DUAS IDÉIAS SIMPLES

Foto:germanoribeiro.wordpress.com


Como digo sempre, viajando é que se vê soluções de trânsito bem simples, facilmente aplicáveis aqui. Foi o que vi em Portugal na semana passada.

A primeira é representada por um sinal luminoso (o da foto é meramente ilustrativo). A idéia é a seguinte. Você vem por uma via onde o limite é, digamos, 60 km/h.  Mas você vem acima disso, mesmo que por pouco. O que acontece? Nada de multa, não "senhoire": o sinal adiante fecha e você tem que parar.  Se não parar, vem a multa pelo correio, como em qualquer avanço de sinal.

Assim que você pára, o sinal muda para verde. Ou seja, não adianta tentar ir mais rápido, porque os sinais adiante vão fechar sempre. O jeito é seguir dentro do limite. Bastante simples, não? Um sinal moderador.

A segunda idéia é mais simples ainda. Nos estacionamentos tipo shopping, cada vaga tem uma luzinha dependurada do teto com uma lâmpada verde e outra vermelha. Você não precisa ficar rodando excessivamente devagar procurando uma vaga, vai direto onde numa a luz está verde. Bem simples também, não achou? Não vi como é o detalhe do interrutptor, mas imagino que seja no solo. As rodas de um eixo passaram em cima, luz vermelha; passou de novo, ao sair, verde. Perfeito!

Alguém me disse que no Shopping Iguatemi, em São Paulo, jã existe esse sistema. Se for fato, ótimo!

O que não faz uma cabeça que pensa...

BS

47 comentários :

  1. Não me lembro qual, mas este sistema já existe em Shopping de São Paulo sim.

    Também existe em Santiago, Chile.

    Fábio.

    ResponderExcluir
  2. Não tenho certeza, mas acho que já vi este negócio de luzes verdes/vermelhas sinalizando as vagas livres/ocupadas em um shopping ou hipermercado aqui do Rio.

    ResponderExcluir
  3. Pelo que entendi, o apressadinho acaba fazendo outros carros pararem tambem no sinal vermelho, mesmo que venham trafegando no limite estabelecido?

    ResponderExcluir
  4. acho que essa idéia do sinal que fecha para quem está acima do limite de velocidade não é tão boa, pois por conta de um único infrator todos os outros motoristas têm que parar, prejudicando a fluidez do tráfego.

    Luciano

    ResponderExcluir
  5. tem esse esquema de luzes no teto no estacionamento do Shopping Morumbi, funciona perfeitamente, nota dez.

    ResponderExcluir
  6. Esse sistema do estacionamento tem no Shopping Morumbi, e funciona com sensores ópticos que ficam acima dos carros. Acredito que isso funcione só nesses shoppings mesmo pelo alto custo, já que ninguém tá a fim de facilitar nossa vida. Conforme você vai entrando no estacionamento ele vai indicando as setas vermelhas ou verdes para te levar a vaga e um contador mostra quantas tem. É ovo de colombo.

    ResponderExcluir
  7. este sistema de vagas com luz vermelha/verde em cima já existe no hipermercado Guanabara, na Barra da Tijuca. Já o do sinal de trânsito, é interessante, mas pode atrapalhar outros q vem vindo na velocidade correta, e terão tb q parar no sinal. Achei interessantes os sinais de trânsito em Buenos Aires, que ficam amarelos antes de ficar verdes e antes de ficar vermelhos...dá para todos engatarem a 1 e sair mais rápido. E outra q vc já citou em outro post q tb é muito útil, q são as faixas pintadas no chão nas curvas depois dos sinais de trânsito, para um carro não abrir demais nem fechar demais a curva e atrapalhar os outros.

    ResponderExcluir
  8. Das duas idéias publicadas, a primeira é ridícula. Quer dizer que um motorista que está andando corretamente tem que ser penalizado pelo que vem acima da velocidade?

    A segunda idéia não é novidade no Brasil. Por exemplo, o supermercado Guanabara da Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, possui esse sistema.

    ResponderExcluir
  9. A idéia do sinal que fecha para quem está acima do limite de velocidade É, SIM, MUITO BOA!

    "por conta de um único infrator todos os outros motoristas têm que parar"

    Se o motorista estava acima da velocidade certamente não há congestionamento e provavelmente não existem também muitos carros tão próximos à ele, e logo não prejudicará em nada a fluidez do tráfego.

    E se houver a sanção social que o ato causará ajudará a inibir futuros excessos.

    Ademais, essa é uma medida que certamente EDUCA, pois a punição é imediata e o motorista entende que não adianta correr, pois não ganhará tempo algum MESMO!

