NAFTALINA NA VEIA: HOT RODS DE 1982

O meu amigo RT (dono do Bimmer deste post aqui) deixou comigo e com o JJ uma revista sensacional, cheia de nostalgia para os quarentões como nós, e muito cheiro de naftalina. Trata-se de uma velha revista americana de hot rods, velhinha, sem capa ou contracapa, que conseguimos identificar como sendo publicada em algum ponto de 1982. O RT encontrou ela na casa da mãe, e não resistiu em compartilhá-la conosco.
A revista mostra apenas uma foto de uma página de cada carro, acompanhado de uma modelo. Tudo tem um ar de fim dos anos 70, irresistível aos quarentões, muita coisa cafona e antiga, mas ainda assim deliciosa. As roupas e penteados das modelos, a pintura e as rodas dos carros (2 modelos: ou é raiada, ou é Cragar), tudo é tão específico daquele momento no tempo que nos faz imediatamente voltar à infância, o que sempre é muito bom. O JJ está em processo de escanear tudo, e, portanto, como são mais de 100 páginas, esse é apenas o primeiro dos posts neste tema. Pouca coisa que falar aqui, a festa é quase somente visual.
Primeiro, um carro ainda interessante hoje. O Dodge amarelo abaixo se chama "Dart Game" (jogo de dardos), e além de ser belíssimo, tem um motor interessante: um V-8 340 (small block Mopar, como nosso 318/5,2 litros) com dois turbocompressores! Somente nos últimos 3-4 anos os americanos realmente descobriram o turbocompressor, e o adotaram em larga escala em vez do compressor que tanto adoram. Em 1982, dois turbos era uma coisa rara de verdade.
Este Camaro 1967 com o V-8 de bloco grande Chevrolet de 427 pol³ (7 litros) chama a atenção de várias formas diferentes, da incrível pintura verde profundo ao interior felpudo de veludo verde com volante tulipa com furos nos aros. Mas anos 70 impossível...
Este Opel Manta, coitado, teve que engolir um Chevrolet V-8 de Corvette com um gigantesco blower (compressor tipo Roots de acionamento mecânico) vindo de um caminhão GMC Diesel 2-tempos. Mas confesso que coloquei esta foto porque adorei a garota...
Os dois Chevrolet 1955 abaixo são exemplos clássicos do melhor hot rod americano em minha opinião: o Chevrolet tri-five (55, 56 e 57) levemente modificado. Algo que nunca sai de moda. Minha admiração por isso aí embaixo é imensurável.
Agora para rir um pouco. VANS. Para quem não sabe, os anos 70 foram a década das vans modificadas nos EUA, e aqui vão três exemplos desta cafoníssima moda. Interiores que são uma explosão de veludo, fones de ouvido enormes plugados na TV com videocassete, cadeiras de capitão giratórias, murais psicodélicos do lado de fora, embalos de sábado à noite, e muito cheiro de erva ilegal. Ah, os anos 70...
MAO

16 comentários :

  1. Eu gosto dessas Vans. Talvez um pouco mais discretas por fora, mas ainda extravagantes por dentro.

    Por favor, postem as fotos também em alta definição. Elas dão excelentes planos de fundo.

    ResponderExcluir
  2. Vou ficar esperando ansiosamente os outros posts então!!!
    Esse Chevy amarelo é um sonho mesmo
    Lembrei do Two-Lane Blacktop.E voce tem razão, a garota tá mais interessante que o Opel da foto, rsrsrs.
    Valeu mesmo, gostei muito
    ABS

    ResponderExcluir
  3. Saudade de tipo de foto politicamente incorreta :D

    ResponderExcluir
  4. Para apreciar devidamente essas fotos, tem que botar uma fita de Willie Nelson ou Loretta Lynn pra tocar no velho aparelho de 8 pistas, acompanhando com algumas latinhas de cerveja americana bem aguada. Yaa-hoo!

    ResponderExcluir
  5. Eu nao curtia os tri-five. Mas depois de conhecer o projeto E-Rod LS3 da GMPP ( http://www.youtube.com/watch?v=VeziL4bm-Cs )e ler a historia do Bel Air com carinho, me apaixonei.

    ResponderExcluir
  6. Gostei foi das muié, os hots eu passo.

    ResponderExcluir
  7. bah, perfeito o dart amarelo!

    ResponderExcluir
  8. Francisco Neto01/04/10 21:08

    Que loukura deve ter sido os 70's...

    Melhor mesmo são as modelos! haha!

    Esse post lembrou-me um filme de sessão da tarde muito loko em que era uma gincana e os personagens corriam atras das pistas em vans modificadas... e no meio tinha um gordinho que guardou um pacote de doce dentro do painel do computador, alta tecnologia na VAN. Muito legal.

    Booa MAO!

    ResponderExcluir
  9. MAO,

    Hot rod, como sempre, imperdivel, indispensável, essencial! Muito legal o post, cara! Valeu mesmo!

    ResponderExcluir
  10. João Gabriel Porto Bernardes02/04/10 00:51

    Francisco me lembro desse filme também...

    Além da van(que era azul se não me engano...)havia um Fusca 1303 verde com uns alemães(inclusive um deles na cena da fábrica de cerveja,caí dentro do tanque de cerveja) e o carro dos mocinhos do filme era uma Bandeirante(Land Cruiser lá)aberta,amarela com calotas cromadas...era um filme legal não eram como esses filmes de "amiguinhos para sempre" "cachorrinhos falantes em grandes aventuras".
    Se alguém souber o nome desse filme,por favor diz aí pra mim tentar arrumar ele...

    Valeu!!

    ResponderExcluir
  11. Fico pensando como estão essas meninas das fotos hoje... rsrsrs

    Engraçado como era menos vulgar e mais sensual.

    ResponderExcluir
  12. Os editores dessas revistas eram muito espertos mesmo: naquele ambiente puritano dos EUA, acharam uma maneira de contrabandear fotos de mulheres em trajes menores pra dentro dos quartos de rapazinhos que jamais ousariam comprar uma Playboy!

    ResponderExcluir
  13. Muito legal o post, também gostaria de ver as fotos em alta resolução, eu automaticamente cliquei em duas fotos pra tentar ver os detalhes...

    E mais um belo texto mao, van cafona com cheiro de erva ilegal... hahahahaha!!

    Uma pequena correção: após a foto do Dart, no final do parágrafo saiu "mas anos 70 impossível...", creio que vc quis dizer "Mais", certo?

    Abraço!

    ResponderExcluir
  14. João Gabriel Porto Bernardes02/04/10 13:45

    Em relação as vans...

    Uma pena que a Kombi não deixou nenhuma ser fabricada aqui...

    ResponderExcluir
  15. Gostei da primeira van e do Dodge Dart biturbo, os outros achei meio estranhos.

    ResponderExcluir
  16. Paulo Levi,
    voce acretou em cheio!! a diferenca entre essas fotos e as de uma Playboy da epoca está nos peitos de fora, e olhe la.... a imaginacao voava folheando essas paginas!!! confesso que só fui reparar nos carros agora que encontrei a revista novamente, rsrsr.....

    detalhe das modelos: cabelos eram do jeito que sao (nao existia alisamento nem chapinha), e principalmnente: peitos eram peitos mesmo!!

    RT

    ResponderExcluir

Pedimos desculpas mas os comentários deste site estão desativados.
Por favor consulte www.autoentusiastas.com.br ou clique na aba contato da barra superior deste site.
Atenciosamente, Autoentusiastas.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.