Brasil, em que pese o calor, a melhor justificativa para usa-los.

    ResponderExcluir
  27. Bob, já são tantos carros com esse saco de lixo nos vidros que fica impossível culpar esse "acessório". Não temos um bom grupo de carros sem essas coisas para avaliar se a culpa é do film ou não.

    ResponderExcluir
  28. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  29. Concordo pelo menos em partes com o Anônimo das 17:50, o motorista brasileiro é muito sem educação. Já levei fechadas de carros e de motos com e sem película.

    Mas o fato é que a película atrapalha bastante durante a noite, especialmente quando chove.

    O difícil é convencer a uma pessoa que tem, nunca sofreu acidentes, colocou para evitar os bandidos e já acostumou a tirar.

    ResponderExcluir
  30. Caro Bob, ótimo e pertinente port. Realmente a película escurecedora é uma praga, sou radicalmente contra, e em meu carro não a uso.
    Contudo, enquanto os brasileiros não aprenderem a votar para os cargos do Legislativo em candidatos que se comprometam a fazer leis que defendam o cidadão honesto e não o bandido - como têm sido feitas desde o fim do regime militar -, a insegurança grassará solta pelas ruas e mais e mais pessoas escolherão a possibilidade de não serem vistas por quem estiver do lado de fora ao invés de ver os carros ao redor. Talvez a solução fosse uma película polarizadora, que permitisse a visão de dentro para fora e bloqueasse de fora para dentro, mas não sei se isso existe no mercado lá fora. Aquí certamente não tem. Enquanto isso, temos de dirigir com o triplo da atenção que seria normalmente necessária. Que Alá nos proteja...

    ResponderExcluir
  31. Ontem a noite, transitando pela Avenida Washington Luis em frente ao Aeroporto de Congonhas, um Peugeot 206 com insulfilme zig-zagueava pelas faixas em volocidade inferior aos demais veiculos e com as luzes apagadas, já eram umas 22h. Fiquei com medo, acelerei e ultrapassei, minha esposa disse que era uma mulher dirigindo falando ao celular. Já que o povo não tem consciencia do perigo sobre dirigir e falar ao celular ao mesmo tempo, deveriam obrigar o uso de aparelhos de som com bluetooth, acho que amenizaria um pouco esse problema.

    ResponderExcluir
  32. É Bob.

    Isso é um tema difícil pelas questões de segurança que o Nikollas apontou.

    A questão da visão noturna é simples: alguém dirige à meia noite com óculos de Sol? Então.

    ResponderExcluir
  33. Meu carro veio com esse saco de lixo nos vidros. A praga maior é retirar a cola que sobra depois de remover a porcaria, um verdadeiro inferno... Sem contar que, no vidro traseiro com desembaçador, é preciso cuidado redobrado para não danificar algum filamento de aquecimento.

    O que mais causa aquecimento na luz solar são os raios ultravioleta (UV) e infravermelho, sendo a luz visível de poder de aquecimento muito menor. Os raios infravermelhos são bloqueados pelo vidro, seja ele verde ou não. Existem (ou existiam, ao menos alguns anos atrás) películas com filtro UV e totalmente transparentes. Do mesmo modo, uma película escura e sem filtro UV eficiente, não reduz muito o aquecimento, por permitir a entrada dos raios UV, embora se imagine estar "protegido".

    Mas o interessante é que eu não me sinto mais seguro por ter película escurecedora nos vidros. Não existem estatísticas a respeito, mas duvido que algum gatuno se sinta intimidado em abordar algum carro com película. Como 90% dos carros não a tem no para-brisa, a visão por esse ângulo é total. Sem contar que, à noite, perde-se muito a percepção de sombras e vultos. Ou seja, da mesma maneira que o bandido não te vê, você também não percebe alguém se aproximando sorrateiramente. Se estiver chovendo então...

    ResponderExcluir
  34. Outra praga que deveria ser punida com todo o rigor da lei são os malditos faróis de xenônio "genéricos".