    Mas brasileiro adora dar dinheiro para o governo... então não tem chance de ter suporte por aqui...

    ResponderExcluir
  10. A idéia do sinal é muito boa, pois cria uma "educação coletiva", igual aquela história dos macacos que lavavam choque, a própria população começa a se policiar para não se prejudiciar. E se todos os carros andam próximos, numa mesma velocidade dentro da lei, não há como alguém ultrapassar.

    Em relação as vagas, vi pela primeira vez num shopping em Manaus, achei bem legal a idéia, realmente ajuda.

    ResponderExcluir
  11. Ih Bob, vc tá atrasado na ideia do sinal. A BH trans já faz isso, porém com uma grande diferença: Não tem sensor nem nada, a programação semafórica é feita de tal modo que o motorista sempre pegue algum sinal vermelho, independenente da velocidade. Segundo o responsável pra "obrigar o cara a parar e não ter como correr". Brilhante, não? Depois não sabem porque o trânsito da cidade é tão ruim...

    ResponderExcluir
  12. Falaram aí das luzinhas e que já existem por aqui. Eu nunca vi... Acho que tá na hora de eu desentocar um pouco desse esquema escritório-casa e dar umas bandas por aí.

    ResponderExcluir
  13. o novo prezunic do recreio no Rj tem esse sistema no estacionamento

    ResponderExcluir
  14. Então eu venho dentro da velocidade permitida, o motorista ao meu lado vem acima da velocidade permitida e tanto o infrator quanto eu temos que parar no sinal fechado? Até que não é má ideia; assim eu desço do carro e arrebento o desgraçado até a morte.

    ResponderExcluir
  15. Esse esquema do semáforo bastaria sincronizar todos de forma que, se o cara andar certinho pegue sempre no verde. Se correr, o próximo ainda vai estar vermelho.

    Funcionava muito bem a uns anos atras aqui em Cascavel, PR. De uns tempos pra cá, em algumas regiões da cidade, não sei pq, esse sincronismo deixou de existir.

    ResponderExcluir
  16. A única idéia boa a respeito de fluidez de tráfego é aquela que faz os veículos andarem. As outras são idéias de português (com todo respeito).

    ResponderExcluir
  17. O problema não é o semáforo ou a dificuldade técnica para implantar o sistema. O grande problema são as velocidades estupidamente baixas que imperam por aqui e a enorme preguiça e vagabundagem de nossas autoridades em queimarem um pouco a mufa e balançarem seus rabos das cadeiras.

    ResponderExcluir
  18. E uma ambulância ou bombeiros, como fazem com o farol?
    Não gostei da idéia. Acho ainda mais interessante termos limites coerentes e multar sim que ultrapassar os limites COERENTES de velocidade, não as aberrações baixíssimas do Brasil e em especial de SP.
    A idéia boa de farol é sincronizar, isso sim. Mas não é feito pois dá trabalho. Chega-se ao ridículo de para andar quatro quarteirões na Faria LIma pegar QUATRO farois fechados.

    ResponderExcluir
  19. A luzinha só vejo no Carrefour quando dá pau no caixa.

    ResponderExcluir
  20. Gostei da ideia, mas cá entre nós é preciso mudar muitas coisas em nosso país.

    A lista é grande e todos sabem disso. Urge a necessidade de mais policiais rodoviários nas estradas que se tornaram pistas de corrida, mas com carros que não são guiados por pilotos, mas por burros que não entendem nada de regras de trânsito. E o pior, é que fazem um monte de atrocidades sem ter medo.

    ResponderExcluir
  21. As luzinhas tem em alguns shoppings em SP e em várias garagens públicas na Alemanha. Aliás, como é barato estacionar naquele país. O valor pago por uma tarde no estacionamento é inferior ao que pagamos pela primeira hora em SP.

    Quanto ao semáforo fechar para reduzir a velocidade, prejudica os demais.

    Quando fui à França, vi muitos indicadores de velocidade que mostravam uma "carinha" feliz ou brava, dependendo da velocidade, mas não multavam.

    Não vejo tanto problema assim nos radares, desde que instalados onde há necessidade (em frente às escolas e hospitais, por ex.) e com o limite de velocidade razoável.

    O problema é que são instalados escondidos atrás de árvores, pontes, e sempre onde o limite da velocidade é ridiculamente baixo.


    Marco

    ResponderExcluir
  22. Como citaram, o Guanabara da Barra (Rio) tem essas luzes no estacionamento. As vagas preferenciais têm luzes azuis.

    Mas ao sair do mercado e entrar na Av. das Américas o motorista se depara com uma sucessão de semáforos sem sincronia.

    ResponderExcluir
  23. Bob, ambas uma ótima idéia .

    O Farol Lusitano é muito interessante.

    E a resposta de que um esperto paga por todos como comentado acima creio que não procede. Ningúem quer ficar parado, portanto, deve funcioanar até para o mais apressado.

    Nossa inteligência brasileira é que atrapalha todo o entendimento.

    As luzes de estacionamento eu já vi aqui no Brasil e parecem funcionar.

    Um abraço,

    Rafael Aun

    ResponderExcluir
  24. As luzes do estacionamento vi pela primeira vez no Manauara Shopping, em Manaus. Isso foi no ano de 2009 e basicamente é um sensor de presença que, ao invés de acender/apagar uma lâmpada, acende outra. Pelo menos entendi assim...

    Em Teresina - PI as luzes do semáforo são reproduzidas em uma especie de catadióptrico instalado nas bordas da via. Assim, se vc vem com uma certa distância olhando pra pista, e não observa o sinal, dá pra saber se tá aberto ou fechado.

    Achei sensacional, nunca vi nada igual. Se alguém for de Teresina, que mande fotos.

    ResponderExcluir
  25. Esse é o esquema do semáforo com repetição no solo:

    http://rw-rjnews.blogspot.com/2011/05/copacabana-ganha-sinal-de-transito-novo.html

    ResponderExcluir
  26. Daniel San16/11/11 19:57

    Os portugueses fizeram os Arcos da Lapa para passar água,veio o brasileiro e botou bonde e o troço está de pé há quase 300 anos.
    Depois o português é quem é burro...

    ResponderExcluir
  27. Corsário Viajante
    São sinais moderadores apenas. Tanto que assim que o carro pára, vira verde. Não tem que esperar pedestre ou tráfego transversal. Ambulâncias e bombeiros podem passar com o vermelho, isso é universal.

    ResponderExcluir
  28. Bob, esse sistema de estacionamento já existe no Brasil em algum shopping de São Paulo que visitei. Acredito que algum do eixo da Berrini/Morumbi

    ResponderExcluir
  29. Como os amigos já falaram aí em cima, esse sistema de estacionamento já existe em alguns shoppings de SP.
    Para mim, como daltônico, não muda nada, pois não diferencio o verde (pelo menos o tom de verde que usam no Morumbi) do vermelho em ambientes de baixa luminosidade, como as garagens do shoppings.

    ResponderExcluir
  30. Olha, o luminoso de estacionamento tem no shop. morumbi, mas não é nota 10 como dito acima, não: várias vezes vejo uma vaga "verde" e dou de cara com um Ka e outros compactos estacionados. Outro dia, o sistema não reconheceu sequer uma Fielder estacionada...

    Já o sinal na via, não entendi muito bem, porque o acho impossível: quer dizer que o sinal fecha toda hora por um malandrinho ou outro?

    ResponderExcluir
  31. Vi que em São Paulo o padrão de velocidade ou é 60 km/h ou 40 km/h.

    Dá até desgosto rodar aí, pra quem é de fora. É velocidade muito baixa, só pode ser pra arrecadar com multa.

    Deveriam vender exclusivamente pra São Paulo aqueles carros japoneses de 660 cm3, dá é sobra, e ainda gasta pouco.

    ResponderExcluir
  32. Bob,

    Vc elmbra a via em que viu esta sinalização?

    Se possível, coloca o endereço do Google Mapas

    ResponderExcluir
  33. Anônimo 16/11 23:23
    É na estrada litorânea Lisboa-Cascais, é fácil achar.

    ResponderExcluir
  34. Caro Bobo,

    Mais que punir, entendo que a finalidade desse semáforo é educar, especialmente àqueles que acham que o limite de velocidade existe para arrecadar multas e não para preservar a segurança e, mais que isso, as vidas.

    Sou carioca mas vivo em São Paulo e prefiro que pessoas que pensam assim fiquem longe da cidade.

    A grande diferença entre Brasil e outros países é educação.

    Nos Estados Unidos a regra (não escrita) em cruzamentos onde não há farol é simples: passa um que vem pela via para depois passar outro que está na transversal, e assim por diante. Mesmo que o veículo na transversal esteja antes do meio da quadra, deve-se esperar sua passagem.

    Onde tem farol, mesmo que esteja fechado, a conversão à direita é permitida (e sem multa) sem não houver nenhum pedestre atravessando ou veículo vindo pela pista da direita na transversal.