    E o pior é que observando os carros assim (mal) equipados, é notória a perda de iluminação realmente efetiva. O imbecil que os usa imagina estar com melhor visão, quando na verdade a quantidade de luz útil é inferior ao farol comum (a não ser que o cabeçudo goste de caçar morcegos no topo das árvores...) Perde-se também iluminação efetiva a longas distâncias, visto que o farol comum não serve para o uso de lâmpadas "xenon".

    Ou seja, só atrapalham quem vem em sentido contrário. Sem contar que sobrecarregam o sistema elétrico, visto que funcionam com alta tensão.

    ResponderExcluir
  35. Agora imaginem um cara com esses vidros e atrás um que só anda com a seta acesa e farol baixo apagado.

    ResponderExcluir
  36. Pelicula é besteira.

    No meu carro anterior, eu a removi para dar um aspecto mais novo ao carango. No atual, retirei em virtude de visibilidade e beleza também.

    Muito mais bonito um carro com vidros limpinhos do que esse saco de lixo preto aí.

    Road Runner,

    Para retirar, coloque um saco de lixo preto (não a película, mas um saco mesmo) no vidro traseiro pelo lado de dentro e deixe o carro um pouco no sol. Pode ajudar a esquentar o vidro com um secador de cabelos também. Após alguns minutos, basta puxar a película que ela sai com cola e tudo.

    ResponderExcluir
  37. A questão da segurança é relativa também. E se o gatuno te levar junto, hein?? Ninguém verá nada....

    ResponderExcluir
  38. Janssen Arcoverde,
    Já estive em Teresina e imediações numa viagem de validação do Omega australiano, 42 °C, sol a pino, e deu para rodar sem qualquer problema de insolação. Acho estranho quando você e outros levantam essa questão justificando o vidro escuro. A própria Saint-Gobain Sekurit, fabricante de vidros e grande fornecedora da indústria automobilística, é enfática ao dizer que o carro fica mais quente sob sol com vidros escurecidos. E olhe que fabricavam os vidros Venus 55 e Venus 35 para a Fiat (abandonados).

    ResponderExcluir
  39. Anônimo das 19:37

    Obrigado pela dica de aquecer o vidro para retirar a película. Caso eu tenha que retirar novamente essa meleca do vidro, vou usar a dica. Infelizmente, no meu carro atual tive que sofrer "pra canário" para deixá-lo sem as famigeradas películas... O cabeçudo do dono anterior teve o disparate de instalar películas G20, vê se pode...

    Abraço!

    RR

    ResponderExcluir
  40. Anônimo, 17:27
    Está bem, os carros que o fecharam estavam com som nas alturas e não tinham Insulfilm...

    ResponderExcluir
  41. Nikollas Ramos,
    É uma falsa sensação de segurança. Se tiver que ocorrer o crime, será com ou sem Insulfilm. Além disso, há todos os contra bem conhecidos. E lembre-se do menino que foi morto pela polícia por engano no Rio. O carro tinha vidros bem escuros

    ResponderExcluir
  42. Caio Ferrari,
    É uma questão de bom senso. Visibilidade num campo de 180° é imprescindível para o dirigir correto. Vidros escurecidos não permitem isso.

    ResponderExcluir
  43. Dirijo os carros da firma, ambos com esta porcaria, e olha que não são lá tão escuros. Um verdadeiro saaaaaaaaaaaco dirigir à noite. É isso aí, Bob: carro não é esconderijo. E para quem não sabe, não é boate, também. Um débil-mental ouvindo o som no máximo, fica totalmente alheio aos sinais sonoros em sua volta, como os apitos de um guarda, uma buzina, quem sabe um simples grito que lhe alerte de alguma situação, ou até mesmo (não duvidem) sirenes de polícia, ambulância, e bombeiro. Se ao menos aqueles lixos que costumam ouvir pudessem ser chamados de música...mas nem isso.

    Mr. Car.

    ResponderExcluir
  44. Guilty by association?

    ResponderExcluir
  45. "...nesse tempo em que cada um faz o que quer..."
    Muito engraçado.
    Autoentusiasta só acha certo fazer o que se quer quando é ele mesmo, enquanto indivíduo "autoentusiasta", quem define as regras do que é ou não permitido fazer. Basta encontrar outro "autoentusiasta" pela frente, com sua própria versão pessoal das regras que deve desrespeitar e do que é ou não é apropriado considerar, para a fórmula do "cada um faz aquilo que quer" começar a desandar...
    Só rindo mesmo.

    ResponderExcluir
  46. Marcelo Augusto10/11/10 00:42

    Bob,

    O vidros Venus foram retirados devido este argumento do fabricante que esquentam mais, ou a Fiat já sabia e a retirada foi por outro motivo?

    ResponderExcluir
  47. Concordo com o Bob. Além de feias, essas películas prejudicam bastante a visibilidade, sobretudo à noite. Estou aqui pesquisando um carro usado e todos que vejo estão com esse saco de lixo preto nos vidros. É uma trabalheira para retirar tudo, ficam vestígios de cola e ainda há o risco de danificar os filamentos do desembaçador do vidro traseiro. Por aqui está difícil encontrar um bom carro sem esses filmes.

    ResponderExcluir
  48. Prezado Bob

    Quando das minhas andanças em Manaus andei muito de táxi e percebi que os manauaras tem a infeliz mania de colocar película, mais escura possível em todos os vidros, inclusive no parabrisa e para completar andam apenas com o farolete aceso.

    Resultado, na saída de um restaurante o táxi bateu em um outro carro devido a absoluta falta de visibilidade.

    A situação é de tal forma angustiante que eu quase abri os vidros do carro mas ai o
    aprazível calor de 38ºC a noite não permitiu tal ato.

    A coisa chega a um ponto que até de dia fica difícil de avaliar se
    está claro, escuro, nublado e por ai vai.

    Meus dois últimos carros não tem /tiveram película e cada vez mais me convenço da sua inconveniência, exceto a faixa degradê no parabrisa
    devido a incompetência da Ford que esqueceu deste detalhe no Novo Focus.

    ResponderExcluir
  49. Bob,

    Também temos que informar que existem muitos motoristas mal formados que dirigem muito mal, com ou sem film, som ou qualquer outra coisa. A formação do motorista brasileiro deixa muito a desejar, acredito ser esse o principal motivo das fechadas que vem levando. Isso sem contar os pontos cegos dos retrovisores de quase todos os carros que rodam por aqui,

    ResponderExcluir
  50. Se a culpa das fechadas fosse por causa dos filmes escurecidos tudo bem, mas não são.

    A culpa das fechadas é, na maior parte, imprudência dos motoristas, tanto daquele que faz a fechada propositadamente quanto daquele que, quando vê uma seta, joga em cima ao invés de dar passagem.

    E assim a selva urbana vai se revelando. Quem tem dinheiro compra SUVs e passa por cima, quem não tem, desvia.

    ResponderExcluir
  51. Anônimo, 12/11, 20:53
    É evidente que as fechadas não surgiram com os vidros escurecidos, que não permitem visibilidade adequada. Mas que contribuem para isso, é inegável.

    ResponderExcluir
  52. As desculpas para a colocação dos malditos filmes nos vidros são as mais esfarrapadas possível.
    Desculpas como segurança e calor em damasia não me convencem nem um pouco.
    Ontem mesmo, subindo a Imigrantes debaixo de chuva e com pouca luz do entardecer, levei duas fechadas (estava na pista central).
    Os dois carros tinham os vidros laterais com filme saco de lixo.
    Em uma delas eu estava simplesmente emparelhado e o motorista de um Celta verde não me viu.
    Outro ponto importante já foi comentado aqui, a falta de visibilidade proporcionada pelo carro que vai a frente com o famigerado insul filme.
    Atrapalha e muito!
    Romeu

    ResponderExcluir
  53. Uso G50 no carro, e sinceramente, dirigo com ótima visibilidade, concordo que pra quem tem qualquer tipo de deficiência na visão, ou usa algo muito escuro, pode prejudicar, principalmente a noite.
    Não abro mão de um vidro pelo menos pouco escurecido, e confirmo isso quando ando no carro da minha mãe, cara, eu sinceramente fico paranóico quando paro num sinal e sei que qualquer um ve que só tem eu e minha mãe dentro do carro, e o pior de tudo é imaginar que qualquer um pode ver quando ela está sozinha, ainda mais na noite de Brasília, que não é nada bonita.

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.