    E na pista da esqerda onde está pintado uma seta indicando conversão e a palavra ONLY, experimente parar ali e NÃO virar à esquerdam seguir en frente. É multa certa. Aqui, serve de atalho para os mesmos idiotas irresponsáveis que saem pelo acostamento quando o trânsito está parado.

    Na Alemanha, um ciclista dá sinal com a mão e, sem olhar para trás, muda de faixa ou faz conversão sem se preocupar se será atropelado pois a bicicleta tem preferência sobre os demais veículos. E o pedestre, tem preferência sobre todos.

    Abraço

    ResponderExcluir
  35. Caro Bob,

    Desculpe o erro de digitação, colocando mais um "o" após seu nome. Falha minha.

    Eu o considero o melhor jornalista do Brasil no assunto.

    Abraço,

    ResponderExcluir
  36. RJ/SP

    Suas colocações são corretas mas, infelizmente, no Brasil, limite de velocidade é, sim, para faturar uma graninha. Quanto aos ciclistas, os daqui sequer fazem qualquer tipo de sinal com as mãos, é tudo na base da surpresa. Não repeitam nada nem faixa de pedestres e coitado daquele que se postar na frente, é trombada certa. Semáforo, na cabeça deles, é só para veículos automotores - passam direto.

    ResponderExcluir
  37. Acho que é assim:

    http://g.co/maps/tsjf2

    André Andrews

    ResponderExcluir
  38. E o tal do português que é o burro!


    Maran

    ResponderExcluir
  39. Tipow assim... qdo tah vermelho e os carros parados no sinal, tinha q tipow ter um apito pra avisar q mudou pra verde... assim naum precisa ficar olhando pra cima e esperando o sinal abrir... enquanto isso posso retocar a maquiagem numa boa sem me preocupar em apressadinho buzinando atrás...
    Amanda

    ResponderExcluir
  40. Esse "esquema" de indicar a vaga por uma luz no teto é muito usada no exterior. Morei em Portugal 3 anos atrás e lá já tinha esse sistema nos centro comerciais maiores. Facilita mesmo a vida!

    ResponderExcluir
  41. Gostei da idéia do sinal moderador! :-) No começo daria uma certa confusão, mas depois as pessoas iriam acabar se acostumando! Só não sei se daria certo se fosse uma via com mais de uma faixa.

    ResponderExcluir
  42. E você tem que parar porque tem alguém acima da velocidade?

    ResponderExcluir
  43. Olá bob, está em portugal? Eu vivo aqui e aprendi a dirigir aqui, por isso nao tenho como comparar com o sistema brasileiro, mas de fato se empregado no brasil, seria muito boa ideia.

    abraço!

    ResponderExcluir
  44. Bob! Queria fazer uma pergunta fora do topico! Certa vez vc flw de uma oficina aqui no Rio, que seria a unica que vc confia para fazer alinhamento e balanceamento das rodas. TEnho um civic 98 e preciso pegar estrada BR-101 até Campos. Qd chego a 100kms/h o volante treme. ultima vez que fiz esses servicos foi qd troquei e pneu em dezembro (16mil kms rodados ate entao).

    Widmen, dpaschoal ... essas nao confio nem com a guarda em forma!

    Obrigado

    ResponderExcluir
  45. No estacionamento do Aeroporto de Salvador seria ótimo colocar este sistema de sinalização pois são dois pisos e qdo o primeiro está lotado os funcionários não liberam o segundo vc fica procurando o que não existe. Claro que é necessário
    orientar os funcionários e fiscalizar a execução.

    ResponderExcluir
  46. Outra ideia simples que se vê bastante na Europa e que poderia ser aplicada aqui é a de colocar uma barra de ferro suspensa na horizontal antes de túneis e viadutos, posicionada à mesma altura do teto dos mesmos. Se um caminhão estiver alto demais, ele irá bater na barra de ferro antes de chegar ao túnel ou viaduto, o que fará barulho e alertará o motorista para frear e evitar uma colisão que cause danos maiores. Já vi um viaduto ficar quatro meses em reparos por causa de um infeliz num caminhão com carga alta demais, o que causou inclusive um acidente com duas mortes durante as obras.

    ResponderExcluir
  47. Peço a gentileza de retirar do ar o post leviano e equivocado do Sr Bituca sobre o Polara cujo qual tem a foto de um raríssimo e fodastico Polara GLS vermelho do ar em carater de emergencia.seus merdas!!!!!!!!Tiraram as postagens e não tiraram o post do ar.CAGALHOES!!!!!!

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.